Notícias Jogos
Brasil

Mais líder do que nunca: Neymar incentiva e vira conselheiro dos mais jovens na seleção brasileira

11:15 BRT 25/09/2022
Neymar Vinicius 2022-23
Atacante do PSG está feliz e vive grande fase às vésperas da Copa do Mundo

Depois de uma temporada abaixo do esperado, Neymar deu o ponta pé inicial na atual temporada com todo o gás e vive grande fase. O atacante é um dos destaques do PSG e exala felicidade e liderança na seleção brasileira, que está reunida neste momento, na França, para os últimos amistosos antes da convocação final para a Copa do Mundo do Qatar.

Alvo de muitas críticas, Neymar teve seu futuro incerto no PSG e ouviu rumores de que o clube francês desejava negociar o atacante. Incomodado, o brasileiro decidiu focar em si mesmo para chegar bem na Copa do Mundo e dar uma resposta dentro de campo.

Segundo soube a GOAL, funcionários do time parisiense relataram que, em algumas oportunidades, Neymar chegou antes da hora marcada para os treinos e trabalhou até sozinho. Bem fisicamente, o brasileiro foi eleito o melhor jogador do Campeonato Francês no mês de agosto, desbancando nomes como Messi e Mbappé.

Nem mesmo os problemas internos com Mbappé tiram o foco de Neymar, pelo contrário, a situação com o francês serviu de combustível para seguir focando dentro de campo. Ao todo, o brasileiro soma 11 jogos com a camisa do PSG até aqui, com 11 gols e 8 assistências, sendo o jogador da equipe que mais participa de gols.

Arco e flecha, como gosta de ressaltar o técnico Tite, Neymar deu duas assistências para Richarlison na vitória do Brasil por 3 a 0 sobre Gana, na última sexta-feira. Após a partida, o brasileiro comemorou o fato de estar 100% fisicamente.

"Estou jogando futebol, bem fisicamente. Isso me ajuda muito. Meu problema nunca foi dentro de campo, mas algumas lesões acabaram atrapalhando. Quando estou 100% inteiro e feliz jogando meu futebol, fica difícil para os adversários".

"Feliz, bem fisicamente e mais líder do que nunca", essas foram as palavras usadas por várias pessoas dentro da seleção brasileira para definir o momento de Neymar com a camisa do Brasil. Recentemente, ele abraçou Vini Jr, que sofreu ataques racistas e demonstrou todo apoio ao jogador do Real Madrid.

Neymar passou para Vini que o jovem atacante não deve temer os adversários, tem que ir para cima e "bailar mesmo" nas comemorações. Num outro momento, deu conselhos a Antony.

O jogador do PSG conversou com o atacante, hoje do Manchester United, e pediu para que ele fosse para dentro dos adversários, que não tivesse medo de tentar a jogada individual, mesmo que acabasse perdendo a bola, como aconteceu durante um jogo ainda nas Eliminatórias para a Copa do Mundo, em que ele tentou, mas falhou num drible, e alguns companheiros reclamaram.

Ainda segundo soube a GOAL, Neymar é a liderança da seleção brasileira que mais consegue ter entrada entre os mais jovens, ele também é ídolo de muitos ali dentro. Além de Vini e Antony, Rodrygo, Lucas Paquetá e o próprio Raphinha ouvem conselhos do camisa 10, que passam confiança.

Com Neymar e cia, o Brasil volta a campo nesta terça-feira (27), diante da Tunísia, no último amistoso antes da lista final para a Copa do Mundo do Qatar. O camisa 10 da seleção brasileira ainda persegue a marca de Pelé, e busca igualar o rei do futebol em número de gols com a camisa amarelinha. O ex-jogador tem 77 enquanto o atacante do PSG soma 74.