Piqué e Ter Stegen: os intocáveis de Valverde no Barcelona 2019/20

Comentários()
Getty
Os dois atletas foram os únicos que não foram substituídos e jogaram todos os 900 minutos possíveis

A temporada do Barcelona, aos poucos, começa a entrar no rumo. Depois de um começo instável, o time comandado por Ernesto Valverde começa a decolar e já é o segundo colocado em LaLiga, além de líder do Grupo F, ao lado do Borussia Dortmund. A forma da equipe na arrancada da campanha causou muitas dúvidas ao treinador espanhol, mas sempre teve duas certezas: as presenças de Gerard Piqué e Marc-André ter Stegen.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e faça o teste por um mês grátis!

Mais artigos abaixo

A dupla de jogadores foi a única a atuar nos 900 minutos disponíveis nas 10 partidas disputadas até aqui (oito de LaLiga e duas da Champions League). Devido a problemas de lesão, Messi, por exemplo, atuou em apenas 300 minutos da jornada, ou seja, 1/3 de Piqué e Ter Stegen. Já Suárez, que também se recuperava de questões físicas participou de praticamente o dobro de minutos de Messi e esteve presente em 595 minutos, contando entre LaLiga e Champions League.

Os únicos atletas do elenco blaugrana que não tiveram oportunidades nessa temporada até agora foram o defensor Moussa Wagué e os goleiros Neto e Iñaki Peña. De Jong e Lenglet perderam apenas uma partida das 10 disponíveis, enquanto os outrora intocáveis Busquets e Rakitic jogaram em sete dos 10 jogos possíveis.

Porém, a partir da próxima rodada o único que poderá ostentar os 100% de jogos será Ter Stegen, caso não se machuque, isso porque Piqué estará suspenso da partida contra o Eibar, por ter tomado seu quinto cartão amarelo. Ele precisou "forçar" isso para não perder o clássico contra o Real Madrid, na rodada seguinte.

Fechar