Pré-Libertadores: o que é, como é a disputa e todas as informações

Comentários()
Getty Images
Como surgiu e por que é disputada a pré-libertadores? A Goal explica para você!

A segunda fase eliminatória da pré-Libertadores já está definida - hora de nos prepararmos para a terceira e derradeira fase!

Para entender melhor como funciona essa fase eliminatória, aqui vai uma explicação sobre os duelos que levam quatro equipes a se juntar às outras 28 já classificadas para a fase de grupos da Copa Libertadores 2019 .

O Atlético-MG é o único brasileiro ainda na disputa após a eliminação do São Paulo, que acabou caindo diante do Talleres. Agora, o Galo briga por uma das quatro vagas via fase preliminar, para tentar se juntar a Athletico, Cruzeiro, Palmeiras, Flamengo, Grêmio e Internacional nas chaves, que começam a ser disputadas a partir do mês de março.

Veja tudo sobre as fases preliminares!

  1. Pré-Libertadores: o que é?
  2. Pré-Libertadores: como funciona?
  3. Pré-Libertadores: regras
  4. Pré-Libertadores: chaveamento e grupos
  5. Pré-Libertadores: vagas por país

O QUE É A PRÉ-LIBERTADORES?


Foi somente a partir de 2017 que a competição passou a ter 44 equipes e duas fases preliminares antes da fase de grupos, garantindo mais duas vagas extras para o Brasil e uma para a Argentina, Chile e Colômbia, além da vaga do campeão da Copa Sul-Americana direto na fase de grupos (até 2016 entrava na primeira fase).

Antes disso, o torneio contava com apenas uma fase preliminar, onde doze equipes disputavam seis vagas entre as oito chaves em duelos eliminatórios. Essa mudança ocorreu em 2004, quando a pré-Libertadores passou a contar com mais duas equipes e viu seu formato mudar do quadrangular adotado anteriormente.

Junior Barranquilla Atletico-PR Copa Sudamericana final 05122018
(Foto: Gabriel Aponte/Getty)

Com a grande quantidade de equipes participantes, é necessário ‘afunilar’ as que irão para a fase de grupos através de três fases pré-eliminatórias, que se iniciam com 19 times e terminam com apenas quatro classificados.

Voltar ao topo


COMO É A DISPUTA?


A pré-Libertadores é dividida em três fases, onde os times se enfrentam em séries definidas a partir do sorteio realizado em dezembro de 2018, quando também foram conhecidos os grupos. Cada série é definida em jogos de ida e volta, onde o mandante na segunda partida é definido a partir da colocação de cada time no Ranking da Conmebol.

A primeira fase preliminar é disputada entre seis times, dos quais três avançam para a etapa seguinte, onde outras 13 equipes se juntam à disputa. Dos 16 times, oito avançam para a fase final, onde cada vencedor irá para um grupo já definido em sorteio.

Voltar ao topo

Hernanes Adrian Cubas São Paulo Talleres Copa Libertadores 13022019
(Foto: Alexandre Schneider/Getty)

PRÉ-LIBERTADORES: CRITÉRIOS DE DESEMPATE


Universidad de Chile vs. Melgar

Como ocorre nas fases finais da Copa Libertadores, também ela em formato eliminatório, o vencedor de cada série será a equipe de maior placar agregado entre os dois jogos. Em caso de empate, o time com o maior número de gols marcados fora de casa - o chamado saldo qualificado - é que avança.

Persistindo ainda o empate no tempo normal - neste caso, com dois resultados iguais nos jogos de ida e volta -, a disputa é decidida nas cobranças de pênaltis, sem prorrogação.

Voltar ao topo


PRA QUE GRUPOS VÃO OS VENCEDORES?


Grupos Copa Libertadores 2019 sorteio sorteo

Como o chaveamento foi completamente definido no sorteio dos grupos, os candidatos da pré-Libertadores já sabem seus possíveis adversários caso cheguem à etapa das chaves.

O São Paulo , por exemplo, cairia no grupo de River Plate (ARG), campeão em 2018, Alianza Lima (Peru) e Internacional, no que promete ser o 'grupo da morte' dessa edição em caso de classificação Tricolor. Como foi eliminado, agora é o Talleres que tem essa possibilidade ao lado do Palestino (CHI) (G4).

Já o Atlético será pareado com Nacional de Montevidéu (URU), Cerro Porteño (PAR) e Zamora (VEN), caso supere também o Defensor Sporting após eliminar o Danubio na segunda fase (G1).

