GFX Richarlison Tottenham Brasil GOAL

Como Richarlison venceu problemas pessoais, recuperou vaga no time titular do Tottenham e voltou a ser um dos melhores atacantes da Premier League

A entrevista de Richarlison após a vitória do Brasil por 5 a 1 sobre a Bolívia, pela primeira rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026, em Belém, foi muito além do futebol.

Apesar da sonora goleada na estreia de Fernando Diniz no comando interino da Amarelinha, o Pombo ficou marcado por uma chance claríssima desperdiçada ainda no primeiro tempo, quando, de frente para o gol, à queima-roupa, acabou finalizando por cima do travessão. No final das contas, terminaria o jogo sem deixar sua marca - como já vinha sendo rotineiro também pelo Tottenham.

O atacante foi eventualmente substituído, aos 26 minutos do segundo tempo, por Matheus Cunha. Pouco tempo depois, no banco de reservas, foi flagrado chorando.

Mais artigos abaixo

Perguntado no pós-jogo, o atacante disse que “aquele momento triste não foi nem por ter jogado mal (...), foi mais um desabafo pelas coisas que vinham acontecendo fora de campo, que fugiram do controle não da minha parte, mas de pessoas que estavam perto de mim”.

Richarlison, neste dia, tornava público: estava em um dos momentos mais difíceis da carreira.

  • Quer saber, pelo WhatsApp, quem seu time está contratando? Siga aqui o canal da GOAL sobre mercado da bola!