Argentina leva drama para a última rodada e pode depender do Brasil para ir à Copa

CompartilharFechar Comentários
Hermanos precisam vencer o Equador, em Quito, para pelo menos chegar à repescagem dependendo apenas de si

A Argentina não conseguiu derrotar o Peru na noite desta quinta-feira (5), em plena La Bombonera, e no momento está fora da zona de classificação para a Copa do Mundo de 2018. Com isso, o drama segue para a última rodada quando a equipe comandada por Sampaoli jogará contra o Equador, às 20h30 (de Brasília), em Quito.

Em sexto lugar, com 25 pontos, Messi e companhia precisam vencer o já eliminado Equador para pelo menos garantir vaga na repescagem. Nesse caso, a Argentina chegaria a 28 pontos e ultrapassaria Peru e Colombia, que se enfrentam.

Para conseguir uma vaga direta, os hermanos podem até depender de uma “ajuda” da Seleção Brasileira. Isso porque o time canarinho recebe o Chile, que também está na briga por uma vaga. Outras possibilidades seriam um empate entre Peru e Colombia ou ainda que a seleção de Poalo Guerrero derrote a de Falcao Farcia por uma menor diferença que a Argentina vença o Equador.

Lionel Messi Argentina Peru Eliminatorias Sudamericanas 05102017
(Foto: ALEJANDRO PAGNI/AFP/Getty Images)

Agora, se empatar pela quarta vez seguida sob o comando de Sampaoli, a Argentina no máximo conseguirpa uma vaga para enfrentar a Nova Zelândia na repescagem e, para isso, dependerá de uma combinação bastante complicada: o Peru precisaria perder em casa para a Colômbia, o Paraguai não vencer diante de sua torcida a já eliminada Venezuela e o Chile perder por mais de um gol do Brasil.

Confira os jogos da última rodada. Todos acontecerão nesta terça-feira (10), às 20h30 (horário de Brasília): 

Paraguai x Venezuela (Defensores del Chaco)
Brasil x Chile (Allianz Parque)
Equador x Argentina (Estádio Olímpico Atahualpa)
Peru x Colômbia (Estádio Nacional do Peru)
Uruguai x Bolívia (Centenário)


VEJA TAMBÉM:


Próximo artigo:
"Benzema não é superestimado", avisa Zidade
Próximo artigo:
Mbappé supera Gabriel Jesus e Dembélé e é eleito o melhor jogador sub-21
Próximo artigo:
Segue The Best? Cristiano Ronaldo precisa da sua confiança de volta
Próximo artigo:
► David Neres, ex-São Paulo, dá três assistências em goleada do Ajax
Próximo artigo:
Levir explica silêncio do time e critica pressão excessiva ao Santos
Fechar