Cavani não treina e Tabárez indica possível substituto

Comentários()
Divulgação AUF
Treinador pode fazer mudanças táticas para o jogo contra a França, mas por enquanto indica Stuani para a vaga de Cavani

Nesta terça-feira o Uruguai retomou os treinos intensos no Centro Esportivo Borsky, visando o jogo das quartas de final contra a França, na próxima sexta-feira. Sem Cavani em campo, por conta da lesão na Panturrilha, Óscar Tabárez esboçou a Celeste com a mesma formação das últimas partidas, apenas com a entrada de Stuani na vaga do atacante do PSG.  

A expectativa antes do início dos trabalhos era para ver se Cavani iria aparecer ou não no gramado. E isso não aconteceu. Apesar disso, o atacante fez trabalhos na academia como parte de seu plano de recuperação. Sem ele, então, para realizar o primeiro movimento tático pensando na França, Tabárez teve que recorrer a um substituto. E escolheu Stuani, indicado desde o início para ficar com a vaga. 

 Fernando Muslera; Martín Cáceres, José Maria Giménez, Diego Godín, Diego Laxalt; Nahitan Nández, Lucas Torreira, Matías Vecino; Rodrigo Bentancur; Stuani e Luis Suárez. Esses foram os 11 que iniciaram o trabalho tático. O treinador fez alguns testes, mas é algo que ele normalmente faz. No entanto, não deu indícios de fazer grandes mudanças na equipe titular a não ser a possível ausência de Cavani.   

O que se revelou no treinamento é que haverá variações táticas, o que faz sentido, considerando que o treinador demorou para encontrar um equilíbrio no meio campo que o assegurava um bom rendimento da equipe.

Foto: Divulgação AUF

O Uruguai volta a treinar amanhã, quarta-feira, e a imprensa não terá acesso já que Tabárez optou pelas portas fechadas, no treino onde a formação inicial será definida.

Fechar