Por fim, Melgar (PER) ou Caracas (VEN) podem cair no Grupo 6 do Palmeiras, San Lorenzo (ARG) e Junior (COL) (G2) , enquanto Grêmio, Universidad Católica (CHI) e Rosario Central (ARG) aguardam o vencedor de G3, vaga que é disputada entre Atlético Nacional (COL) e Libertad (PAR).

Confira abaixo o chaveamento completo da pré-Libertadores!

Fase 1

Fase 2 (time à direita decidiu a vaga em casa):

  • C1 : Danubio (URU) 4 x 5 Atlético-MG (BRA)
  • C2 : Melgar (Peru) 1 x 0 Universidad de Chile (CHI)
  • C3 : The Strongest (BOL) 2 x 6 Libertad (PAR)
  • C4 : Palestino (CHI) 2 x 2 Indep. Medellín (COL) - Pênaltis: 4-1
  • C5 : Talleres (ARG) 2 x 0 São Paulo (BRA)
  • C6 : Dep. La Guaíra (VEN) 0 x 1 Atlético Nacional (COL)
  • C7 : Delfín (EQU) 1 x 1 Caracas (VEN) (vitória no saldo qualificado)
  • C8: Defensor Sporting (URU) 3 x 1 Barcelona de Guayaquil (EQU)*
*Placar do 1º jogo foi alterado para 3 x 0 como punição ao Barcelona

Fase 3 (time à direita decide a vaga em casa)

  • G1 : Defensor Sporting (URU) x Atlético-MG (BRA)
  • G2 : Melgar (PER) x Caracas (VEN)
  • G3 : Libertad (PAR) x Atlético Nacional (COL)
  • G4 : Talleres (ARG) x Palestino (CHI)

Voltar ao topo


QUE TIMES SE CLASSIFICAM À PRÉ-LIBERTADORES?


Cada país participante possui um número limitado de vagas no torneio, desta forma, cada um organiza a sua classificação com os seus próprios torneios. No caso do Brasil, existem sete vagas disponíveis: uma para o campeão da Copa do Brasil e outras para os seis primeiros classificados do Campeonato Brasileiro.

O quinto e o sexto colocados do Brasileirão acabam indo direto para a segunda fase da pré-libertadores, como foi o caso do Atlético-MG e do São Paulo. Se o campeão da Copa do Brasil estiver entre os seis primeiros da Série A, o G-6 vira G-7, e o sétimo colocado do Brasileirão também entra na Pré-Libertadores.

Mais artigos abaixo
Luan Ricardo Oliveira Atlético-MG Danubio Copa Libertadores 12022019
(Foto: DOUGLAS MAGNO/AFP/Getty)

Entre os clubes de outros países, as vagas da Pré-Libertadores normalmente ficam com os últimos times que entraram na classificação. Na Argentina, por exemplo, apenas cinco clubes se classificam pelo Campeonato Argentino, e o quinto colocado é o que vai para a Pré-Libertadores.

Veja como funciona as vagas de classificação para cada país participante:

  • Argentina : 1 vaga na segunda fase preliminar - 5º colocado no Campeonato Argentino;
  • Bolívia : 1 vaga na segunda fase e 1 vaga na primeira fase preliminar - Vice-campeão do Clausura e melhor pontuação acumulada no Boliviano, respectivamente;
  • Brasil : 2 vagas na segunda fase preliminar - 5º e 6º colocados do Brasileirão do ano anterior;
  • Chile : 2 vagas na segunda fase preliminar - 3º colocado no Chileno e campeão da Copa Chile;
  • Colômbia : 2 vagas na segunda fase preliminar - Melhor pontuação acumulada no Colombiano e campeão da Copa Colômbia;
  • Equador : 1 vaga na segunda fase e 1 vaga na primeira fase preliminar - Melhor e 2ª melhor pontuações acumuladas no Equatoriano, respectivamente;
  • Paraguai : 1 vaga na segunda fase e 1 vaga na primeira fase preliminar - 2º e 3º melhores pontuações acumuladas no Paraguaio, respectivamente;
  • Peru : 1 vaga na segunda fase e 1 vaga na primeira fase preliminar - 3º colocado e melhor pontuação acumulada no Peruano, respectivamente;
  • Uruguai : 1 vaga na segunda fase e 1 vaga na primeira fase preliminar - Melhor e 2ª melhor pontuações acumuladas no Uruguaio, respectivamente;
  • Venezuela : 1 vaga na segunda fase e 1 vaga na primeira fase preliminar - Melhor e 2ª melhor pontuações acumuladas no Venezuelano, respectivamente.

CONFIRA TAMBÉM:

Voltar ao topo

Fechar