Qual é o maior jejum de gols de Jô no Corinthians?

Ídolo corintiano, o atacante Jô teve uma noite para esquecer no empate sem gols contra o Fortaleza, pela 24ª rodada do Brasileirão 2020. Além de ter passado em branco mais uma vez, o camisa 77 sequer finalizou a gol e ainda recebeu um cartão vermelho – em lance polêmico, com o árbitro ainda consultando o VAR – no seu 200º jogo pelo Alvinegro Paulista.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Fazendo o seu segundo jogo após se recuperar de uma lesão na panturrilha, o atacante de 33 anos completou seu décimo jogo consecutivo sem balançar as redes pelo Corinthians. O último gol marcado pelo atacante foi no empate por 2 a 2 contra o Botafogo, ainda pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, em duelo realizado na Neo Química Arena.

Maior jejum desde 2005

Este ainda não é a maior sequência sem gols marcados por Jô no Corinthians, mas se não balançar as redes na próxima vez em que entrar em campo, o centroavante vai igualar este recorde negativo.

Quando ainda começava no futebol, vindo da base corintiana, Jô passou 11 jogos sem balançar as redes em 2005 – sua terceira temporada no clube, sendo a última antes de ser negociado com o futebol russo.

Naquela ocasião Jô havia marcado o último gol em uma vitória por 3 a 0 sobre o Sampaio Corrêa, pela Copa do Brasil de 2005, e 11 jogos depois o encanto foi quebrado com dois tentos nos 4 a 2 sobre o Flamengo, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Vale lembrar que naquele ano o Corinthians conquistou o título nacional.

Em 2017, quando viveu seu auge com a camisa corintiana na campanha de outro título brasileiro, Jô não chegou a cinco jogos sem balançar as redes.

Nesta atual temporada 2020, o atacante marcou cinco gols em 21 jogos (dois pelo Paulistão, três no Campeonato Brasileiro).