Notícias Placares ao vivo
Premier League

Apostas do fim de semana: Guffo dá dicas para Arsenal x Newcastle e Atalanta x Roma

09:00 BRST 14/02/2020
Pierre-Emerick Aubameyang Arsenal 2019-20
Veja uma análise qualitativa de dois jogos deste fim de semana da Serie A italiana e da Premier League para melhorar suas chances

A partir desta sexta-feira (13), você terá um espaço aqui na Goal para encontrar dicas comparativas entre equipes que se enfrentam nas rodadas dos principais campeonatos europeus. O objetivo desta coluna não é prever resultados, mas, sim, trazer muitas ferramentas para que você possa fazer seu investimento de forma mais assertiva.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Desta forma, você que é Punter, ou Trader, ou simplesmente um apostador de fim de semana, poderá tomar suas decisões amparado em uma leitura qualitativa de dados e estatísticas. Além, é claro, da leitura tática e técnica de times e jogadores, que sempre significam informações preciosas.

E temos dois grandes jogos com transmissão do DAZN neste fim de semana que valem uma atenção especial. Sábado, às 16h45, tem Atalanta x Roma pela Serie A. E no domingo, às 13h30, tem Arsenal x Newcastle pela Premier League.

Atalanta x Roma: como converter chances em gols?

Duas equipes que têm um alto volume de chances criadas por partida e chances de alta probabilidade de gol, mas encontram dificuldades na hora de converter essas chances qualificadas em bola na rede.

A Atalanta tem uma média de nove chances criadas por partida, a maior da Serie A. Cada chance tem média de 29% de probabilidade de gol. O alto volume ofensivo do time de Bergamo também aparece nas finalizações: média de 20 por jogo (com 13% de probabilidade de gol por finalização).

Isso permitiu que o time dos atacantes Zapata e Muriel tenha uma média de 2.7 gols marcados por partida no campeonato. Altíssima, mas poderia ser maior. Nas últimas cinco partidas, a média de gols esperados (xG) subiu de 2.6 para 3.09. Mas os gols marcados permaneceram dentro da média.

Já a Roma de Paulo Fonseca cria em média sete chances de gol por partida, com média de 30% de probabilidade de gol. Também é um time que finaliza muito, com 17 chutes por partida e uma probabilidade de 12% de gol por finalização. Em termos de criação ofensiva, a Roma tem números bem próximos aos da Atalanta.

Nas últimas cinco partidas, a média de gols esperados (xG) caiu de 2.1 para 1.9, mas os gols marcados se mantiveram na média de 1.8 por jogo. Isso mostra que a Roma tem produzido chances de menor probabilidade de gol, mas tem mantido a mesma eficiência, até quando joga fora de casa.

Aliás, a squadra romanista é a quinta melhor visitante da Série A, conseguindo 63% dos pontos que disputou. Já a Atalanta é o sétimo melhor mandante, com aproveitamento de 51% dos pontos.

Para você que opera trading, fique de olho que a Atalanta já fez 39% dos seus gols na última meia hora de partida (minuto 61 a 90). Já a Roma gosta de marcar na volta do intervalo: 26% dos gols foram nos primeiros 15 minutos do segunto tempo. Juntando as duas forças, temos enormes possibilidades do mercado de gols acontecer no segundo tempo e isso pode ajudar na decisão de investimento HT e/ou FT.

As Odds da BetCris apontam a Atalanta como grande favorito, mas oferecendo uma boa margem de ganho na probabilidade do empate. Eu não descartaria a possibilidade de as duas equipes se anularem ou não conseguirem converter em gols seu grande volume de jogo.

Arsenal x Newcastle: espelho, espelho meu

Que a Premier League é um dos torneios mais disputados do mundo, já se sabe. E jogos como esse, extremamente parelhos, só fortalecem o conceito. Enquanto o Arsenal deve ter o brasileiro Martinelli e Aubamayang na frente, no Newcastle existe a possibilidade da volta de Joelinton e Almiron. 

O Arsenal cria na média 5 chances por partida, cada uma com 30% de probabilidade de gol. Com dez finalizações por jogo, e cada uma com 13% de probabilidade de gol, o time de Londres tem média de 1.4 gol esperado e 1.3 gol marcado por partida. Isso quer dizer que marca menos do que se espera.

Nas últimas cinco partidas, o time de Arteta se manteve na média de xG, mas caiu na de gols marcados (1.2). Ofensivamente, o time está devendo em termos de eficiência. Mas a boa notícia é que defensivamente houve uma evolução nos últimos jogos. A média de gols esperados contra caiu de 1.7 para 1.61 e os gols sofridos caíram de 1.36 para 0.8.

Ou seja, o sistema defensivo tem cedido chances de menor probabilidade de gol aos adversários e principalmente: a bola tem entrado menos no gol de Leno.

Já os Magpies de Steve Bruce criam poucas chances por jogo: apenas três na média, com 13% de probabilidade de gol cada. Com nove finalizações por jogo, cada uma com 9% de probabilidade de gol, o time tem a baixíssima média de 0.96 gols marcados por jogo.

E nos últimos cinco jogos, esse panorama não mudou muito. Com média de 0.9 gol esperado (xG), a média de gols marcados caiu para 0.8. Por outro lado, defensivamente o time preocupa: os gols esperados contra (xGA) subiram de 2 para 2.25. Isso quer dizer que o time tem cedido chances boas aos adversários.

Na operação trading, ir lay no Arsenal seria pouco interessante. Inclusive o back também não vale muito, pois o time está bem cotado como favorito para o jogo. Mas devido à pouca média de gols das duas equipes, um mercado de over 1.5 pode ser lucrativo (não descartando o de menos 0.5 também).

Na BetCris, as Odds colocam o Arsenal como favorito para a vitória e é realmente o mais provável. Zebra de vitória do Newcastle pode ser lucrativa, mas pouco provável.