Notícias Placares ao vivo
Barcelona

O que explica a crise do Barcelona? Messi irritado, Bartomeu, Barçagate e os pontos do declínio

19:55 BRT 16/07/2020
Lionel Messi Barcelona 2019-20
Os problemas nos bastidores - que não são poucos - têm refletido diretamente no desempenho do time dentro de campo

Longe de seus melhores dias dentro de campo, o Barcelona perdeu o título da La Liga 2019/20 para o Real Madrid com uma rodada de antecedência. Mas não é só dentro das quatro linhas que o clube vive uma fase delicada, já que os problemas dos bastidores, cada dia mais intensos, também ajudam a entender o declínio do futebol culé. 

Entre questões políticas, conflitos internos e jogadores irritados, o Barcelona vai ter um longo caminho para voltar aos seus melhores momentos. Mas, se ainda quiserem que esta não seja uma temporada totalmente perdida, os problemas vão precisar ser superados rápido, a tempo do jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões, contra o Napoli, depois de um empate em 1 a 1 na ida.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN com um mês grátis!

A primeira questão do clube é com os jogadores irritados, em especial Lionel Messi. Não pode ser bom, em momento algum, que o principal nome e líder da equipe esteja descontente, mas é isso que está acontecendo no Barcelona. Não é de hoje que o argentino está insatisfeito no clube, o que, aliás, já abriu margem para as especulações de que, depois de quase 20 anos, ele vá deixar o time

Depois da derrota contra o Osasuna, nesta quinta-feira (16), que acabou com qualquer possibilidade de o Barcelona conseguir alcançar o Real na briga pelo título, Messi fez um desabafo à imprensa. O atacante se mostrando bastante irritado com o time, em especial nas últimas partidas e cobrou uma mudança de postura para que os culés não passem a temporada em branco pela primeira vez desde 2007.

"As sensações são que o time tenta, mas não tem capacidade. Deixamos muito a desejar em vários jogos. Tudo que a gente viveu desde janeiro tem sido muito ruim. Temos que mudar muitas coisas, na realidade. Os torcedores estão ficando sem paciência porque nós não estamos entregando nada. É normal", criticou o argentino.

Enquanto isso, Messi segue sem alguém que divida o protagonismo com ele - o mais perto que tem é Luis Suárez, que vive temporada muito abaixo do que em anos anteriores. E, quando teve a oportunidade de fazer uma boa contratação, o clube trouxe Martin Braithwaite, do Leganés, que está longe de ser o que o argentino esperava.

A relação de Messi com Quique Setién, treinador do Barça também não é das melhores. E não é só entre os dois que o clima está complicado, Suárez e Piqué também vivem momentos críticos com a comissão técnica, que desde o início não se vê como querida do trio formados por alguns dos principais jogadores do Barça. Os três não foram a favor da demissão de Ernesto Valverde, que culminou na chegada de Setién. 

Mas o problema vai ainda mais além das relações complicadas no vestiário do time. O alto escalão do Barcelona também vive um momento delicado, principalmente o presidente Josep Maria Bartomeu. 

Desde fevereiro, quando a imprensa espanhola noticiou o escândalo que ficou conhecido como BarçaGate - com as acusações de que os mandatários do clube catalão de contrataram uma empresa para defender Bartomeu e criticar atletas como Messi, Piqué e Xavi e suas famílias nas redes sociais. O presidente está cada vez mais isolado no clube e podendo, a qualquer momento, ter um pedido de impeachment aberto contra ele.

E, novamente, Messi entra na história. A relação atacante com Bartomeu também não é boa - e isso antes mesmo do escândalo ser revelado. Ele não gosta de diversas atitudes do presidente e do diretor Eric Abidal, com quem teve uma briga pública em fevereiro

Desta forma, cheio de problemas internos, que quase não aconteciam nas outras temporadas, não é de se estranhar a má fase do Barcelona dentro de campo, que é criticada até mesmo pelos jogadores, com Messi e Suárez expondo os seus descontentamentos em público: "Não queríamos terminar a temporada assim. Mas representa como ela foi. Fomos muito irregulares, muito fracos, um time com pouca intensidade. Perdemos muitos pontos e o jogo de hoje é um resumo da temporada", disse o argentino após a derrota.