Simeone no Atlético de Madrid: recordes, títulos e números do técnico

O técnico argentino, o mais vitorioso da história do Atleti, completou 500 partidas sob o comando do clube espanhol

Diego Simeone já estava na história como um dos principais nomes do Atlético de Madrid por ter sido ídolo como jogador, em meados dos anos 90, mas é como treinador que conseguiu definitivamente se tornar uma lenda colchonera. O argentino recolocou os alvirrubros em um patamar de competidor por títulos, e termina 2020 como líder de La Liga e com o incrível número de 500 partidas sob o comando do Atleti.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

A marca do meio milhar foi alcançada neste 30 de dezembro, em uma vitória que ajuda a contar muito do que foi a história do Atleti de “El Cholo”, como Simeone é carinhosamente apelidado: sua equipe fez 1 a 0 no Getafe, graças a gol de cabeça de Luís Suárez, e apesar de ter sofrido na defesa conseguiu segurar o resultado até o fim. Os Colchoneros ocupam a primeira posição isolada da tabela, com 35 pontos após 14 jogos disputados num total de 16 rodadas.

Apesar de o placar magro e força defensiva terem sido marca deste triunfo em seu 500º jogo na área técnica do Atleti, é bem verdade que na atual temporada a equipe treinada pelo argentino tem se notabilizado também por conseguir impor um volume ofensivo maior, na comparação com os últimos anos, assim como possuir um domínio mais confortável com a posse de bola. Entretanto, se o “cholismo” possui uma marca até aqui ela é o jogo físico, de entrega total, com impressionante bola aérea e contra-ataques fulminantes que fez o clube reencontrar-se com sua grandeza.

Confira, abaixo, os principais recordes de Simeone como técnico do Atleti.

Simeone, Atlético de Madrid vs. Athletic, Europa League 2012 (Foto: Getty Images)

Técnico mais vezes campeão: desde a estreia, em janeiro de 2012 contra o Málaga, Simeone se tornou o técnico com o maior número de taças conquistada na história do Atleti. Foram sete troféus conquistados, um a mais do que Luís Aragonés, ídolo e ícone eterno dos Colchoneros. As conquistas foram as seguintes: Europa League (2), La Liga, Copa do Rei, Supercopa da UEFA (2), Supercopa da Espanha. Isso além de dois vice-campeonatos de Champions League.

Mais vitórias na história do clube? Simeone está no caminho de outros dois recordes que hoje ainda pertencem a Aragonés, no Atleti: ser o técnico com mais partidas sob o comando do clube (o espanhol somou 611) e o com o maior número total de vitórias conquistadas (Simeone chegou a 301, contra 308 de Aragonés).

No total dos 500 jogos, o aproveitamento de El Cholo está na casa dos 60%: 301 vitórias, 118 empates e 81 derrotas; 833 gols marcados e 364 sofridos.

Segredo do sucesso?

Simeone, Atlético de Madrid, Copa del Rey 2013 (Foto: Getty Images)

Após a vitória sobre o Getafe, Simeone manteve o discurso feito desde sua apresentação, em dezembro de 2011. Vários são os segredos do sucesso de seu Atlético de Madrid, mas o principal deles talvez seja focar todas as energias jogo a jogo.

“Desde que cheguei, quando me uni a Miguel e Enrique (dirigentes do clube), disse a eles que iríamos de partida em partida. Comigo é assim, jogar cada partida como se fosse a última até que as situações me levem a sair do Atlético... ou não”, afirmou.

Fechar