Goal 50 2020: os 50 melhores jogadores do mundo

Comentários()
Lewandowski Messi Harder Goal 50 HP
Goal
Depois de uma votação global envolvendo 38 edições, a Goal apresenta a lista dos 25 melhores homens e mulheres do futebol mundial na temporada 2019-20

  1. 25. Paulo Dybala @man

    25. Paulo Dybala

    Na janela de agosto de 2019, Paulo Dybala esteve tão perto de deixar a Juventus que chegou a gravar um vídeo de despedida para os torcedores da Velha Senhora, que sempre o amaram tanto.

    Agora ele está pronto para assinar um novo contrato com os atuais campeões italianos, depois de reforçar a sua importância com uma série de atuações incríveis que ajudaram a Juve a conquistar seu nono Scudetto consecutivo.

    Dybala marcou 17 gols na temporada e foi nomeado o melhor da temporada passada da Serie A. A eliminação na Liga dos Campeões contra o Lyon também pode ser atribuída a uma lesão que limitou sua atuação na partida de volta.

  2. 25. Cristiana Girelli @woman

    25. Cristiana Girelli

    Famosa em toda a Itália por seu hat-trick na última Copa do Mundo, Cristiana Girelli seguiu com sua fama de matadora na temporada 2019/20.

    Marcando 16 gols em 16 partidas disputadas na Serie A, a atacante de 30 anos ajudou a Juventus a vencer a liga, além de ficar com o prêmio de artilheira do campeonato.

    Girelli também foi responsável pelo primeiro gol da Juve na vitória por 2 a 0 contra a Fiorentina na Supercopa da Itália e fez bonito pela seleção nacional, deixando de marcar em apenas uma partida em toda a temporada.

  3. 24. Jadon Sancho @man

    24. Jadon Sancho

    Segundo Raphael Guerreiro, ala do Borussia Dortmund e da seleção portuguesa, Jadon Sancho “pode ser tão bom quanto Cristiano Ronaldo, talvez até melhor algum dia”.

    As atuações de Sancho justificam toda a badalação.

    Com apenas 20 anos de idade, o ponta já é convocado regularmente pela Inglaterra e faz estragos na Bundesliga desde sua contratação pelo Manchester City, em 2017.

    Na última temporada, Sancho balançou as redes 20 vezes e participou de outros 19 gols, se estabelecendo como um dos talentos mais cobiçados do mundo do futebol.

  4. 24. Asisat Oshoala @woman

    24. Asisat Oshoala 

    Quando o assunto é movimentação com a bola e o instinto de estar no lugar certo na hora certa, Asisat Oshoala é impecável.

    “Ela tem velocidade e força, o que não é fácil de encontrar em qualquer jogador”, disse o treinador do Barcelona, Lluis Cortes, após a contratação em definitivo da nigeriana.

    Com 20 gols em 19 jogos, a atleta de 26 anos provou ser a escolha correta, ajudando o clube catalão a vencer o seu primeiro título desde 2015.

  5. 23. Jordan Henderson @man

    23. Jordan Henderson

    Em janeiro, Jurgen Klopp disse: "Se alguém não enxerga a qualidade de Jordan Henderson, eu não posso ajudá-los”. Para a alegria dos Reds, o seu capitão agora recebe todas as honras que merece.

    Após a partida contra o Flamengo na final do Mundial de Clubes, em dezembro de 2019, o então treinador dos cariocas, Jorge Jesus, classificou Henderson como “o melhor jogador do mundo em sua posição”.

    O inglês foi eleito o Jogador do Ano pela Associação de Cronistas de Futebol da Inglaterra (Football Writers’ Association), graças a seu papel importantíssimo no feito histórico do Liverpool.

    Mostrando sua típica humildade, Henderson dedicou o prêmio a seus companheiros, mas já não existem dúvidas de suas incríveis qualidades como jogador e líder.

  6. 23. Marie-Antoinette Katoto @woman

    23. Marie-Antoinette Katoto

    A decisão de Corinne Diacre de não convocar Marie-Antoinette Katoto para a seleção francesa na última Copa do Mundo foi chocante, já que a estrela do PSG acumulava incríveis 22 gols em apenas 20 partidas.

    Na última temporada, Marie provou novamente o seu faro de gol, anotando 16 gols nas mesmas 20 partidas, com destaque para o golaço de primeira contra o Arsenal na Liga dos Campeões.

