Felipão diz olhar para o futuro, mesmo após eliminação do Palmeiras

Comentários()
Getty
Apesar de ter reconhecido pressão, o treinador deixou escapar que também já pensa em 2020

Luiz Felipe Scolari estava tranquilo, apesar da eliminação para o Grêmio nas quartas de final da Libertadores da América. Nesta terça-feira (27), o Palmeiras viu escapar uma vantagem de 1 a 0 no duelo de ida e perdeu em casa por 2 a 1. Em sua entrevista coletiva, o técnico reconheceu que a equipe cometeu erros e pagou caro por isso.

Acompanhe o melhor do futebol ao vivo ou quando quiser: assine o DAZN e ganhe um mês grátis para experimentar

Mais artigos abaixo

"Eu não posso dizer para vocês de que forma vamos agir amanhã. Nós todos entendemos, como atletas e técnicos. Sabemos que erros acontecem. Mas alguns são de uma forma tão diferente que não aceitamos. Temos que aprender a não cometer esses erros, principalmente em jogos mata-matas. Em jogos de sequência, podem acontecer. Quando se comete no mata-mata, não tem volta. Vamos exemplificar, mostrar que já vem acontecendo em duas ou três oportunidades. Aí são erros que pagamos caro", afirmou.

Felipão também reconheceu a pressão sobre seus ombros, mas deixou escapar que também pensa em uma continuidade a longo prazo ao citar a temporada 2020: "Pressão existe em qualquer lugar, do alto e de baixo. É normal. Estamos trabalhando no Palmeiras para ganhar campeonatos (...) Temos que tirar essa lição de hoje de equipe altamente copeiras, como Grêmio, Boca, River, para aprender a nos comportarmos ano que vem. Mentalmente, cada um, querer algo diferente. Foi um erro coletivo. Temos que trabalhar em cima disso”.

Por fim, apesar da tranquilidade, o treinador não escondeu a tristeza: "Meu sentimento é de tristeza, não poderia estar alegre. Eu trabalho com pessoas, tenho que aceitar que às vezes, como eu cometo erros, outros cometem. Tenho que tentar fazer que isso seja, para o futuro, benéfico para o futuro. Faz parte do futebol, faz parte da minha carreira".

Fechar