Gabriel Jesus impaciente com reserva no City: "passei dessa fase de ter que esperar"

Getty Images

Gabriel Jesus está impaciente com a reserva no Manchester City. Em entrevista ao Esporte Interativo, o atacante da seleção brasileira afirmou que quer jogar mais, embora reconheça a importância de Sergio Agüero para a equipe e a credibilidade que tem com o treinador e com a torcida.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e faça o teste por um mês grátis!

"Eu confesso que eu já passei dessa fase de ter que esperar. Eu estou aqui no City, vou completar três anos aqui já, é a minha quarta temporada. Isso faz com que eu fique querendo jogar mais, porém, eu respeito e entendo a opção do treinador, respeito meu companheiro de ataque, que é o Sergio [Agüero]. Respeito bastante a história, e o que ele vem fazendo", falou o camisa 9 do Man City.

Jesus participou de seis jogos até aqui na temporada da equipe inglesa. Começou como titular em apenas duas ocasiões e tem três gols anotados. Agüero também participou de seis jogos, a maioria como titular, e já anotou oito gols até aqui, além de duas assistências. Jesus disse reconhecer a grande fase que vive o atacante argentino.

"Muitas vezes se fala 'ah, o Gabriel tá no banco para o Agüero', só que esquecem que eu tô no banco não por má fase minha, e sim pela excepcional fase do Agüero, que é o maior ídolo da história do clube, o maior goleador e está jogando muito. Então, saber entender... Eu entendo, venho dando o meu melhor, como sempre fiz e venho fazendo nos treinos. Quando eu jogo, vou bem, eu faço gols. Então não tenho muito o que falar, só trabalhar", disse o atacante brasileiro.

O próximo compromisso do Manchester City acontece nesse sábado (28). O time de Guardiola visita o Everton, no Goodison Park, às 13h30 (de Brasília), pela 7ª rodada da Premier League.