FIFA confirma data de julgamento de Guerrero após contraprova do exame antidoping também dar positivo

Comentários()
Jogador desfalcará o Flamengo e o Peru até a data do julgamento e pode ter uma pena ainda maior, dando mais dor de cabeça ao time brasileiro

Guerrero teve o pedido de interromper a sua suspensão preventiva de 30 dias negado nesta sexta-feira pela FIFA. A contraprova do atacante peruano, aberta nesta sexta, deu novamente positivo para o uso da substância benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína. 

Desta maneira, o jogador irá desfalcar o Peru e o Flamengo no momento mais decisivo para ambas as equipes na temporada. Guerrero será julgado pelo caso de doping no dia 30 de novembro na Suíça, mesmo dia que o time rubro-negro irá enfrentar o Junior Barranquilla pela semifinal da Sul-Americana.  

O atacante testou positivo para benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína, em exame antidoping realizado após o jogo entre Peru e Argentina, no mês passado em partida válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. 

A defesa do jogador alegou que a substância encontrada no exame é proveniente da folha de coca utilizada para chá consumido em diversos países da América do Sul. Os advogados apontam contaminação em um outro tipo de chá ingerido pelo jogador. 

Paolo Guerrero Santos Flamengo Copa do Brasil 26072017Foto: Gilvan de Souza/CR Flamengo/Divulgação

Guerrero desfalcará o Flamengo justamente na reta final da Copa Sul-Americana e do Campeonato Brasileiro, onde o clube tenta garantir a sua classificação para a Copa Libertadores de 2018. A situação com a Seleção Peruano é parecida. A sua seleção disputa uma vaga na Copa da Rússia contra a Nova Zelândia na repescagem e o jogador irá perder os dois jogos. 

O Flamengo pode ter uma dor de cabeça ainda maior caso Guerrero seja suspenso pela FIFA. Dependendo do resultado da audiência no dia 30, o clube carioca poderá ter que buscar outro centroavante de peso para 2018 se o peruano for suspenso por ainda mais tempo.

Próximo artigo:
Paulistão 2019: VAR nos mata-matas e acesso à "caixa-preta" da arbitragem
Próximo artigo:
"Meus advogados estão confiantes" - Cristiano Ronaldo responde a acusações de abuso sexual
Próximo artigo:
Campeão do primeiro turno, São Paulo tem campanha de time que briga contra o rebaixamento no returno
Próximo artigo:
Seleção: Tite divulgará nova lista de convocados nesta sexta-feira
Próximo artigo:
Auxiliar do Chelsea que provocou Mourinho é denunciado por conduta imprópria
Fechar