    Mesmo ofuscado pelo Lyon em todas as competições, o PSG tem motivos para comemorar, já que pode contar com o talento de Marie no seu elenco.

  7. 22. Bruno Fernandes @man

    22. Bruno Fernandes

    Companheiro de Bruno Fernandes no Manchester United, o meia Nemanja Matic admite que não esperava que o português fosse se adaptar de maneira tão rápida à competitiva Premier League.

    O craque chegou ao Old Trafford após uma transferência de 55 milhões de euros junto ao Sporting de Portugal e rapidamente justificou o investimento, quase como se não sentisse a pressão.

    Fernandes impactou instantaneamente o jogo do United, adicionando repertório ofensivo ao time comandado por Ole Gunnar Solskjaer e garantindo seu retorno à Liga dos Campeões, com seus oito gols e sete assistências na Premier League.

  8. 22. Jennifer Hermoso @woman

    22. Jennifer Hermoso

    Depois de marcar 24 vezes pelo Atlético de Madrid em 28 jogos do Espanhol e ajudar a equipe a vencer o título em 2018/19, Jennifer Hermoso teria que fazer algo muito especial para se superar na próxima temporada.

    Para a alegria do Barcelona, seu novo clube, Hermoso é especial. Após a troca de times, a atacante marcou nada menos do que 23 gols em 19 partidas, garantindo a artilharia da competição e sendo peça chave da conquista da equipe.

    Com quatro Chuteiras de Ouro em cinco anos, a espanhola de 30 anos é inigualável quando o assunto é balançar as redes.

  9. 21. Manuel Neuer @man

    21. Manuel Neuer

    Manuel Neuer ajudou a redefinir o conceito de goleiro na última década, mas ainda assim teve de lidar com a desconfiança de alguns nas últimas duas temporadas.

    O alemão teve sua titularidade na seleção da Alemanha colocada em cheque e viu o Bayern de Munique contratar Alexander Nubel no mês de janeiro, como mais uma alternativa para o gol.

    A resposta de Neuer veio em campo, ajudando o clube a conquistar a tríplice coroa. Thomas Tuchel, treinador do Paris Saint-Germain, afirmou que o goleiro de 34 anos “elevou a posição a outro nível” com sua atuação brilhante na final da Liga dos Campeões.

  10. 21. Eugenie Le Sommer @woman

    21. Eugenie Le Sommer

    Mesmo longe da sua melhor forma na última temporada, graças a diversas lesões, Eugenie Le Sommer conseguiu números relevantes, o que ajuda a comprovar seu imenso talento.

    Iniciando apenas nove partidas, a francesa marcou cinco vezes e deu duas assistências no Campeonato Francês.

    Na Liga dos Campeões, foram mais cinco gols e outras três assistências, tudo isso em seis partidas, com destaque para um gol na final, quando o Lyon venceu o Wolfsburg por 3 a 1.

  11. 20. Alphonso Davies @man

    20. Alphonso Davies

    Joshua Kimmich admitiu “ter sentido vergonha” em marcar o gol após a assistência fantástica de Alphonso Davies no massacre do Bayern de Munique contra o Barcelona nas quartas da Liga dos Campeões.

    A jogada foi como um gol para Davies, que levou as redes sociais à loucura após uma amostra de toda sua habilidade e velocidade, que deixaram Nelson Semedo sem rumo.

    Essa não foi a primeira vez que o jovem canadense humilha um defensor e certamente não será a última. Com apenas 20 anos de idade, Davies caminha a passos largos para se tornar o melhor lateral esquerdo desde o lendário Roberto Carlos.

  12. 20. Abby Dahlkemper @woman

    20. Abby Dahlkemper

    Poucos defensores no mundo do futebol são tão confiáveis quanto Abby Dahlkemper.

    Aos 27 anos, a zagueira do North Carolina Courage venceu outro título da NWSL no fim de 2019, anulando a talentosa Sam Kerr e vendo seu time marcar quatro vezes.

    Classificada como “uma criadora natural de jogadas” pela ex-treinadora da seleção americana Jill Ellis, Dahlkemper poderia ter brilhado ainda mais se não fosse a pausa causada pela pandemia da Covid-19.

  13. 19. Ciro Immobile @man

    19. Ciro Immobile

    Cristiano Ronaldo igualou o recorde da Serie A ao fazer gols em 11 partidas seguidas, terminando a temporada com 31 gols pela Juve. Ainda assim, o português não foi o artilheiro da liga.

