Notícias Placares ao vivo
Goal50

GOAL50: os brasileiros finalistas na história do prêmio

18:34 BRT 04/11/2021
Marta, Neymar, Hulk
Ao todo, 36 brasileiros, entre homens e mulheres, entraram para a lista da premiação; veja

GOAL50 2021: VOTE AGORA NOS MELHORES DO ANO

Desde 2008, a Goal elege os 50 melhores jogadores do mundo com o prêmio GOAL50. Agora, em 2021, a premiação chega em suas 14ª edição e tem quatro brasileiros (três homens e uma mulher) indicados e concorrendo para levar o troféu de melhor do ano. Neymar, Hulk e Daniel Alves e Debinha já apareceram em outras listas e tentam melhorar suas classificações.

Entre algumas mudanças, o GOAL50 lista, desde 2008, os melhores atletas de futebol do ano. E como o país do futebol, brasileiros não poderiam ficar de fora da lista, tanto é que, em todas as edições, o Brasil estava representado. Ao todo já foram 36 nomes indicados ao prêmio, sendo duas mulheres e 34 homens, tendo Neymar com a melhor colocação.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

A Goal listou todos estes jogadores, os anos em que foram indicados e a colocação que ficaram para você ir se aquecendo a se animando para votar no prêmio de 2021. Além dos mencionados abaixo, outros dois (Guerrero e Aránguiz) foram indicados como gringos mas jogado no futebol brasileiro, e outros (como Jorginho, Thaigo, Diego Costa, Pepe etc) não são considerados brasileiros por serem naturalizados e terem atuado por outras seleções.

Veja quem são os brasileiros que já foram indicados ao GOAL50!

  • Neymar PSG 2020

    Neymar - 10 indicações

    O brasileiro com maior número de indicações e também o que ficou melhor colocado na história do país no GOAL50, Neymar está concorrendo pelo prêmio pela décima vez em sua carreira. Desde sua primeira indicação, em 2011, quando ainda defendia o Santos, só ficou de fora de uma edição.

    Sua melhor colocação, quarto lugar, veio duas vezes, uma pelo Barcelona e outra pelo PSG. Na primeira, em 2015, ele foi campeão espanhol, da Copa do Rei, da Liga dos Campeões e do Mundial de Clubes. Já na segunda, em 2020, havia levado o PSG à final da Champions, ganho Campeonato Francês, Copa da França, Copa da Liga e Supercopa.

    Indicações: 2021; 2020 (4º lugar - PSG); 2018 (24º lugar - PSG); 2017 (6º lugar - PSG); 2016 (6º lugar - Barcelona); 2015 (4º lugar - Barcelona); 2014 (30º lugar - Barcelona); 2013 (14º lugar - Santos); 2012 (36º lugar - Santos); 2011 (30º lugar - Santos).

    Melhor colocação: 4º lugar (2015 e 2020)

  • Dani Alves - Barcelona 2011-2012

    Dani Alves - 7 indicações

    Indicado tanto na primeira edição do GOAL50 como na atual, Daniel Alves é o segundo brasileiro que mais vezes entrou para lista. Por Barcelona, Sevilla, Juventus e São Paulo, além das contribuições na seleção brasileira, ele apareceu sete vezes entre os nomes, tendo um sexto lugar, em 2009, como melhor colocação.

    Para atingir um ranking tão alto, ele foi peça fundamental da conquista do Barcelona na Champions Leagu e no Mundial de Clubes, além da Supercopa da Uefa, do Campeonato Espanhol e da Copa do Rei, tudo isso em sua primeira temporada completa pelo clube.

    Indicações: 2021; 2017 (14º lugar - Juventus); 2012 (43º lugar - Barcelona); 2011 (20º lugar - Barcelona); 2010 (31º lugar - Barcelona); 2009 (6º lugar -  Barcelona); 2008 (42º lugar - Sevilla/Barcelona).

