Icardi pede "respeito" da direção da Inter em pronunciamento no Instagram

Comentários()
Getty Images

Mauro Icardi pediu “respeito” à diretoria da Inter de Milão, expondo seus sacrifícios e lutas pelo time por meio de um post no Instagram.

Todo o transtorno envolvendo o jogador e sua renovação com o clube ainda não teve um capítulo final, e o argentino se mantém afastado das atividades desde o dia 9 de fevereiro.

Icardi e sua esposa Wanda Nara, que também é sua empresária, estiveram envolvidos em uma constrangedora disputa com o clube italiano nas últimas semanas em torno de um novo contrato e, neste meio tempo, o atacante acabou perdendo seu posto de capitão do time por razões não explicadas.

Além de sua ausência na equipe nas últimas três semanas, muitas especulações foram alimentadas sobre o seu tempo na Inter estar chegando ao fim, sendo inclusive relacionado a uma possível transferência à Juventus, Real Madrid, Barcelona, Napoli ou Manchester United.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

🙏 #MI9

Uma publicação compartilhada por Mauro Icardi - MI9 (@mauroicardi) em

“É nos momentos mais difíceis que o amor verdadeiro é mostrado. Nesses momentos decidi ficar na Inter, com a Inter.

Quando senti que, com meus objetivos, poderia ajudar a Inter a ser mais forte, em muitos aspectos. Mais forte do que os problemas do Fair Play Financeiro, mais fortes do que as nossas dificuldades, quando havia muitos para julgar que, como equipe, não valíamos muito.

Na Inter, com a Inter e apesar de tudo, sempre decidi ficar, e pelo amor dessas cores, recusei ofertas que a maioria dos jogadores profissionais teria recusado.

Joguei com dores físicas que me levaram às lágrimas depois do jogo e nos dias seguintes. Mas sempre insisti em entrar em campo, mesmo contra os conselhos médicos, porque consegui esquecer todas as dores do campo, com o único objetivo de dar tudo o que pudesse para ajudar essas cores.

Pelo amor às cores dos Nerazzurri. Porque existe apenas a Inter. Mostrei aos meus filhos que devemos manter a esperança. Eu ensinei a eles que vencer é difícil, mas fazer isso com a Inter tem um significado único, que somente um verdadeiro torcedor da Inter pode entender e sentir. Os olhos dos meus filhos não mentem. Esse amor pela Inter foi aprendido em minha casa.

Realizei meu sonho, realizei o sonho de todos nós na Inter, retornando à Liga dos Campeões , com o time de que eu era capitão. Porque eu sempre senti e transmiti amor por essas cores.

Eu sempre desaprovei aqueles que na primeira oportunidade tentaram deixar o clube. Respeitei os fãs, os meus companheiros de equipe, o clube e todos os treinadores que passaram durante a minha estadia.

Eu tenho colaborado com o clube, tanto dentro quanto fora de campo, na inclusão de todos os novos jogadores, mostrando a eles que apenas com paixão poderíamos alcançar nossos objetivos.

Eu sei o que é amor para a Inter, e os fãs da Inter sabem disso porque viram como eu sofri, chorei, lutei e finalmente aproveitei essas cores. Na Inter. Com a Inter.

Mas como eu disse, todos os sacrifícios foram feitos pelo amor dessas cores e respeitando a todos.

Não sei se neste momento existe amor e respeito para com a Inter e para comigo de alguns que tomam as decisões. Não sei se há alguém com o desejo de agir e resolver as coisas única e exclusivamente por amor à Inter.

Em uma família muitas coisas podem acontecer, bonitas ou feias.

E por amor você pode suportar muito, de tudo. Mas nunca deve faltar respeito. Estes são os meus valores, estes são os valores pelos quais sempre me esforcei. Na minha história Na Inter. Com a Inter. ”, escreveu o jogador em sua publicação.

Fechar