    O motivo? Ciro Immobile, da Lazio, que igualou um recorde ainda mais impressionante, tornando-se o segundo a marcar 36 gols em uma campanha do Campeonato Italiano.

    O desempenho do italiano não foi o suficiente para manter a Lazio na briga pelo título, mas cravou seu nome na história da competição e lhe rendeu uma Chuteira de Ouro da Europa.

  14. 19. Ewa Pajor @woman

    19. Ewa Pajor

    Só duas jogadoras conseguiram chegar aos dois dígitos na contagem de gols da Bundesliga na última temporada, e uma delas é Ewa Pajor.

    A jogadora de 23 desenvolveu um novo lado do seu jogo, dando dez assistências (comparadas a apenas duas na temporada anterior), além de marcar 16 vezes, tudo isso em 17 partidas.

    Seu desempenho foi de suma importância para o título nacional do Wolfsburg, assim como os dois gols marcados contra o Bayern de Munique a caminho do título da Copa da Alemanha.

  15. 18. Mohamed Salah @man

    18. Mohamed Salah

    Enquanto algumas pessoas argumentavam sobre a piora na eficiência ofensiva de Mohamed Salah na última temporada, o atacante do Liverpool se tornou o segundo mais rápido a alcançar a marca de 100 participações em gols na Premier League.

    “As pessoas criticam Salah, mas olhe para a sua performance e número de gols”, disse o capitão do Liverpool, Jordan Henderson. “Ele é incrível”.

    Só na última temporada, o Rei do Egito marcou 19 vezes e deu dez assistências. Participação vital na campanha que levou o clube a seu primeiro título na era Premier League.

  16. 18. Amel Majri @woman

    18. Amel Majri

    Quantas jogadoras podem dizer que ganharam sete Ligas dos Campeões aos 27 anos? Só uma, Amel Majri.

    A estrela do Lyon teve mais uma temporada brilhante, conquistando o Campeonato Francês, a Copa da França, a Liga dos Campeões e a primeira edição da Supercopa da França.

    Só na Ligue 1 foram cinco gols e seis assistências em 14 partidas, com mais sete gols marcados em outras competições.

    Com a chegada de Sakina Karchaoui para jogar na lateral esquerda, Majri deve se tornar uma jogadora ainda mais ofensiva, o que é uma péssima notícia para suas rivais.

  17. 17. Erling Haaland @man

    17. Erling Haaland

    Acredite no hype! Erling Haaland é, como Paul Scholes definiu, “O cara”.

    O fenômeno norueguês mal completou 20 anos e já apareceu como a próxima grande estrela do futebol mundial. Foram dez gols em sua temporada de estreia na Liga dos Campeões, tudo isso em apenas oito partidas disputadas.

    Com 44 gols em 40 partidas na temporada 2019/20, o jovem do Borussia Dortmund é o primeiro na lista de candidatos a preencher o “vazio” deixado por Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, que se encaminham para o final de suas carreiras.

  18. 17. Ji So-yun @woman

    17. Ji So-yun

    As performances de Ji So-Yun são tão boas e consistentes que é como se a Women´s Super League já estivesse acostumada com tanto talento, desde sua chegada em 2014.

    A sul-coreana de técnica espetacular é famosa por seus passes, mas também é capaz de marcar, tendo balançado as redes seis vezes em 13 jogos da liga, conquistando seu terceiro título na competição.

    Uma das jogadoras mais incríveis em ação, ela já venceu tudo o que é possível na Inglaterra, incluindo a Continental Cup deste ano.

  19. 16. Serge Gnabry @man

    16. Serge Gnabry

    Menos de cinco anos se passaram desde a afirmação de Tony Pulls (então treinador do clube) que dizia que Serge Gnabry “não tinha o nível desejado para jogar pelo West Bromwich Albion”.

    Hoje, classificado como o ‘novo Arjen Robben’ após igualar o melhor desempenho do ídolo holandês pelo Bayern de Munique, Gnabry pode se orgulhar de seus 23 gols em 46 partidas durante a mágica temporada dos alemães.

    O ex-jogador do Arsenal foi especialmente decisivo na Liga dos Campeões, marcando cinco de seus nove gols na competição durante a fase de mata-mata, incluindo dois na semifinal contra o Lyon.

  20. 16.  Alexia Putellas @woman

    16.  Alexia Putellas

    Alexia Putellas é uma meia forjada para um estilo de jogo espanhol, mais especificamente como o Barcelona costuma jogar.