    Melhor colocação: 6º lugar (2009)

  • Marcelo Real Madrid 2018-19

    Marcelo - 4 indicações

    Consagrado lateral do Real Madrid e titular da seleção brasileira em boa parte de sua carreira, Marcelo foi outro brasileiro que apareceu bastante na lista do GOAL50. Foram quatro vezes, sendo o décimo lugar, em 2018, sua melhor colocação no prêmio.

    Indicações: 2018 (10º lugar - Real Madrdi); 2017 (11º lugar - Real Madrid); 2016 (31º lugar - Real Madrid); 2011 (39º lugar - Real Madrid).

    Melhor colocação: 10º lugar (2018)

  • Júlio César - Brazil

    Júlio César - 3 indicações

    O goleiro brasileiro com mais indicações é Júlio César, grande nome da seleção e da Inter de Milão. Era pelo time italiano que ele jogava em suas três conquistas, mas seus feitos na meta do Brasil tiveram tanto efeito quanto no clube.

    Indicações: 2010 (26º lugar - Inter de Milão); 2009 (16º lugar - Inter de Milão); 2008 (35º lugar - Inter de Milão).

    Melhor colocação: 16º lugar (2009)

  • Maicon Inter

    Maicon - 3 indicações

    Outr grande nome brasileiro que conquistou vagas na lista por suas contribuições para a seleção e para a Inter de Milão foi o lateral Maicon, três vezes indicado ao GOAL50. 

    Indicações: 2010 (14º lugar - Inter de Milão); 2009 (8º lugar - Inter de Milão); 2008 (23º lugar - Inter de Milão).

    Melhor colocação: 8º lugar (2009)

  • Philippe Coutinho Brazil 2018

    Philippe Coutinho - 3 indicações

    Grande nome da seleção para a preparação e para a Copa de 2018, Philippe Coutinho foi outro brasileiro a aparecer três vezes na lista do GOAL50, tendo sua melhor colocação justamente no ano que foi essencial para o Brasil no Mundial.

    Indicações: 2018 (21º lugar - Liverpool/Barcelona); 2017 (43º lugar - Liverpool); 2015 (48º lugar - Liverpool).

    Melhor colocação: 21º lugar (2018)

  • Thiago Silva Paris SG Sochaux Ligue 1 12072013

    Thiago Silva - 3 indicações

    Durante suas passagens por PSG e Milan, enquanto brilhava na seleção brasileira, Thaigo Silva foi indicado três vezes na lista do GOAL50, inclusive conquistando um oito lugar no ano em que ajudou o Brasil na Copa das Confederações, além de ter conquistado Ligue 1, Supercopa da França e Copa da Liga Francesa.

    Indicações: 2015 (45º lugar - PSG); 2013 (8º lugar - PSG); 2011 (18º lugar - Milan).

    Melhor colocação: 8º lugar (2013)

  • Alisson Liverpool 2019-20

    Alisson - 2 indicações

    O outro goleiro brasileiro indicado ao GOAL50 foi Alisson, tanto no ano da Copa do Mundo, quanto no ano da conquista da Liga dos Campeões e do Mundial de Clubes, além da Premier League, pelo Liverpool.

    Indicações: 2019 (7º lugar - Liverpool); 2018 (23º lugar - Roma/Liverpool).

    Melhor colocação: 7º lugar (2019)

  • Casemiro Real Madrid La Liga 2017

    Casemiro - 2 indicações

    Peça importante do time do Real Madrid e da seleção há anos, Casemiro também não ficou e fora dos indicados. O volante apareceu duas vezes no GOAL50, em 2016 e 2017, anos em que conquistou diversos título, inclusive duas Champions League e dois Mundiais de Clubes.

    Indicações: 2017 (26º lugar - Real Madrid); 2016 (41º lugar - Real Madrid).

