Arrascaeta, o herói que aparece quando o Flamengo precisa

O uruguaio foi decisivo na vitória sobre o Internacional, que deixa o Rubro-Negro com uma mão na taça de campeão brasileiro

Gabigol marcou gols em todos os últimos seis jogos que disputou no Brasileirão. O mais recente é emblemático, o tento que garantiu a vitória por 2 a 1, de virada, sobre o Internacional e que levou o Rubro-Negro à liderança do certame a uma rodada de seu fim. A equipe treinada por Rogério Ceni está com uma mão na taça. Mas ainda que o camisa 9 seja o rosto deste super time, o jogador que atrai maior idolatria, é importante também destacar, dentre outros, a presença de Giorgian De Arrascaeta.

Foi do uruguaio o gol de empate contra os colorados, ainda no primeiro tempo, e o belíssimo passe que atravessou três adversários até chegar aos pés de Gabigol no segundo. O camisa 14 chegou a nove assistências neste Brasileirão. Ninguém serviu mais companheiros no torneio.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

A vitória decisiva sobre o Inter passou pelos pés de Arrascaeta, mas ser decisivo em jogos marcados pela tensão tem sido regra para o jogador nesta sua passagem pelo Flamengo. Na campanha do título nacional de 2019, o uruguaio foi líder de assistências (foram 14), mas o lance que o colocou no panteão da eternidade rubro-negra aconteceu mesmo na final da Libertadores da América daquele ano, quando foi ao limite do que seu corpo poderia fazer, esticando a perna para tocar a bola e servir Gabigol. Aquele foi, nos acréscimos, o gol do empate antes de o 2 a 1 vir logo depois contra o River Plate.

Arrascaeta também “colocou a bola debaixo do braço” no tenso duelo contra o Palmeiras, ainda no primeiro turno deste Brasileirão 2020, quando o Rubro-Negro entrou em campo com grande número de garotos em meio a um surto de contaminação de Covid de seus astros. A partida terminou empatada em 1 a 1, com assistência do uruguaio para o gol rubro-negro de Pedro.

Evidente que ainda existem outros exemplos do poder decisivo de Arrascaeta. Desde que estreou no Campeonato Brasileiro - em 2015, ainda pelo Cruzeiro - até este momento, apenas o ex-palmeirense Dudu deu mais passes para gols (47 a 41). Não surpreende ver Giorgian De Arrascaeta mudando jogos a favor de suas equipes, o que chama a atenção é a constância com a qual ele aparece em momentos decisivos pelo Flamengo.

Fechar