    A jogadora de 26 anos se destaca por seu elevado nível técnico, com execuções sempre muito precisas, tudo sem perder a criatividade e a agressividade.

    Putellas foi peça-chave do Barcelona campeão da liga em 2020, mostrando seu poder de fogo com 10 gols marcados em 20 partidas. Ela ainda marcou três na Liga dos Campeões, levando o time até as semifinais.

  21. 15. Romelu Lukaku @man

    15. Romelu Lukaku

    Romelu Lukaku tinha razão quando se queixou de seus atributos no FIFA 21.

    2020 foi o ano que trouxe o atacante belga de volta a sua melhor fase após um período turbulento no Manchester United, onde chegou a ser acusado de falta de profissionalismo e de estar fora de forma.

    Desde sua chegada à Inter de Milão, Lukaku se tornou o primeiro jogador a marcar 34 gols em uma temporada de estreia desde Ronaldo Fenômeno.

    O atacante de 27 anos sofreu com a derrota na final da Liga Europa, mas a verdade é que a Inter não teria chegado tão longe sem a sua ajuda, que rendeu o recorde de dez gols em partidas seguidas na competição.

  22. 15. Beth England @woman

    15. Beth England

    Poucas jogadoras empolgaram a torcida na última temporada como Beth England fez na Women’s Super League.

    Após anos tentando se estabelecer, a inglesa de 26 anos iniciou a campanha com um golaço, acertando um foguete no ângulo, de fora da área, na partida em que o Chelsea venceu o Spurs por 1 a 0 no Stamford Bridge.

    Beth também mostrou sua versatilidade ao marcar todos os tipos de gols, incluindo mais uma pintura no empate contra o Manchester City e dois na final da Continental Cup, vencida pelo Chelsea.

  23. 14. Trent Alexander-Arnold @man

    14. Trent Alexander-Arnold

    Um dos fatos mais incríveis sobre Trent Alexander-Arnold é que ele tem apenas 22, o que significa que o craque do Liverpool ainda deve se desenvolver muito.

    Combinando as habilidades de lateral defensivo, ponta habilidoso e meia com excelente visão de jogo, Arnold quebrou o seu próprio recorde na temporada passada da Premier League, com 13 passes para gol na incrível campanha do Liverpool.

    O céu é o limite para o jovem inglês, a quem o ex-Liverpool Jamie Carragher classifica como “o jogador mais criativo da Europa”.

  24. 14. Guro Reiten @woman

    14. Guro Reiten

    Quando Guro Reiten chegou ao Chelsea na última temporada, ela não era exatamente um nome conhecido no futebol. Mesmo assim, Emma Hayes, treinadora da equipe, a classificou como “uma das jogadoras de criação mais talentosas do mundo”.

    Com o início do campeonato, Reiten se firmou como a melhor jogadora da competição, levando o Chelsea ao título com o recorde de oito assistências e cinco gols marcados em 15 jogos.

    A ágil norueguesa também ajudou os Blues a vencerem a Continental Cup com sua excelente visão de jogo e dribles insinuantes que transformaram a equipe de Londres em uma máquina de vencer.

  25. 13. Sergio Ramos @man

    13. Sergio Ramos

    Quando o assunto é Sergio Ramos, não existe meio termo. Estamos falando do jogador que quebrou o nariz do próprio irmão em uma partida, em tempos de base.

    Mas ao mesmo tempo em que há discussões disciplinares sobre ele, também há muita inspiração.

    Na última temporada, enquanto cumpria mais uma suspensão, viu o Real Madrid ser eliminado da Liga dos Campeões nas oitavas de final, mas respondeu em grande estilo, marcando seis gols em uma sequência de dez vitórias do Real Madrid que alavancou os Merengues ao título da La Liga.
  26. 13. Julie Ertz @woman

    13. Julie Ertz

    Os Estados Unidos têm a melhor seleção de futebol feminino do mundo, e Julie Ertz é a sua principal jogadora.

    Jogando como volante na seleção nacional, Ertz é o motor do time bicampeão mundial, sendo uma rocha na defesa e o ponto de início para as jogadas ofensivas.

    Pelo Chicago Red Stars, Julie costuma atuar como zagueira. Forte e habilidosa na saída de jogo, ela ajudou a equipe a chegar até a final da NWSL (o campeonato nacional dos EUA).

