Notícias Placares ao vivo
Neymar

O dia em que Neymar resolveu mais como garçom do que como artilheiro

18:51 BRT 12/08/2020
Neymar Mbappé Atalanta PSG Champions League 12082020
O camisa 10 foi peça fundamental para a virada histórica do PSG na Liga dos Campeões

Foi no sufoco, mas o PSG conseguiu se classificar para as semifinais da Liga dos Campeões . E um dos principais personagens da vitória - de virada e nos últimos minutos - dos franceses foi Neymar, mesmo sem ter deixado o seu gol.

Até os 45 do segundo tempo o PSG estava perdendo e dando adeus à Champions. Mas um passe de Neymar para Marquinhos - na posição de centroavante -, mudou a história do jogo. O zagueiro mandou a bola para a rede e empatou o jogo e, a pressão francesa, que já era grande, aumentou.

Três minutos depois, já nos acréscimos, surgiu um herói improvável: Eric Maxim Choupo-Moting. O atacante - que sequer estava inscrito para a reta final da Liga dos Campeões, mas acabou ficando com a vaga de Cavani - entrou 34 minutos do segundo tempo e, aos 47, Neymar mandou uma bola para Mbappé, que mando para Choupo-Moting, que mandou para o gol e virou o jogo.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN com um mês grátis!

Desde antes do jogo, a grande maioria dos torcedores - e até Thomas Tuchel, treinador do PSG - apostava no poder de decisão de Neymar. O atacante foi a grande figura do pré-jogo e chegou até a recriar o famoso corte moicano para ver se dava sorte no jogo. E deu, não como artilheiro, mas como garçom.

Apesar de não ter feito o seu, Neymar ainda assim foi um dos - se não o - melhor jogador do PSG. O brasileiro quem mais tentou ao longo da partida, quem mais driblou - foram 16 completos em 23 tentativas, enquanto, no jogo, foram 51 no total. 

Ao longo da partida, torcedores colocaram a frase "Nem Noé” entre os assuntos mais comentados do Twitter, dizendo que nem mesmo o personagem bíblico carregou tantos animais quanto o atacante neste jogo.

O camisa 10 do Paris deu bastante trabalho para a defesa da Atalanta, foi bastante intenso durante todo o jogo, que já começou com uma boa chance para Neymar, que acabou mandando para fora, antes dos 5 minutos. 

E no fim, ainda participou das jogadas dos dois gols do PSG. O passe para Marquinhos no primeiro e, no segundo, para Mbappé, que deu a assistência à Moting. Hoje, não viveu dia de artilheiro, mas sim de garçom.

O caminho para a título inédito, agora, é cada vez mais curto . O PSG pega o vencedor do confronto entre RB Leipzig e Atlético de Madrid, que acontece nesta quinta-feira (13). E o craque Ney já prometeu: “vamos chegar na final"