Quando Ronaldo Fenômeno humilhou o Manchester United

Comentários()
Getty Images
Às vésperas da Supercopa da UEFA, entre Real Madrid e Red Devils, a Goal relembra a noite em que o craque brasileiro humilhou o time inglês

É tão inesquecível a sua contribuição ao esporte como aquele confronto no Old Trafford. Diante do Manchester United e pela Champions League, Ronaldo jogou em 23 de abril de 2003 um de seus melhores jogos com a camisa do Real Madrid. Os Blancos avançariam à semifinal do torneio continental graças ao camisa 11.

Sobravam estrelas para aquela partida no Reino Unido. Barthez, Verón, Ferdinand, van Nistelrooy, Giggs ou Beckham de um lado. Do outro, Casillas, Roberto Carlos, Zinedine Zidane, Guti, Figo ou o próprio Ronaldo.


VEJA TAMBÉM:


Ainda que não tivesse Raul, contundido, a função no Teatro dos Sonhos não poderia ser ruim. E quem se encarregou disso foi Ronaldo Fenômeno.

O Real Madrid chegava à partida de volta das quartas de final da UEFA Champions League com a vantagem por 3 a 1 obtida no Santiago Bernabéu. Na casa do United, Ronaldo fez um hat-trick e marcou três golaços, um mais bonito que o outro. O resultado foi um 4 a 3 para os Red Devils, mas que garantiu a vaga para os espanhóis.

O triplete do jogador brasileiro fez com que o time de Vicente del Bosque chegasse à semifinal do torneio continental. À época, ele arrancou aplausos da torcida que compareceu ao estádio de Manchester.

Fechar