  27. 12. Thiago Alcântara @man

    12. Thiago Alcântara

    Wayne Rooney já expressou abertamente o seu desejo em ver Thiago Alcântara jogando na Premier League. Mal sabia o atacante inglês que o craque do Bayern terminaria se juntando ao Liverpool, rival de seus amados Everton e Manchester United.

    O brasileiro naturalizado espanhol é um daqueles talentos raros que faz a ligação perfeita entre o futebol clássico e as inovações e a competitividade do esporte moderno.

    Mágico de se ver, mas um pesadelo de se enfrentar, como descreveu Mason Mount após a eliminação do Chelsea na Liga dos Campeões: “Eu sequer consegui encostar nele”.
  28. 12. Griedge Mbock Bathy @woman

    12. Griedge Mbock Bathy

    Companheira de Wendie Renard na zaga do Lyon, Griedge Mbock Bathy é parte de uma das duplas defensivas mais dominantes do futebol feminino.

    Calma com a posse de bola, força física, excelente técnica e facilidade no jogo aéreo são algumas das características da jogadora de 25 anos que já tem nada menos do que cinco títulos da Liga dos Campeões.

    Ela perdeu as partidas finais da Champions e da Copa da França por conta de uma lesão nos ligamentos do joelho em junho, mas ainda assim foi muito importante para a equipe.

  29. 11. Joshua Kimmich @man

    11. Joshua Kimmich

    Existe algo que Joshua Kimmich não consiga fazer?

    O alemão não só atuou como volante na tríplice coroa do Bayern de Munique, como também foi improvisado na lateral direita e até mesmo na zaga.

    Ainda assim, Kimmich marcou sete gols e deu 15 assistências durante a temporada vitoriosa dos Bávaros, sendo o jogador que mais criou chances de gol na temporada 2019/20 da Liga dos Campeões.

    Não é por acaso que Mourinho recentemente disse ao DAZN: “Vejo em Kimmich a qualidade para jogar como lateral direito, esquerdo, zagueiro, número 6, 8, 10… Ele pode jogar onde quiser”.
  30. 11. Sam Kerr @woman

    11. Sam Kerr

    Depois de ajudar o Chicago Red Stars a chegar até a final da NWSL e ter vencido a Chuteira de Ouro dos Estados Unidos três vezes seguidas, Sam Kerr deixou a sua sequência incrível para se aventurar na Women’s Super League, o campeonato inglês feminino.

    A australiana de 27 anos conquistou a competição logo em seu ano de estreia, assim como a Continental Cup. Kerr tem jogado em uma posição diferente no Chelsea, onde além de marcar gols, cria oportunidades e abre espaços para suas companheiras.

  31. 10. Sadio Mané @man

    10. Sadio Mané

    Depois de o Liverpool conquistar o seu primeiro título inglês em 30 anos, a Premier League fez uma lista com as cinco vitórias mais importantes da campanha que acabou com o tabu dos Reds.

    Mané marcou em quatro dos jogos escolhidos (contra Leicester, Aston Villa e Crystal Palace, fora de casa, e Manchester City, em casa), além de ter dado uma assistência na quinta partida (contra o Leicester, em casa), solidificando seu status entre os atacantes mais decisivos do mundo.

    "Um jogador completo", definiu seu companheiro Fabinho. Fora do campo, o senegalês também é reverenciado por seu carisma, o que pode ser comprovado pela sua eleição como o Jogador do Ano escolhido pelos fãs, em prêmio da PFA para a temporada de 2019/20.

  32. 10. Crystal Dunn @woman

    10. Crystal Dunn

    Quando as notas das melhores jogadoras do FIFA 21 foram lançadas, todos se perguntaram onde estava Crystal Dunn.

    Companheira de Dunn na seleção americana, Megan Rapinoe usou o Twitter para desafiar qualquer um que dissesse que Crystal não era a melhor lateral-esquerda do mundo.

    Curiosamente, essa sequer é a posição principal de Dunn. Geralmente atuando em posições mais avançadas e criativas, a jogadora de 28 anos liderou o North Carolina Courage a mais um título da NWSL em 2019.

    Não existem muitas jogadoras no mundo que brilham em múltiplas posições, mas Crystal Dunn é certamente uma delas.

  33. 9. Thomas Muller @man

    9. Thomas Muller

    Dois anos atrás, Joachim Low chegou à conclusão que o período de Thomas Muller como um atleta de ponta havia terminado, após uma péssima campanha da seleção alemã na Copa do Mundo de 2018.

