Thiago Neves critica improvisações de Ceni no Cruzeiro após eliminação: “time sentiu”

Thiago Neves Cruzeiro Corinthians Brasileirão Série A 08062019
Pedro Vilela/Getty
O camisa 10 não gostou das alterações feitas pelo treinador antes da partida contra o Internacional, na Copa do Brasil

Mano Menezes deixou o Cruzeiro, demitido, após a derrota por 1 a 0 no jogo de ida contra o Internacional, pela semifinal da Copa do Brasil. Rogério Ceni foi apontado como substituto, mas depois de uma nova derrota na volta, por 3 a 0 no Beira Rio. Em busca de reverter o placar, o novo treinador efetuou mudanças na equipe titular.

Acompanhe o melhor do futebol ao vivo ou quando quiser: assine o DAZN e ganhe um mês grátis para experimentar

Ceni improvisou Jadson na lateral-direita, e colocou Robinho, outrora um ponta, para ser volante ao lado de Henrique. Além disso, Fred ficou no banco de reservas. No segundo tempo, Henrique passou à função de zagueiro depois que Dedé sentiu dores no tornozelo e não retornou. As opções do novo técnico foram criticadas por Thiago Neves após a derrota nesta quarta-feira (04).

"Muitas improvisações é demais. Fazer quatro mudanças é muita coisa em um time que já está formado. É difícil, complicado. Conseguimos fazer um bom primeiro tempo, mas o gol acabou sendo um balde de água fria para o time", disse o camisa 10. “Eu achei muito em cima da hora. Você improvisar jogador em uma linha que estava formada há anos. Nada contra, mas é muita coisa para uma decisão. O time sentiu o entrosamento, mas é como eu falei. Sentimos muito depois do primeiro gol", completou.

Eliminado tanto da Libertadores quanto da Copa do Brasil, agora resta ao Cruzeiro a missão de deixar definitivamente a luta contra o rebaixamento no Brasileirão.

Fechar