Os momentos importantes do Barcelona em 2018

Comentários()
Getty
A equipe azulgrana encerra o ano com dois títulos na Espanha e com Messi alçado à posição de capitão

O ano de 2018 foi o primeiro do Barcelona completamente sem Neymar. O clube conquistou o ‘Doblete’ (La Liga + Copa do Rei) e apesar da despedida de Andrés Iniesta, recheada de emoções, Lionel Messi segue como o herói máximo no Camp Nou. E foi exatamente o argentino quem protagonizou os melhores momentos blaugranas nestes últimos 12 meses.

Abaixo, confira um resumo de alguns momentos importantes do Barça em 2018.

Renovações de Piqué, Sergi Roberto e Busquets: a continuidade do modelo famoso de jogo barcelonista. Os dois primeiros assinaram até 2022, enquanto o meio-campista firmou contrato até 2023.

O Doblete: na primeira temporada do Barça sem Neymar, negociado em 2017 com o PSG, o Barcelona sofreu apenas uma derrota em casa na Liga Espanhola (para o Levante) e demonstraram uma incrível solidez defensiva. Na Copa do Rei, o caminho do título teve em seu último capítulo uma vitória sobre o Sevilla – que serviu, dentre outras coisas, para aliviar o baque causado pela eliminação para a Roma, nas quartas de final da Champions League.

Iniesta Sevilla Barcelona Copa del Rey

Paulinho e Mina são vendidos: um êxito financeiro para o clube. O colombiano chegou em janeiro, por 11 milhões de euros, e foi vendido em agosto, para o Everton, por 19 milhões mais. Já o brasileiro retornou ao Guangzhou Evergrande, da China, por 10 milhões de euros a mais em relação ao que o clube catalão havia pago inicialmente.

As lágrimas de Iniesta em sua despedida: após 16 temporadas na primeira equipe, da qual tornou-se capitão em 2015, Iniesta escreveu o seu último capítulo como jogador do Barcelona.

Iniesta Barcelona Copa del Rey

Messi passa a ser o capitão: após as saídas de Carles Puyol, Xavi e Iniesta agora sobrou apenas Lionel Messi para herdar a faixa de capitão. O argentino, além de ser o maior craque da história do clube, atualmente é o jogador com mais partidas disputadas no elenco atual.

A ascensão de Arthur: o meio-campista brasileiro foi a grande sensação deste início de temporada barcelonista. O ex-gremista entrou no time e parecia que vestia a camisa do Barça há muitas temporadas, ganhando elogios até mesmo de Lionel Messi.

Fase de grupos invicta na Champions: com o foco total para voltar a reinar na Europa, o Barcelona foi uma das equipes mais fortes da fase de grupos da Champions League. No Grupo B, não sofreu nenhuma derrota, empatou duas vezes e garantiu vaga nas oitavas de final com antecedência.

Messi Bota de Oro

Chuteira de Ouro para Messi: o argentino recebeu a premiação concedida ao melhor artilheiro dos certames nacionais pela quinta vez em sua carreira. Foram 34 tentos na última temporada da Liga Espanhola.

Próximo artigo:
Abidal pressiona De Jong a decidir se vai aceitar a oferta do Barcelona
Próximo artigo:
Liverpool faz história e vira o clube mais lucrativo do mundo
Próximo artigo:
Tottenham: depois de Kane, Dele Alli se lesiona e vira desfalque na Champions
Próximo artigo:
Andrés fala de Arana, Romarinho e diz que Romero enrola para renovar com Corinthians: "Despacito"
Próximo artigo:
Semifinais da Copa São Paulo 2019: quando é, quais são os times e todas as informações
Fechar