    Felizmente para o Bayern, Hansi Flick não via Muller com os mesmos olhos e encontrou uma nova posição para o meia no time, depois de substituir Nico Kovac no comando do clube em 2019.

    A resposta de Muller foi imediata, com 12 gols e incríveis 25 assistências que ajudaram o Bayern nas múltiplas conquistas de 2019/20.

    Jupp Heynckes não poupou elogios ao craque, a quem classificou como ”o mais extraordinário jogador alemão de todos os tempos”.

  34. 9. Debinha @woman

    9. Debinha

    Os craques sempre aparecem nos grandes jogos – e é exatamente isso que Debinha costuma fazer.

    Quando o North Carolina Courage conquistou seu segundo título seguido da NWSL, no último mês de novembro, a brasileira de 29 anos foi eleita a melhor jogadora da final, na qual ela abriu o placar contra o Chicago Red Stars.

    Com passagens pela Portuguesa e pelo São José, a mineira já ocupa posição de destaque também na seleção brasileira, sendo a camisa 9 na última Copa do Mundo.

  35. 8. Karim Benzema @man

    8. Karim Benzema

    Durante sua passagem pelo Real Madrid, José Mourinho chegou a comparar o uso de Benzema no ataque com “tentar caçar com um gato”. Como bem notou o diário AS na última temporada, o gato se transformou em um leão.

    Com a chegada dos badalados Eden Hazard e Luka Jovic – que pouco fizeram pelo Real Madrid, recaiu sobre Karim Benzema o peso de carregar o ataque dos Merengues, tarefa que ele cumpriu de forma brilhante, com 21 gols no título da La Liga.

    Com mais de dez anos de serviços prestados ao Real, o francês finalmente alcançou o posto de principal jogador do clube e a sua melhor classificação no ranking Goal 50.

  36. 8. Amandine Henry @woman

    8. Amandine Henry

    A lesão que tirou Amandine Henry da final da Liga dos Campeões foi lamentada pelos fãs de futebol, que perderam a chance de ver a mais completa jogadora de meio-campo em ação em uma partida tão especial.

    Aos 31 anos, Henry chama a atenção pela polivalência que a permite transitar com facilidade entre o campo ofensivo e defensivo, sempre mostrando sua imensa qualidade.

    A francesa é tida como uma das responsáveis pelos quatro troféus conquistados pelo Lyon na última temporada, mesmo que os números nem sempre mostrem sua importância.

  37. 7. Virgil van Dijk @man

    7. Virgil van Dijk

    Quão importante é Van Dijk para o Liverpool?

    Essa é uma pergunta difícil de responder, mas o fato de o defensor holandês ter participado de cada minuto da campanha do título do Liverpool na Premier League ajuda a explicar o seu impacto no desempenho dos Reds.

    A eliminação prematura do Liverpool na Liga dos Campeões impediu que o zagueiro mantivesse o primeiro lugar do ranking Goal 50, mas isso não impede que Van Dijk siga na honrosa posição de defensor mais bem posicionado da lista.

  38. 7. Saki Kumagai @woman

    7. Saki Kumagai

    Muitas vezes passando despercebida por atuar no elenco recheado de craques do Lyon, Saki Kumagai é muito importante para a equipe.

    Aos 30 anos, a japonesa brilhou ao marcar o segundo gol do Lyon na vitória por 3 a 1 na final da Liga dos Campeões, conquistando sua quinta medalha da competição.

    Podendo jogar como volante ou zagueira, Saki é famosa por seus belos passes e marcação dura, essenciais em um time repleto de talentos no campo ofensivo.

  39. 6. Kylian Mbappé @man

    6. Kylian Mbappé

    “Não fale comigo sobre dor”, foi o que Kylian Mbappé tuitou após a partida do PSG contra a Atalanta, pelas quartas de final da Liga dos Campeões.

    As chances de escalação do francês para a partida haviam sido praticamente descartadas por conta de uma lesão no tornozelo, mas Mbappé mostrou o seu espírito de competidor para sair do banco e inspirar a equipe em uma vitória suada, nos momentos finais da partida.

    O jovem atacante já havia provado o seu valor pela equipe da capital francesa, colaborando na conquista de quatro títulos nacionais, com 25 gols em apenas 27 jogos, sendo 18 na Ligue 1, da qual foi o principal artilheiro ao lado de Wissam Ben Yedder.

