Coutinho no Bayern faz Vasco quase "dobrar" primeira venda

Philippe Coutinho FC Bayern München 19082019
getty Images
Em 2008, o Gigante da Colina vendeu o jogador por 3,8 milhões de euros para a Inter de Milão

Philippe Coutinho foi apresentado oficialmente como jogador do Bayern de Munique, nesta segunda-feira (19). O clube alemão pagou € 8,5 milhões de taxa para ter o brasileiro por empréstimo, e se quiser contar definitivamente com o meia-atacante terá que desembolsar € 120 milhões no final desta temporada.

Acompanhe o melhor do futebol ao vivo ou quando quiser: assine o DAZN e ganhe um mês grátis para experimentar

Mais artigos abaixo

E a cada vez que Coutinho veste uma nova camisa, quem fica bem atento é o Vasco da Gama. Afinal de contas, o clube de São Januário, em crise financeira, sabe que poderá receber uma pequena porcentagem dos valores envolvidos nas idas e vindas do jogador, que deixou o Gigante da Colina em 2010.

Tudo isso por causa do mecanismo de solidariedade da FIFA, que direciona uma porcentagem dos valores envolvidos em negociações para os clubes formadores. Como o Vasco tem direito a 2,25% das negociações envolvendo Philippe Coutinho, terá direito a receber € 191,25 mil euros – cerca de R$ 858 mil.

Considerando todas as transferências na história de Coutinho, que vestirá agora a quinta camisa de um clube europeu, o “Príncipe” já rendeu, contando com o valor pago pelo Bayern pelo empréstimo, € 7,5 milhões aos cofres cruz-maltinos. O empréstimo ao Bayern de Munique fez com que o valor total da venda do carioca para a Inter de Milão [€ 3,8 milhões] fosse quase atingido novamente [€ 3,7 milhões].

Mecanismo de Solidariedade Vasco-Coutinho Milhões - em euros
Inter-Liverpool 292,5 mil
Liverpool-Barcelona 3,26 milhões
Barcelona-Bayern (empréstimo) 191,25 mil
Total 3,7 milhões

Ainda que tenha recebido os valores em reais, em momentos em que o cambio estava diferente do atual, é como se o Vasco tivesse vendido o jogador duas vezes.

Fechar