Com mentalidade ganhadora e unida, Fazio vê Argentina mais confiante para vencer a França

Comentários()
Federico Fazio Argentina
Getty
Zagueiro reserva da Albiceleste também garante seguir com muita vontade mesmo sem atuar na Rússia

banner Copa 2018

"Nós estreamos contra a Nigéria e temos quatro finais até o título." A torcida, a imprensa e os jogadores compraram esse discurso na Argentina, depois dos decepcionantes jogos contra Islândia e Croácia.

Por enquanto, ele deu certo. Depois de atuações pífias, a Albiceleste teve um excelente primeiro tempo contra as Super Águias, quando poderia ter feito 3 a 0 e já garantido o avanço. 

No entanto, desperdiçou suas chances e, após sofrer o empate em um pênalti inexistente no começo da segunda etapa, se desesperou e flertou com a eliminação antes de conseguir um gol heróico no fim, para loucura hermana.

Messi brilhou, Banega mudou a cara do time, e a equipe jogou muito bem. Por isso e pela vitória épica, a confiança argentina aumentou, como diz o zagueiro Federico Fazio.

"O futebol está cheio de erros. Se não fosse assim, todos os jogos terminariam 0 a 0. Nosso grupo é unido e, depois da vitória sobre a Nigéria, nos sentimos com mais confiança. Sabemos que temos grandes jogadores e vamos aproveitá-los. A mentalidade ganhadora é importante para seguir vencendo", afirmou o defensor.

Fazio, que tem sido reserva de Rojo e Otamendi, e deve seguir no banco nas oitavas de final, ainda garantiu que não tem menos vontade e se dedica menos por não estar jogando, e confia na vitória sobre a França.

"Somos 23 companheiros e tratamos de somar dia a dia. Ainda não tive a oportunidade de jogar, mas isso não muda minha vontade. Estamos preparados para a partida e com confiança e vontade de avançar às quartas de final. Essa vitória serve para seguirmos crescendo", concluiu.

A Argentina encara a França neste sábado (30), às 11h (de Brasília).

Fechar