  40. 6. Caroline Graham Hansen @woman

    6. Caroline Graham Hansen

    Caroline Graham Hansen é uma jogadora impressionante em diversos aspectos. Uma máquina de assistências, ela dominou o ranking de passes para gol na última Liga dos Campeões.

    A norueguesa também é eficiente dentro da área, com 18 gols marcados em 32 jogos do Barcelona, que conquistou a liga nacional, a Supercopa da Espanha e chegou às semis da Champions.

    Hansen é um deleite para os fãs com seus passes ousados, velocidade e arsenal de dribles. A mudança da Alemanha para a Espanha certamente fez bem para a sua carreira, com sua bela temporada de estreia pelo Barça.

  41. 5. Cristiano Ronaldo @man

    5. Cristiano Ronaldo

    Não existem dúvidas sobre a qualidade de Cristiano Ronaldo, mas ainda assim é impressionante ver o desempenho do português na turbulenta temporada da Juventus, igualando o recorde de 11 gols marcados em partidas em sequência.

    Ronaldo não desapontou nem mesmo na partida que eliminou a Velha Senhora da Liga dos Campeões, marcando duas vezes contra o Lyon, que seguiu na competição por conta da regra do gol qualificado.

    Com isso, CR7 se tornou o responsável por todos os gols da Juve em jogos de mata-mata da Champions desde sua chegada ao clube, em 2018.

    Em tempos de mudança, Cristiano Ronaldo balançando as redes segue como uma das poucas certezas da vida.

  42. 5. Wendie Renard @woman

    5. Wendie Renard

    Quando Wendie Renard decidir pendurar as chuteiras, seu legado no Lyon tem tudo para transformá-la em uma verdadeira lenda.

    Em entrevista antes da final da Liga dos Campeões, que viria a lhe render o seu sétimo título da competição, Renard disse: “eu só quero vencer, vencer e vencer. É só no que eu consigo pensar”.

    Nas semifinais da Champions, quando o Lyon sofria contra o PSG, foi a imponente presença de Renard que conseguiu o único gol da partida em uma cabeçada indefensável.

    Aos 30 anos, a zagueira tem a habilidade para ler o jogo como poucos e é sempre uma ameaça aérea às adversárias, tendo marcado 12 gols na última temporada.

  43. 4. Neymar @man

    4. Neymar

    Nem mesmo os críticos mais duros de Neymar podem contestar a sua importância na classificação do Paris Saint-Germain para sua primeira final de Liga dos Campeões.

    Com apenas 15 partidas disputadas na Ligue 1 por conta de uma lesão (onde ainda assim marcou surreais 13 gols na campanha do título), Neymar pôde se recuperar a tempo de disputar o mata-mata da Champions em sua melhor forma.

    O brasileiro marcou nas duas partidas contra o Borussia Dortmund e então iluminou Lisboa com todo o seu repertório de dribles e fintas, ajudando a equipe nas classificações contra Atalanta e RB Leipzig.

    Mesmo com a derrota para o Bayern na final, 2020 marca o ano em que Neymar recuperou o seu lugar entre os melhores jogadores de futebol do planeta.

  44. 4. Dzsenifer Marozsan @woman

    4. Dzsenifer Marozsan

    Nenhuma jogadora do mundo é mais técnica do que Dzsenifer Marozsan. A armadora do Lyon é simplesmente capaz de fazer o que quiser com a bola, desde enfiadas de bola milimétricas e cobranças de falta perfeitas até finalizações potentes e letais.

    No Campeonato Francês, Marozsan foi a única a alcançar dois dígitos em gols e assistências, com dez bolas na rede e 12 passes para gols.

    Uma lesão no pé impediu a alemã de colaborar com a seleção na Copa do Mundo, mas seu desempenho na última temporada foi perfeita para colocá-la entre as melhores do planeta.

  45. 3. Lionel Messi @man

    3. Lionel Messi

    Esse foi um ano difícil para Lionel Messi, que em uma entrevista exclusiva para a Goal revelou como ele e sua família foram afetados pelos seus problemas com o ex-presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu.

    Mesmo furioso com as decisões da diretoria do clube catalão, Messi seguiu operando verdadeiros milagres a cada semana. Se não fosse pelas atuações do capitão, o Barça provavelmente não teria brigado pelo título da La Liga ou mesmo chegado até as quartas da Champions.

    O argentino foi o recordista de passes para gol em todas as principais ligas da Europa, com 25 assistências, além de ter marcado 31 vezes pelo Barcelona. Só na La Liga foram 25 gols, que lhe renderam o troféu de artilheiro pela quarta temporada seguida.

