A conturbada preparação da Argentina para a Copa do Mundo

Comentários()
Getty
Cortes em cima da hora, caso de polícia, polêmica internacional e muita cobrança marcam a Albiceleste antes do Mundial

Lionel Messi, Sergio Agüero, Ángel di María, Paulo Dybala, Gonzalo Higuaín, Javier Mascherano, Lo Celso, Éver Banega e vários outros grandes nomes. A Argentina tem uma quantidade de craques e talentos impressionante, que a fariam favorita a qualquer título.

No entanto, a Albiceleste não chega para a Copa do Mundo da Rússia no patamar de Brasil, Espanha e Alemanha, as principais favoritas ao título mundial, e nem mesmo da França, outra cotada para ganhar a taça.

O excelente técnico Jorge Sampaoli, afinal, ainda não conseguiu transformar seus vários craques em um ótimo time, e com uma defesa desorganizada, um meio-campo sem inspiração e um ataque decepcionante, a Argentina é super dependente de Messi e nada organizada, coesa e compacta. Não é uma equipe.

Por conta disso, a Albiceleste não chega para o Mundial como uma das favoritas. E para piorar, vários problemas atrapalham os hermanos antes da competição. A preparação da Argentina para o torneio é uma das mais conturbadas entre todas as seleções.

Lionel Messi Argentina 2018

Começando pela pressão. Como já mencionado, apesar do enorme talento, a Argentina não conseguiu formar um time. A classificação para a Copa foi sofrida, com Messi carregando a equipe nas costas e salvando a Albiceleste na última rodada das Eliminatórias, contra o Equador. Já nos amistosos, o humilhante 6 a 1 para a Espanha é constantemente lembrado pela imprensa.

A classificação no desespero da rodada final e os resultados e desempenho ruins, no entanto, não diminuem nem um pouco a pressão para que a Argentina volte a conquistar um grande título, algo que não acontece desde 1993. E a cobrança é ainda maior após os três vices seguidos na Copa do Mundo, na Copa América e na Copa América Centenário, em 2014, 2015 e 2016, respectivamente.

Bem, as coisas sempre podem piorar. Um dos jogos previstos para a Albiceleste antes do Mundial era uma partida contra Israel. O jogo, porém, foi cancelado devido a vários protestos na Argentina, na Palestina e em todo o mundo, pedindo que a seleção de Sampaoli não disputasse a peleja. Os próprios jogadores não queriam jogar e, diante de toda a polêmica, dos vários pedidos e também por questões de segurança, o duelo foi desmarcado.

Argentina Israel 050618

Além disso, a Argentina teve dois cortes importantes em cima da hora. O goleiro titular Romero e o meia Lanzini, que vinha treinando no onze inicial hermano, sofreram lesões e foram cortados da seleção. Enzo Pérez foi chamado para o meio-campo, mas deve ser reserva. No gol, Caballero deve jogar, apesar de Armani ser a melhor escolha. O problema é que tanto os dois arqueiros quanto Guzmán têm poucos minutos em campo com a camisa albiceleste.

E para fechar, no último fim de semana estourou uma bomba nos bastidores da Argentina. Segundo o jornalista Gabriel Anello, da rádio Mitre, Jorge Sampaoli foi acusado de abuso sexual por uma cozinheira da sede da Associação Argentina de Futebol (AFA). De acordo com o profissional de imprensa, "a entidade está tentando de todas as formas que a mulher não se reporte".

Jorge Sampaoli Argentina 27032018(Fotos: Getty Images)

O jornal Clarín apurou a informação com várias pessoas próximas ao treinador, que classificaram a acusação como loucura e revelaram que Sampaoli não descarta processar o jornalista. Já a polícia local negou em comunicado oficial que tenha recebido qualquer denúncia sobre o assunto.

Resta ver se com essa conturbada preparação, a Argentina vai conseguir dar a volta por cima e brilhar na Rússia ou vai decepcionar no Mundial.

Próximo artigo:
Palmeiras 1 x 0 Botafogo-SP: Verdão tem vitória magra em sua Arena
Próximo artigo:
Lesão de Neymar deixa técnico do PSG em alerta: "estou preocupado"
Próximo artigo:
“Ausência de Messi não é desculpa”, diz Suárez após derrota
Próximo artigo:
Resende 1x1 Flamengo: Dourado rouba a cena com golaço
Próximo artigo:
Guarani 2 x 1 Corinthians: Timão leva virada do time de Osmar Loss
Fechar