Na altitude ou na pressão contra o Chile? "Novatos" vivem dilema por chance na Seleção

CompartilharFechar Comentários
Nessa altura qualquer oportunidade precisa ser muito bem aproveitada por quem tiver a chance de entrar em campo

Quando Tite anunciou a lista dos 24 convocados a surpresa foi grande. Isso porque ninguém esperava que o treinador trouxesse tantas novidades de uma só vez. Arthur, Diego Tardelli, Fred e Danilo, além de Diego que atravessa má fase mas acabou sendo cortado nesta terça-feira(3) por conta de uma lesão na coxa esquerda, apareceram entre os selecionáveis e surpreendendo a todos.

Nas vésperas da Copa do Mundo e com poucas convocações pela frente não é difícil imaginar que os atletas foram chamados para que de fato o treinador possa observa-los além dos treinamentos, pelo menos alguns deles. 

Contra a Bolívia, na próxima quinta-feira, Tite já confirmou o time titular e nenhum dos atletas citados começarão a partida e ficarão como opção no banco de reservas. Vale ressaltar que, por outro lado, Alex Sandro, que teve oportunidade na Austrália, será o dono da posição ganhando assim mais grande chance, além de Thiago Silva que fará dupla com Miranda.

Arthur Seleção Brasil 02 10 2017
(Foto: Pedro Martins / MoWa Press / Divulgação)

Neste cenário, Tite pode optar por colocar alguns atletas no decorrer do jogo ou escala-los contra o Chile, em São Paulo, nas duas opções, para Paulo Vinicius Coelho, o PVC, da Fox Sports, Tite tem uma sinuca de bico 

"Eles vão ter chances, a questão é onde e como. Você fazer o teste na Bolívia pode castigar mais do que averiguar. Vou lembrar do Diego Souza em 2009, ele ainda lamenta ter tido a chance dele na Bolívia, em La Paz, porque o desempenho pode ser comprometido pela altitude. Você vai testar o jogador ele joga bem mas e se joga mal? Foi pela altitude ou porque jogou mal mesmo? E contra o Chile, se o Chile precisar do resultado e a Argentina precisar do resultado, alguém vai acusar o Brasil de ter facilitado? Tem uma sinuca de bico aí".

Diego Tardelli Brasil Granja Comary 02 10 17
(Foto: Lucas Figueiredo / MoWa Press / Divulgação)

Para Carlos Eduardo Mansur, dar minutos a esses jogadores é importante para Tite que ainda busca definir peças de confiança principalmente no banco de reservas.

Mais artigos abaixo

"O Tite vai com o time base contra a Bolívia, talvez seja injusto dar chance a esses jogadores na altitude, mas por outro lado, vai dar contra o Chile? No último jogo, em tese é uma despedida antes da Copa do Mundo e você tem um resultado que interessa outras seleções. Todas essas questões devem estar na cabeça dele nesse momento".

Na quinta-feira(05), contra o time boliviano, Tite confirmou a seguinte escalação: Alisson, Miranda, Thiago Silva, Dani Alves, Alex Sandro, Casemiro, Paulinho, Renato Augusto, Coutinho, Neymar e Gabriel Jesus. A partida está marcada para às 17h00, no horário de Brasília. 


VEJA TAMBÉM:


Próximo artigo:
Robben vê treinos "longos demais" com Kovac no Bayern, mas exalta treinador e prevê sucesso
Próximo artigo:
Futebol na TV: confira a programação de segunda-feira (23 de julho)
Próximo artigo:
Liga das Nações da UEFA: o que é, quando começa e quais seleções jogam
Próximo artigo:
La Liga 2018/19: Quando começa, times e treinadores
Próximo artigo:
Campeonato Brasileiro 2018: artilheiros e garçons da temporada
Fechar

Utilizamos cookies para proporcionar-lhe uma melhor experiência online. Se continuar navegando em nosso site, consideramos que está de acordo com a nossa política de privacidade.

Exibir mais Aceitar