Guardiola: "É quase impossível competir com Barça ou Real no mercado"

Comentários()
Getty Images
Treinador catalão fez comentários sobre a escolha de Frenkie De Jong pelo Barcelona e disse não estar decepcionado com o jovem holandês

Pep Guardiola treina o Manchester City, que é uma das maiores potências financeiras da atualidade no mundo do futebol. Mas mesmo com o alto investimento do Sheik Mansour bin Zayed Al Nahyan, dos Emirados Árabes, o City ainda não é páreo para Barcelona e Real Madrid quando se trata de força no mercado de transferências. 

Isso ficou escancarado na negociação do Barcelona com o Ajax que resultou na contratação de Frenkie De Jong, jovem talento holandês de 21 anos, que foi adquirido por 75 milhões de euros (cerca de R$ 325 milhões). Ainda assim, Guardiola disse não estar decepcionado com o jogador e reconheceu o apelo de times como os dois gigantes espanhóis.

"Não estou decepcionado com ele. É quase impossível competir com Barcelona ou Real Madrid pelo prestígio que têm, pela liga que estão e porque são clubes incríveis", disse o técnico de 48 anos.

2018-12-31 Guardiola Manchester City(Foto: Getty Images)

De acordo com o Globo Esporte, o Manchester City tem analisado o mercado para contratar outro meio-campista versátil como é De Jong. Mas Guardiola sabe que é muito difícil competir com os grandes clubes quando eles entram na disputa para adquirir algum atleta.

Para Pep, o time do nordeste da Inglaterra precisa ser mais rápido do que os outros para sacramentar as assinaturas de reforços.

"Os jogadores têm que ter a liberdade para escolher. Se não vêm é porque preferem outro clube, é preciso respeitar e buscar outra alternativa. É preciso ser mais rápido do que os demais ou apostar em jovens talentos", falou Guardiola.

Fechar