Premier League sem comemorações? Volta deve vetar troca de camisas e cuspes no gramado

Última atualização

Enquanto o futebol se aproxima de retornar em alguns países, o cenário do esporte no Reino Unido segue sendo incerto. Por enquanto, os clubes da Premier League estão aguardando Boris Johnson, primeiro-ministro britânico, anunciar as próximas medidas para lidar com a quarentena. 

As equipes da primeira divisão inglesa se reunirão nas próximas horas para discutir alternativas para a volta da competição, mas tudo dependerá desse pacote de medidas do governo contra o novo coronavírus.No entanto, muitos rumores estão surgindo a respeito de como será a volta da Premier League. 

De acordo com The Telegraph, algumas alterações serão feitas para garantir a segurança de todos, como a possibilidade de jogar em campos neutros (recomendado), a redução do número de jogos (mais improvável) e cinco substituições permitidas ao longo das partidas (muito provável). Além disso, existem outros tipos de regras que serão diretamente vinculadas à higiene e ao contato entre os jogadores.

Entre as medidas contempladas pela Premier League, é possível que os jogadores sejam proibidos de cuspir dentro de campo, algo que é muito rotineiro, e de trocar camisas ao final das partidas, uma tradição que também é muito comum no futebol. 

Além disso, a liga não descarta determinar que os jogadores comemorem os gols individualmente, sem abraços e pequenas aglomerações, visando manter um maior distanciamento entre os atletas. Isso é algo que também não deve ser muito fácil no início, visto que as comemorações são muitas vezes espontâneas e envolvem um momento de muita emoção no jogo.

Mais artigos abaixo

Os clubes se reunirão na próxima segunda-feira (11) para votar as diferentes propostas e fazer com que a temporada, que está suspensa até junho, possa ser concluída.

Mas enquanto a Premier League discute medidas para retornar, na Alemanha, a Bundesliga já tem data certa para voltar. Na Espanha, os clubes começaram a realizar testes em seus jogadores. O Barcelona, por exemplo, divulgou que todos os resultados de seus atletas foram negativos para a Covid-19 e retomou os treinos nesta sexta-feira.