Willian dá sinal positivo ao Corinthians e espera definição sobre salário

Última atualização
(C)Getty images

Willian deu sinal positivo para o Corinthians sobre um retorno ao Brasil no mercado da bola, conforme apurado pela Goal. O jogador disse à diretoria do Arsenal que gostaria de defender o clube que o revelou nesta temporada. O grande obstáculo da negociação é o salário do atacante, que recebe 8 milhões de euros (R$ 49,4 milhões na cotação atual) livres de impostos por ano no Emirates Stadium.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Para ter a negociação sacramentada para o Parque São Jorge, há duas opções: o atleta aceita reduzir o que recebe em Londres para jogar em solo brasileiro ou o clube inglês concorda em pagar parte dos salários do jogador na transação.

O Corinthians tem um limite para pagamento de salários de atletas e está bem longe do que Willian recebe na Europa. Os paulistas concordam em pagar um valor bem inferior a R$ 1 milhão por mês para os seus comandados. Ainda assim, o montante seria bruto. Ou seja, seriam deduzidos impostos do valor total. O jogador recebe, hoje, mais de R$ 3,7 milhões livres de impostos por mês em seu contrato no Reino Unido.

Com vínculo até 30 de junho de 2023, Willian não gostaria inicialmente de abrir mão do que tem para receber no Emirates Stadium. O jogador tenta, ao lado de seus agentes, convencer o Arsenal a mantê-lo no Brasil e pagar a diferença entre o que o Timão consegue desembolsar e o atleta recebe em seu compromisso atual.

A questão financeira é o grande obstáculo das negociações envolvendo o jogador. O atacante de 33 anos não tem propostas do futebol europeu neste momento. Ele, a princípio, gostaria de ficar no Velho Continente, mas queria em outra equipe. Sem ofertas do local, vê o Brasil como uma alternativa interessante no mercado da bola.