    Agora imagine só o que Messi pode fazer na próxima temporada se o Barcelona restaurar a paz no Camp Nou.

  46. 3. Lucy Bronze @woman

    3. Lucy Bronze

    Durante a última final da Liga dos Campeões, um certo clipe de Lucy Bronze viralizou na internet e mostra muito sobre a craque inglesa.

    Na partida mais importante da temporada, a jogadora girava a bola calmamente em um dos dedos, enquanto aguardava para cobrar um arremesso lateral.

    Pressão é algo que não existe para Lucy Bronze. A lateral não só ama os grandes confrontos, como ama vencê-los.

    Suas disparadas da defesa para o ataque foram cruciais para o Lyon nas últimas temporadas, mas o novo desafio de Bronze é repetir o seu desempenho brilhante com a camisa do Manchester City.

  47. 2. Kevin De Bruyne @man

    2. Kevin De Bruyne

    Mais uma vez, Kevin De Bruyne saiu de campo desapontado após a "eliminação anual" do Manchester City nas quartas de final da Liga dos Campeões.

    “Outra temporada, mesmo resultado”, lamentou o belga após a pesada derrota por 3 a 1 para o Lyon.

    A frustração de De Bruyne é justificada, já que ninguém fez mais pelo City do que o talentoso meia, seja na disputa da Champions ou na Premier League.

    O Liverpool pode ter vencido o Campeonato Inglês, mas De Bruyne ficou com o prêmio de melhor jogador da competição após impressionantes 13 gols e 20 assistências.

    O City pode ter perdido a oportunidade de contratar Messi na última janela de transferências, mas desde que De Bruyne siga em forma, a equipe de Pep Guardiola pode continuar sonhando com a tão desejada glória continental.

  48. 2. Vivianne Miedema @woman

    2. Vivianne Miedema

    Às vezes as coisas não dão certo nem mesmo para as melhores jogadoras. Vivianne Miedema fez tudo o que podia pelo Arsenal na última temporada, mas a equipe dirigida por Joe Montemurro sofreu com muitas lesões e terminou com a terceira colocação na liga, além do vice-campeonato na Continental Cup e da eliminação nas quartas da Champions.

    Mesmo com tantos problemas, Miedema brilhou. Aos 24 anos, a holandesa combina as melhores características das camisas 10 e 9. O resultado foram 16 gols na WSL, oito assistências (recorde da liga) e a Chuteira de Ouro na Liga dos Campeões, com outros dez gols.

    Uma das mais completas do mundo, Vivianne continuou com sua absurda sequência de recordes, marcando seis gols e dando quatro assistências em uma única partida, em dezembro de 2019.

  49. 1. Robert Lewandowski @man

    1. Robert Lewandowski

    Segundo o próprio Robert Lewandowski, ele pode seguir jogando até os 40 anos tranquilamente. Afinal, quem duvidaria de sua capacidade?

    Aos 32 anos de idade, o polonês chegou ao pico de sua performance com o assustador recorde de 55 gols marcados em 47 partidas pelo Bayern de Munique, pelo qual foi artilheiro da Bundesliga, da Copa da Alemanha e da Liga dos Campeões.

    Nenhum outro jogador sequer chegou perto dos números de Lewandowski – nem mesmo Cristiano Ronaldo ou Messi – fazendo do matador do Bayern um vencedor digno do Goal 50.

    Em tempos difíceis, a ascensão de Lewandowski ao topo do futebol parece oportuna. “Nunca deixe de sonhar, nunca desista”, disse o polonês depois da conquista da Champions com o Bayern.

  50. 1. Pernille Harder @woman

    1. Pernille Harder

    Na última temporada, tudo que Pernille Harder tocou virou ouro. Ela viveu uma temporada dos sonhos em 2019.

    A dinamarquesa marcou 27 gols em 21 jogos pelo Wolfsburg no Campeonato Alemão, nove gols em sete partidas da Champions e outros dois na Copa da Alemanha.

    Ao fim de sua assustadora campanha, Harder venceu o Campeonato Alemão e a Copa da Alemanha (pela quarta temporada seguida) e foi vice da Liga dos Campeões.

    Mais do que a chuva de gols, a craque ainda distribuiu oito assistências na liga nacional, antes de se transferir para o Chelsea na maior transação da história do futebol feminino. Mais um recorde merecido para a melhor jogadora de futebol do mundo.