Nem Griezmann, nem o projeto Neymar: o Barcelona precisa de um 9

Comentários()
Ander Gillenea
A lesão do uruguaio mostra a dificuldade do atacante em se manter saudável e que não há um substituto no seu nível

No jogo contra o Athletic Bilbao, Luis Suárez teve uma lesão em sua panturilha direita e o Barcelona ainda não estipulou uma data para que ele volte. Mas é impossível que retorne antes da pausa da data FIFA (ou que até mesmo jogue por seu país). Suárez precisa de cuidados. Por seu tipo físico e sua idade, tem certa tendência a se lesionar.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e teste o serviço por um mês grátis!

Com Suárez, qualquer equipe no mundo é melhor, mas nas últimas temporadas ele tem ficado fora de muitas partidas e sempre demora mais que seus companheiros para voltar ao ritmo ideal. A ausência do camisa 9 no Barcelona é um problema grande para o time, porque a diretoria do Barcelona não considerou ter um reserva que mantivesse o nível do uruguaio. O clube não tem nenhum centroavante no elenco para entrar em seu lugar e não parece prioridade do Barcelona contratar ninguém nesta posição.

E há opções no mercado para o Barça contratar. A Juventus já deixou claro que Mario Mandzukic está disponível e Timo Werner quer sair do RB Leipzig, mas o Barcelona não tem interesse em nenhum deles. O clube catalão está fixado em trazer de volta Neymar, em uma espécie de obsessão que o Barça tem. Esta operação dá voltas e mais voltas e não parece fazer tanto sentido, já que Griezmann foi contratado e joga na mesma posição que o brasileiro. E Neymar não faz as mesmas funções que Suárez em campo.

É certo também que em temporadas passadas os reservas contratados para jogar no lugar de Suárez não foram bem, como Paco Alcácer. Mas os catalães precisam de uma alternativa para o atacante de 33 anos - com o corpo claramente castigado.

Mais artigos abaixo

Nem Neymar nem Griezmann estão aptos a jogar no comando de ataque. No caso do francês, ele havia demonstrado isso já em seus tempos de Atlético de Madrid, quando jogava melhor tendo um centroavante ao seu lado. Se for colocado como um falso 9, provavelmente seu desempenho não será o esperado.

A única opção restante para o Barça é o jovem Carles Pérez, ainda inexperiente e que por mais que tenha tido algum destaque na pré-temporada, não se pode afirmar que o mesmo acontecerá em jogos competitivos.

Fechar