Sensação na Itália, Piatek supera estreias de CR7, Messi e outros grandes artilheiros

Comentários()
Getty Images
O polonês contratado pelo Genoa fez 13 gols em apenas 8 jogos, e já desperta interesse de gigantes

Header Tauan Ambrosio

O melhor atacante do mundo neste momento não veste nenhuma das camisas mais poderosas do futebol europeu. Ainda.

Autor de 13 gols em apenas oito jogos disputados, considerando Serie A e Coppa Italia, Krzysztof Piatek, do Genoa, é o maior goleador quando avaliamos as cinco principais ligas domésticas do Velho Continente (França, Itália, Espanha, Alemanha e Inglaterra).

O centroavante de 23 anos foi contratado por € 5 milhões pela equipe italiana, que vê o investimento dar certo dentro e fora de campo. Pois se nos gramados os gols de Piatek dão um equilíbrio aos genoveses, que têm a terceira pior defesa da Serie A e ocupam o meio da tabela (12º lugar), fora das quatro linhas o polonês viu o seu valor de mercado subir de € 900 mil para € 15 milhões segundo dados do site Transfermarkt.

De fato, é um início raro de se ver em jogadores que fazem a sua estreia em uma das cinco maiores ligas da Europa. Na verdade, nenhum dos grandes craques da atualidade teve um início tão prolífico na arte de estufar as redes.

Cristiano Ronaldo, Messi, Salah, Neymar, Griezmann, Mbappé e o conterrâneo Robert Lewandowski passaram longe da marca estipulada por Krzysztof em seus oito primeiros jogos com o Genoa. Na verdade, levando em consideração a temporada inteira apenas Neymar, em seu primeiro ano de Barcelona (2013-14), o superou: fez 15 gols em 41 jogos.

GFX artilheiros debutantes

Aqui vale destacar que dentre os citados, o único centroavante de referência é justamente Lewandowski, autor de 9 gols em sua primeira temporada pelo Borussia Dortmund (2010-11). Mesmo assim, o feito de Piatek é de ser admirar.

Neste sábado (20), o polonês será a grande esperança do Genoa para evitar uma derrota fora de casa contra a Juventus de Cristiano Ronaldo. E ainda que Piatek mantenha os pés no chão em relação ao futuro, não fique impressionado se na próxima temporada você ver este atacante vestindo alguma das camisas mais pesadas da Europa. Parece ser apenas uma questão de tempo.

Próximo artigo:
Fora do time títular, Rabiot estuda entrar na justiça contra o PSG
Próximo artigo:
Santos no Mercado: Quem chega, quem sai e quais as prioridades para 2019?
Próximo artigo:
Jiangsu Suning tenta negociar saída de Ramires para contratar Diego Tardelli
Próximo artigo:
General Mourão assume a Presidência da República, mas não esquece de comemorar a vitória do Flamengo e o tropeço do Botafogo
Próximo artigo:
Arsenal faz sondagem para fechar empréstimo com James Rodriguez
Fechar