Bando de Loucos: Contagem regressiva

Comentários()
© Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
"Jamais houve um campeão Invicto do Brasileiro em pontos corridos. Deviam botar isso como meta. Eu sei, é quase impossível conseguir. Mas tenta.


Por Luís Butti, de São Paulo


Juro, quando o Corinthians disputava a liderança com a Chapecoense e a pegou de vez por volta da terceira ou quarta rodada, eu imaginava que ela oscilasse. Que Grêmio, Palmeiras, Atlético Mineiro e Flamengo estivessem mais fortes que nós e nos tomassem a liderança logo.

Mas, diferente do que eu imaginava, aconteceu exatamente o anormal: o Corinthians abriu cada vez mais e está chegando numa diferença com números de recordes. Abriu nove pontos do segundo colocado, e pode abrir onze ou doze caso vença o Derby, pois há confronto direto entre Flamengo x Grêmio no meio da semana.

Jô e Rodriguinho - Corinthians - 9/07/2017
(Foto: © Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Muitos torcedores de clubes atrás do Corinthians dizem que quando a gente perder, eles logo irão encostar. O problema é que o Corinthians sequer empata. Ele vai em jogos onde a tendência era derrota e ganha. Foi assim no Grêmio, em Porto Alegre. Foi assim no Vasco, no caldeirão de São Januário. E corre o risco de ser assim no Allianz Parque no Derby de quarta.

Pra piorar a situação, os adversários ainda perdem pontos que, na teoria, jamais perderiam. O Grêmio tropeçar no Avaí, um Santos empatar com o Atlético-GO ou o Palmeiras perder para um Cruzeiro com Mano balançando.

Creio que deva ser desesperador entrar em cada rodada e ao invés de reduzir a diferença, ver ela aumentar. Senti isso quando o Cruzeiro disparou em 2013 e 2014, embora o Corinthians não tenha tido um Brasileirão tão legal naqueles anos. Mas é angustiante.

CLASSIFICAÇÃO CAMPEONATO BRASILEIRO

Eu sei, está cedo, a última coisa que deve haver no Corinthians é oba oba e já ganhou.

Não, não ganhou. Não levou absolutamente nada. Mas o caminho se abre a cada rodada que passa.

Por isso, eu proponho o seguinte. Eu proponho que, ao invés da torcida começar a fazer a contagem regressiva para o título (até porque falta mais de meio Brasileirão), a gente faça uma Contagem Progressiva. Sempre para a frente. Buscando o recorde.

Por exemplo: jamais houve um campeão Invicto do Brasileiro em pontos corridos.

Deviam botar isso como meta.

Eu sei, é quase impossível conseguir. Mas tenta.

EVOLUÇÃO DOS CLUBES NO BRASILEIRÃO

Ou tentar quebrar o recorde de Tite, que foi Campeão com 14 pontos de diferença faltando quatro rodadas. Porque não tentar ganhar, sei lá, com 18 pontos de diferença faltando seis ?

Nossa luta tem que ser sempre pelos recordes.

Na humildade, no trabalho pé no chão, no respeito, mas sempre tentando sempre bater seus próprios números.

2005, 2011 e 2015 devem ser superados.

É como Usain Bolt. Trabalhar, lutar contra si mesmo e se tornar absoluto em pontos corridos. 

Luís Butti é redator publicitário, compositor e corintiano das antigas. Adora música, polêmica e redes sociais. É a favor do mata-mata e vê na Arena Corinthians o seu "Jardim do Éden"...

Próximo artigo:
Jardine: nova chance a Carneiro no São Paulo e pedido de paciência com Bruno Peres
Próximo artigo:
Besiktas e Vágner Love encaminham rescisão contratual
Próximo artigo:
Mourinho: "Pochettino vai mudar quando começar a ganhar troféus"
Próximo artigo:
Bahia confirma chegada de Douglas, do Corinthians, por empréstimo
Próximo artigo:
Atacantes do Real Madrid somam 353 minutos sem marcar gol
Fechar