Ídolo do Liverpool dispara contra Richarlison: "Poderia ter encerrado a carreira do Thiago"

Comentários()
Atacante do Everton foi expulso após dura entrada em Thiago Alcântara; ídolo dos Reds cobra punição mais dura

O clássico entre Everton e Liverpool, no último final de semana, pela quinta rodada da Premier League, teve emoção até o apito final. E foi justamente em uma disputa nos últimos minutos que Richarlison acabou cometendo uma falta dura em Thiago, para ser expulso com o cartão vermelho direto. E para um ídolo do Liverpool, o atacante brasileiro deveria receber uma longa punição por sua entrada ‘vergonhosa’ no derby de Merseyside.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

O lance em questão aconteceu aos 43 minutos da segunda etapa. Após a bola sobrar no meio de campo, Richarlison e Thiago correram para a dívida, mas o brasileiro chegou com força desproporcional no lance e acertou um carrinho perigoso no meia dos Reds, que ainda aguarda o resultado dos exames para saber se teve alguma contusão mais séria. Como resultado, o atacante do Everton acabou levando o cartão vermelho.

Para qualquer lance de expulsão direta, a Premier League prevê suspensão automática de três partidas. Contudo, John Aldridge, que atuou no Liverpool no final da década de 1980, não poupou críticas a Richarlison e afirmou que o atacante deve receber uma punição mais severa pela gravidade do lance. 

“Essa jogada foi vergonhosa, não há outra palavra para isso. Ele passou por cima da bola e esse é o tipo de entrada que pode encerrar uma carreira”, disse ao Sunday World.

“Thiago tem 29 anos e, se quebrar a perna, pode ser difícil para voltar ao seu melhor. O cartão vermelho não foi suficiente para Richarlison. Isso não deveria ser uma proibição de três jogos, precisa ser muito mais do que isso. E se Thiago conseguiu se safar, ele tem muita sorte”, completou o irlandês.

Mas esse passou longe de ser o único lance polêmico da partida. Jordan Henderson, em posição irregular, teve um gol anulado pelo VAR no final do jogo, enquanto Van Dijk teve uma séria lesão confirmada no joelho após receber forte entrada do goleiro Pickford - e como o lance já havia sido parado por impedimento, o jogador do Everton acabou não sendo punido pela arbitragem.

Virgil van Dijk Jordan Pickford Everton Liverpool 2020-21 Foto: Getty Images

“O melhor árbitro da Premier League foi feito para parecer um idiota pelo VAR. Não há desculpa para ele não pedir para Michael Oliver ver o replay daquele lance. Não acho que Pickford foi malicioso, pois ele é um goleiro que parece entrar em pânico em momentos como esse. Mas todos concordam que era para cartão vermelho”, acrescentou Aldridge.

Mais artigos abaixo

“A ideia de que o oficial do VAR estava muito distraído com a decisão do impedimento para ver a entrada em Van Dijk é uma piada, e esse deve ser um momento em que olharmos para quem está no comando das decisões do VAR”, concluiu.

Os lances em questão renderam muitas reclamações por parte do Liverpool, na mesma rodada em que o Arsenal se sentiu prejudicado na partida contra o Manchester City. Não é só no Brasil que o VAR e arbitragem em geral passam por momentos de turbulência.

Fechar