    Melhor colocação: 26º lugar (2017)

  • Debinha Brazil Women 2021

    Debinha - 2 indicações

    A brasileira com mais indicações é Debinha, que está na ista pela segunda vez desde que a Goal colocou uma categoria feminina no prêmio. Em 2020, ficou em nono lugar e espera pela votação popular para ver como vai terminar em 2021.

    Indicações: 2021; 2020 (9º lugar - North Carolina Courage).

    Melhor colocação: 9º lugar (2020)

  • Diego Ribas, Werder Bremen

    Diego - 2 indicações

    Antes de ser multicampeão pelo Flamengo, Diego conquistou títulos jogando na Alemanha, pelo Werder Bremen e na seleção brasileira. No ano em que venceu a Copa Nacional e levou o bronze nas Olimpíadas, o meia apareceu pela primeira vez na lista do GOAL50.

    Indicações: 2009 (21º lugar - Werder Bremen); 2008 (33º lugar - Werder Bremen).

    Melhor colocação: 21º lugar (2009)

  • Hulk comemora, Atlético-MG x Ceará, Brasileirão 09102021

    Hulk - 2 indicações

    Fazendo uma ótima temporada pelo Atlético-MG em busca do título brasileiro, Hulk está pelo segunda vez indicado ao GOAL50. Em 2011, quando conquistou quatro títulos pelo Porto, recebeu sua primeira nomeação, ficando em 23º lugar.

    Indicações: 2021; 2011 (23º lugar - Porto).

    Melhor colocação: 23º lugar (2011)

  • Ricardo Kakà Milan

    Kaká - 2 indicações

    Logo após conquistar a Bola de Ouro em 2007, Kaká esteve na primeira lista do GOAL50, em 2008. Depois disso, em 2009 voltou a entra entre os nomes, novamente pelo Milan. Enquanto isso, era peça importante da seleção brasileira.

    Indicações: 2009 (33º lugar - Milan); 2008 (16º lugar - Milan).

    Melhor colocação: 16º lugar (2008)

  • Luis Fabiano FC Sevilla 09292009

    Luís Fabiano - 2 indicações

    Jogando pelo Sevilla, em 2009 e 2010, Luís Fabiano entrou duas vezes para a lista do GOAL50, sendo 48º e 39º colocado, respectivamente. Neste tempo, o Fabuloso também ajudava a seleção brasileira na preparação para a Copa do Mundo de 2010.

    Indicações: 2010 (39º lugar - Sevilla); 2009 (48º lugar - Sevilla).

    Melhor colocação: 39º lugar (2010)

  • Roberto Firmino Liverpool 2019-20

    Roberto Firmino - 2 indicações

    Um dos melhores brasileiros que passou pela Premier League, Firmino também não ficou de fora dos indicados. Em 2018 e 2019, já defendeno o Liverpool e a seleção, o atacante apareceu na lista em 29º e 17º lugares, respectivamente.

    Indicações: 2019 (17º lugar - Liverpool); 2018 (29º lugar - Liverpool).

    Melhor colocação: 17º lugar (2019)

  • Robinho Manchester City 2008

    Robinho - 2 indicações

    Mesmo sem títulos pelo Manchester City, Robinho apareceu duas vezes na lista do GOAL50 enquanro defendia o clube inglês. Em 2008, logo que chegou ao clube após uma temporada vencedora com o Real Madrid, ele ficou em 34º lugar, e, no ano seguinte, acabou na 50ª posição.

    Indicações: 2009 (50º lugar - Manchester City); 2008 (34º lugar - Real Madrid/Manchester City).

    Melhor colocação: 34º lugar (2008)

  • Alex Sandro Juventus 2019-20

    Alex Sandro - 1 indicação

    Campeão italiano e da Copa da Itália, Alex Sandro foi indicado para o GOAL50 em 2017, quandi ficou na 39ª colocação. Além do que fez pela Juventus, naquele ano o lateral começava a reaparecer como titular na seleção brasileira.

    Indicação: 2017 (39º lugar - Juventus).

