Barcelona lembra de Neymar, e teme perder Messi

Última atualização
Comentários()
Getty
Em evento realizado na Inglaterra, dirigente do time catalão revelou que após a ida do brasileiro para o PSG tudo é possível

Quando Lionel Messi enfim renovou o seu contrato com o Barcelona ,em novembro de 2017, o clube catalão se encheu de confiança em garantir a presença do argentino por mais quatro temporadas.

Afinal de contas, o documento válido até 2021, estipulou multa rescisória de € 700 milhões [cerca de R$ 2,7 bilhões]. Mas na verdade, tudo pode acontecer em relação ao futuro do craque. Quem afirmou isso foi o próprio diretor de estratégias e finanças do Barça, Pancho Schroder. 

Presente em um evento realizado em Londres, Schroder disse que após a transferência de Neymar para o Paris Saint-Germain [por € 222 milhões], poucos meses após ter renovado com o Barcelona, é impossível ter a certeza de que um jogador não será negociado.

Neymar PSGAo deixar o Barça, Ney passou a ser o jogador mais caro da história (Foto: Getty Images)

“Nós colocamos uma cláusula que acredito ser o bastante para fazer Messi se aposentar no FC Barcelona”, afirmou para a Sky Sports. “Dito isto, no ano passado achávamos que a cláusula de Neymar também era boa o bastante para mantê-lo, e ficou claro que não era o caso”.

Lionel Messi BarcelonaMessi tem contrato até 2021 com o Barcelona (Foto: Getty Images)

“Olhando para o futuro, acho que é difícil [Messi deixar o Barcelona]. Mas eu não tenho uma bola de cristal, e as coisas estão ficando meio loucas atualmente”, concluiu.

Na atual temporada, Messi já marcou 32 gols e totalizou 600 tentos em toda a sua carreira. O argentino de 30 anos segue desequilibrando no futebol europeu, e é esperança para a conquista da Champions League e Campeonato Espanhol.

Próximo artigo:
Barcelona estaria disposto a oferecer R$ 1 bilhão por Harry Kane
Próximo artigo:
River Plate 3 x 1 Boca Juniors: Millonarios viram na prorrogação e conquistam o tetra da Libertadores
Próximo artigo:
Chilavert detona final na Espanha: "mataram a Libertadores”
Próximo artigo:
Na mira da Justiça, Ronaldinho dribla a imprensa e os fãs em jogo festivo
Próximo artigo:
Bale volta a marcar na La Liga depois de 802 minutos
Fechar