Brasil x México: em 2012, seleção de Neymar, Thiago Silva e Marcelo foi prata contra os mexicanos

Última atualização
DANIEL GARCIA/AFP/GettyImages

O sonho do ouro olímpico no futebol para o Brasil foi concretizado apenas em 2016, com a vitória histórica no Maracanã contra a Alemanha. Quatro anos antes, a seleção esteve muito próxima de alcançar o lugar mais alto do pódio, mas parou em um surpreendente México, mesmo adversário da semifinal das Olimpíadas de Tóquio.

O ano era 2012 e o Brasil foi para as Olimpíadas de Londres com um time recheado de grandes jogadores para tentar o ouro. O técnico na competição foi Mano Menezes, que comandava a seleção principal na época, e ele convocou estrelas como Neymar, Oscar, Lucas Moura, Paulo Henrique Ganso, todos abaixo dos 23 anos na época. Thiago Silva, Marcelo e Hulk foram três os escolhidos acima do limite olímpico.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Classificado para a final sem grandes sustos ao longo da competição, o time brasileiro pegou um México que também tinha jogadores de destaque: Giovanni dos Santos, Héctor Herrera, Raúl Jiménez. No entanto, foi um outro mexicano que brilhou na decisão, vencida pelos mexicanos por 2 a 1.

Oribe Peralta fez os dois gols da equipe mexicana na final, o primeiro com apenas 27 segundos de jogo. Só aos 45 minutos do segundo tempo o Brasil descontou, com Hulk. Mas o "gol relâmpago" do time da América do Norte desestabilizou os brasileiros, que falharam muito no decorrer da partida e o México assustou muito a defesa da equipe de Mano Menezes.

Brazil Mexico Olympics 11082012

Desestabilizados emocionalmente, os brasileiros até chegaram a protagonizar um momento lamentável no segundo tempo, quando Rafael e Juan discutiram em campo após um erro do latera ex-Manchester United.

Aquela foi a terceira medalha de prata da história da seleção brasileira, que também havia amargado o segundo lugar olímpico no futebol em 1984 (Los Angeles) e 1988 (Seul).

Agora, em 2021, tanto o Brasil quanto o México se encontram em na semifinal embalados com as boas campanhas nas Olimpíadas de Tóquio. Se o Brasil venceu a Alemanha, os mexicanos bateram a França na fase de grupos. Nas quartas, o time de André Jardine venceu o Egito por 1 a 0. Já o México goleou a Coreia do Sul por 6 a 3 e busca, mais uma vez contra os brasileiros, escrever história nas Olimpíadas.