  • Alexandre Pato Milan Cagliari 11222009

    Alexandre Pato - 1 indicação

    Na segunda edição do GOAL50, Alexandre Pato, então jogador do Milan e da seleção brasileira, ficou na 36ª colocação. Apesar da falta de títulos importantes naquele ano, o atacante se destacou dentro de campo.

    Indicação: 2009 (36º lugar - Milan).

  • Dante FC Bayern München 2013

    Dante - 1 indicação

    Dante teve um ano e tanto em 2013. Campeão alemão, da Copa da Alemanha, da Supercopa nacional, da Liga dos Campeões e do Mundial de Clubes pelo Bayern de Munique, e ganhador da Copa das Confederações pela seleção brasileira, o zagueiro chegou também na 18ª colocação do GOAL50.

    Indicação: 2013 (18º lugar - Bayern de Munique).

  • David Luiz Brasil Australia 2017

    David Luiz - 1 indicação

    Apesar de não ter sido seu ano de maior destaque na seleção brasileira, David Luiz, em 2017, estava jogando muito no Chelsea, que acabou sendo campeão inglês e da Copa da Inglaterra. Isso, então, rendeu ao zagueiro um 28º lugar na única vez em que entrou para a lista do GOAL50.

    Indicação: 2017 (28º lugar - Chelsea).

  • DOUGLAS COSTA BAYERN MUNCHEN UEFA CHAMPIONS LEAGUE 23112016

    Douglas Costa - 1 indicação

    Apesar da lesão que sofreu, Douglas Costa, enquanto estava em campo, fez grandes jogos em 2016, quando defendia o Bayern de Munique, O atacante, naquele ano, acabou conquistando dois títulos pelo clube e o 46º lugar no GOAL50.

    Indicação: 2016 (46º lugar - Bayern de Munique).

  • Emerson Sheik Corinthians campeao Libertadores 2012

    Emerson Sheik - 1 indicação

    Autor de um dos gols mais importantes do Corinthians, o atacante foi um dos principais nomes da campanha vencedora da Libertadores da América em 2012. Além do título inédito na história do clube, a participação do jogador (que apesar de estar na lista é oficialmente qatari) lhe rendeu um 32º lugar no GOAL50 de 2012.

    Indicação: 2012 (32º lugar - Corinthians).

  • Fabinho Monaco 03052017

    Fabinho - 1 indicação

    Em um ano com grande número de brasileiros na lista do GOAL50, Fabinho, então jogador do Monaco, conquistou a 41ª posição na lista na mesma temporada em que foi campeão francês.

    Indicação: 2017 (41º lugar - Monaco).

  • Felipe Melo Fiorentina

    Felipe Melo - 1 indicação

    A temporada de 2009, além de uma vaga para a Copa do Mundo do Mundo do ano seguinte, rendeu a Felipe Melo, então jogador da Fiorentina, o 23º lugar a lista do GOAL50 daquele ano.

    Indicação: 2009 (23º lugar - Fiorentina).

  • Fernandinho - Manchester City v Arsenal - 14122013

    Fernandinho - 1 indicação

    No ano de sua transferência do Shakhtar Donetsk, onde foi multicampeão, para o Manchester City, onde vem repetindo o feito, o futebol de Fernandinho chamou a atenção e o colocou na 46ª posição do GOAL50. Além disso, ele foi campeão ucraniano e inglês naquele ano.

    Indicação: 2013 (46º lugar - Shakhtar Donetsk/Manchester City).

  • Fred - Caracas x Fluminense

    Fred - 1 indicação

    Fred está de volta ao Fluminense, e foi em sua primeira passagem pelo clube que o atacante conseguiu sua única nomeação para o GOAL50. Além das contribuições para o clube, ele conquistou a taça da Copa das Confederações pela seleção brasileira e uma vaga para a Copa do Mundo do ano seguinte.

    Indicação: 2013 (13º lugar - Fluminense).

