Messi bate Van Dijk, Cristiano Ronaldo e recebe o FIFA The Best 2019

Comentários()
Getty
O argentino foi eleito, pela sétima vez, em seis anos diferentes, o melhor jogador do mundo

Lionel Messi foi eleito pela FIFA o melhor jogador do mundo em 2019. O argentino, craque do Barcelona, bateu a concorrência de Cristiano Ronaldo (Juventus) e de Virgil van Dijk, que era tido como favorito pelo que fez pelo Liverpool na temporada passada. O craque do Barcelona foi campeão espanhol, e acumulou um total de 51 gols em 50 partidas pelo seu clube.

Acompanhe o melhor do futebol ao vivo ou quando quiser: assine o DAZN e ganhe um mês grátis para experimentar

Esta foi a primeira vez que o argentino recebeu o “The Best”, da FIFA, mas somando todas as premiações, o camisa 10 foi o sétimo prêmio recebido por Messi em seis diferentes anos, transformando o atacante no atleta que mais vezes recebeu tais honrarias.

Mais artigos abaixo

Premiações de Messi

  • Melhor jogador pela FIFA: 2009
  • Bola de Ouro: 2009
  • Bola de Ouro FIFA: 2010, 2011, 2012, 2015
  • FIFA The Best: 2019

Bola de Ouro, The Best... entenda os prêmios!

O FIFA The Best foi criado em 2016, depois que a entidade parou de definir o melhor do mundo em parceria com a revista France Football, idealizadora da tradicional Bola de Ouro. Entre 2010 e 2015, a “Bola de Ouro FIFA” simbolizou o auge do duopólio entre Messi (vencedor quatro vezes) e Cristiano Ronaldo (que ficou com o prêmio, neste formato específico, em duas ocasiões).

Antes de criar o The Best, a FIFA entregou o seu prêmio de melhor jogador do mundo entre 1991 e 2009. A entrega rivalizava com a Bola de Ouro da France Football, entregue pela primeira vez em 1956 e que até 1995 era restrita a europeus, sendo que até 2006 considerava apenas atletas restritos ao território europeu.

Maiores campeões no The Best

Eleito em 2016 e 2017, Cristiano Ronaldo é o maior campeão desta nova versão da premiação entregue pela FIFA. Em 2018, o croata Luka Modric foi o escolhido em ano no qual o seu país surpreendeu ao chegar até a final da Copa do Mundo. A escolha por Modric foi muito questionada, mas desde 2016 tanto Cristiano quanto Modric também acabaram sendo eleitos na Bola de Ouro da France Football. Agora, Messi entra neste ainda seleto grupo.

CR7 ausente

Assim como já havia acontecido em 2018, Cristiano Ronaldo não esteve presente na cerimônia – que neste 2019 foi realizada em Milão. Vale destacar que o luso não vai entrar em campo nesta terça-feira (24), pela Juventus contra o Brescia, poupado.

Outros prêmios entregues na cerimônia

  • Prêmio Puskas (gol mais bonito): Dániel Szóri (Debreceni, Hungria)
  • Melhor treinador: Jürgen Klopp (Liverpool)
  • Fifa Fan Awards: Silvia Grecco (mãe que narra os jogos, especialmente os do Palmeiras, para o filho Nikollas, portador de deficiência visual)
  • Melhor goleira: Sari van Veenendaal (Holanda e Arsenal/Atlético de Madrid)
  • FIFA Fair Play: Marcelo Bielsa e o time do Leeds United
  • Seleção FIFPro de futebol feminino: Sari van Veenendaal; Lucy Bronze, Nilla Fischer, Kelley O'Hara, Wendie Renard; Julie Ertz, Amandine Henry, Rose Lavelle; Marta, Rapinoe, Alex Morgan.
  • Melhor goleiro: Alisson (Liverpool)
  • Melhor treinadora: Jill Ellis (Estados Unidos)
  • Seleção FIFPro de futebol masculino: Alisson; Sergio Ramos, De Ligt, Van Dijk, Marcelo; De Jong, Modric; Hazard, Cristiano Ronaldo, Mbappé e Messi.
  • Melhor jogadora: Rapinoe.

Fechar