Rodrigo Caio fala sobre "geladeira" no SP de Aguirre: "Dos piores momentos da carreira"

Comentários()
Alexandre Schneider/Getty
O zagueiro são-paulino disse ter sido um período incômodo e comemora mais chances sob André Jardine

Rodrigo Caio viveu dias difíceis no São Paulo de Diego Aguirre. O defensor costumava ser privilegiado pelos treinadores e quase sempre tinha espaço cativo na titularidade da equipe do Morumbi. Porém, com Aguirre a situação foi diferente. Mesmo depois de recuperado da lesão, Rodrigo pouco entrava e quando jogava acaba fazendo a lateral-direita, posição não comum ao camisa 3 do Tricolor paulista. 

"Foi muito difícil. Um dos piores momentos da minha carreira. Infelizmente tive uma lesão antes da Copa, tinha a esperança de ir. Quando retornei tive poucas oportunidades, mas continuei me dedicando, trabalhando, esperando um espaço. Infelizmente com o Aguirre aconteceu poucas vezes, e quando aconteceu foi fora da minha posição", disse o atleta de 25 anos ao SporTV.

Caio sofreu uma lesão no pé esquerdo na partida do São Paulo contra o Ceará em abril desse ano. Após tentar se recuperar sem grande sucesso, o zagueiro foi submetido a uma cirurgia no mês seguinte. Ele voltou a atuar exatamente cinco meses depois da lesão e desde então fez quatro jogos. Ele relata que não desistiu de trabalhar e celebrou ter sido titular na zaga contra o Vasco.

Rodrigo Caio CRB Sao Paulo 14032018 Copa do Brasil(Foto: Rubens Chiri/São Paulo/Divulgação)

"Procurei continuar trabalhando, sabendo que no momento certo as coisas iam acontecer. Fico feliz pela oportunidade do Jardine e quero ajudar. Sei que faltam poucos jogos, mas vou estar sempre à disposição", completou o defensor campeão Olímpico pela Seleção Brasileira na Rio 2016.

Rodrigo Caio deve ser titular de novo contra o Sport em jogo que acontece no Morumbi. A partida acontecerá na segunda-feira (26), às 20h (de Brasília) e é fundamental para o Tricolor tentar conseguir entrar no G4 para garantir o acesso direto à fase de grupos da Copa Libertadores 2019.

Fechar