  • Grafite-VfL-Wolfsburg

    Grafite - 1 indicação

    Destaque do time enquanto esteve no Wolfsburg, Grafite, em 2009, conquistou o inédito título do Campeonato Alemão, e ainda terminou como artilheiro da competição, com 28 gols marcados. Além disso, ficou com o 35º lugar na lista do GOAL50.

    Indicação: 2009 (35º lugar - Wolfsburg).

  • Juninho Pernambucano Lyon 11112007

    Juninho Pernambucano - 1 indicação

    Outro dos brasileiros a estar na primeira lista do GOAL50, Juninho Pernambucano, então jogador do Lyon, fez um grande ano em 2008, quando foi campeão francês e da Copa da França pelo time.

    Indicação: 2008 (47º lugar - Lyon).

  • Lucio Inter Mailand 2010

    Lúcio - 1 indicação

    No ano em que conquistou tudo, a Inter de Milão conseguiu emplacar diversos jogadores na lista do GOAL50, entre eles o zagueiro Lúcio. Além do clube, ele também era utilizado na defesa da seleção brasileira à época.

    Indicação: 2010 (12º lugar - Inter de Milão).

  • Marquinhos PSG 2016

    Marquinhos - 1 indicação

    Já titular da seleção brasileira e do PSG - que naquele ano conquistou diversos títulos nacionais -, Marquinhos ficou em 49º lugar da lista do GOAL50 em 2016, sua única participação até hoje.

    Indicação: 2016 (49º lugar - PSG).

  • Marta Brazil 2019

    Marta - 1 indicação

    A Rainha do futebol, no ano em que se tornou a pessoa com mais gols em Copas do Mundo, colcou seu nome na 19ª colocação da GOAL50. À época ela estava no segundo ano de sua passagem pelo Orlando Pride, time em que joga até hoje.

    Indicação: 2019 (19º lugar - Orlando Pride).

  • Michel Bastos Lille

    Michel Bastos - 1 indicação

    Mesmo sem títulos conquistados, Michel Bastos se destacou durante sua passagem de três anos pelo Lille. Na temporada de 2008-09, o jogador foi líder em assistências na Ligue 1 e entrou para a seleção do campeonato como melhor meia. A boa fase lhe rendeu um 47º lugar na lista do GOAL50.

    Indicação: 2009 (47º lugar - Lille).

  • HD Paulinho Corinthians 2013

    Paulinho - 1 indicação

    Como reflexo de suas atuações no Corinthians, Paulinho foi indicado para o GOAL50 de 2013, tendo ficado com um impressionante 12º lugar no ano em que foi campeão paulista após a conquista de Libertadores e Mundial no ano anterior.

    Indicação: 2013 (12º lugar - Corinthians).

  • Ramires Chelsea 2012

    Ramires - 1 indicação

    Antes de voltar ao Brasil, onde encerrou sua carreira defendendo o Palmeiras, Ramires, em 2012, foi destaque do Chelsea, que foi campeão da Champions League e vice-campeão do Mundial de Clubes. 

    Indicação: 2012 (25º lugar - Chelsea).

  • Ronaldinho - 2010

    Ronaldinho Gaúcho - 1 indicação

    O Bruxo foi indicado apenas uma vez ao GOAL50, em 2010, quando defendia o Milan e ficou em 40º lugar. Naquele temporada, que marcou a sua última pelo clube italiano, foi campeão nacional.

    Indicação: 2010 (40º lugar - Milan).

  • Willian Lee Cattermole  Sunderland v Chelsea League Cup Quarter-Final 12172013

    Willian - 1 indicação

    Em um ano bastante movimentado, em que vestiu a camisa de três clubes, o atacante Willian consequiu se eleger na 28ª colocação da lsita do GOAL50, na que marcou sua única participação no prêmio.

    Indicação: 2013 (28º lugar - Shkhtar Donetsk/Anzhi Makhachkala/Chelsea).