Jornal crava ida de Mbappé ao Real e diz que francês terá maior salário da história do clube

Kylian Mbappé PSG Rennes Ligue 1Getty

Kylian Mbappé pode até estar fazendo mistério com o seu futuro, mas a imprensa espanhola já cravou a ida do atacante ao Real Madrid para a próxima temporada - e com o maior salário da história do clube merengue. O acerto, porém, só deve ser oficializado após a final da Liga dos Campeões.

O final de temporada está agitado na Europa quando o assunto são as transferências, ainda mais uma que envolve um dos melhores jogadores da atualidade e que já se estende há tempos. Nesta segunda-feira (16), porém, um novo e definitivo capítulo pode ter sido escrito na novela que envolve a ida deaMbappé no Real Madrid. Isso porque, mesmo que o atacante ainda não tenha revelado pelo francês - que prometeu comunicar sua decisão antes de se apresentar à seleção -, a imprensa espanhola já crava o acerto com os Blancos.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Marca e As, dois dos principais jornais esportivos da capital espanhola terão o acerto de Mbappé com o Real Madrid como capa de suas edições da terça-feira (17). O portal britânico The Athletic também confirmou a ida do atacante para o clube merengue, enquanto o L'Equipe, da França, foi mais conservador e preferiu um tom de incerteza em sua capa, que também estampa o craque.

Já na capa, o As trás a informação de que o acerto de Mbappé com o Real prevê que o jogador de 23 anos tenha o maior salário da história do clube, em valores que ainda não foram divulgados. No entanto, também pondera que o anúncio do atacante só deve ser feito depois da grande final da Champions League, onde os Blancos vão em busca de seu 14º título em uma decisão contra o Liverpool.

Ainda segundo o As, o Real vai esperar o francês se despedir do do PSG, o que deve acontecer já na próxima semana. No clube desde 2017, quando começou sua passagem emprestado pelo Monaco, Mbappé marcou 168 gols em 216 jogos pelo PSG, além de ter conquistado 11 títulos, entre eles quatro da Ligue 1.

O Real Madrid, que busca a contratação de Mbappé desde a última janela, não terá que pagar o passe do camisa 7 ao PSG, uma vez que o contrato do jogador com o clube se encerra em junho, ao final da atual temporada.