É hora do Real Madrid vencer La Liga e destronar o Barcelona

Comentários()
Getty
Com um jogo de sobra para disputar, Los Blancos podem vencer o título espanhol com sete pontos nos últimos três jogos. Chegou a hora da verdade...

COMENTÁRIO


O retrospecto recente do Real Madrid em La Liga simplesmente não é bom o bastante. Atual campeão europeu, o gigante da capital tem 32 títulos nacionais em sua história, mais do que qualquer outra equipe - incluindo o Barcelona -, mas apenas um deles de 2008 pra cá. Quase uma década.

Embora o Madrid possa se orgulhar de seus onze títulos europeus, a hegemonia nacional também é medida da qualidade para qualquer equipe ao longo de uma extensa temporada. Perder La Liga repetidamente nos últimos anos é algo que incomoda o presidente Florentino Pérez.

Diz-se que o magnata da construção civil fica incomodado quando seus amigos, figurões da alta sociedade espanhola, perguntam o motivo do Real não conseguir vencer La Liga. E, mesmo que o Real esteja próximo de vencer uma Champions League pela 12ª vez na história, uma vitória na Primera División é quase tão importante ao se observar os fracassos recentes.

Desde o título em 2007/08, o Madrid só conquistou o título mais uma vez, com José Mourinho, em 2012. Nesse meio tempo, o Barça amealhou seis títulos nacionais, e o rival Atlético de Madrid venceu uma vez.


VEJA TAMBÉM:


É insuficiente para o clube mais rico e vencedor da história, uma equipe que se orgulha de sua supremacia não só na Europa, mas também em seu país. Nos últimos anos, foi o Barça quem deu as cartas em casa, muito mais do que o Real. Quem viveu os melhores momentos do Real sabe o quanto isso é fundamental.

"Vencemos apenas uma vez nos últimos nove anos, e acho que é importante que o clube vença [La Liga] novamente", disse o ex-lateral Michel Salgado nessa semana à Omnisport. "Uma coisa é ter sucesso continental, algo que nos orgulha muito, mas também devemos tentar dominar na Espanha. A torcida merece isso."

O Real ocupa a vice-liderança atualmente com a mesma pontuação do Barça, mas com um jogo ainda por disputar fora de casa, contra o Celta de Vigo. Um duelo adiado em função dos danos ao estádio de Balaídos graças às fortes chuvas que atingiram a Galícia no início deste ano. São, então, três jogos em disputa, e sete pontos serão o suficiente para que Los Blancos vençam o título.

"Temos quatro jogos ainda", disse Zidane no último sábado, em referência, claro, também à decisão da Champions League diante da Juventus. "Quatro finais para tentarmos vencer a Liga e a Champions. Mas não vencemos nada ainda."

Marcelo Sergio Ramos Marco Asensio Real Madrid Valencia LaLiga 29042017

Lionel Messi Neymar Barcelona La Liga 050617Fotos: Getty

A primeira dessas "finais" vem nesse domingo (14), contra o Sevilla, em casa, o último compromisso do Real jogando no Bernabéu em 2016/17. Depois, o jogo atrasado contra o Celta, fora (quarta, 17) e o duelo com o Málaga, na última rodada do Espanhol (domingo, 21).

O time da Andaluzia é comandado por Míchel, lenda do Real em seus tempos de jogador. Ele já afirmou ter ficado satisfeito de ajudar o Real há algumas semanas, quando seu Málaga bateu o Barcelona atuando em La Rosaleda. Outro ex-Madrid, Jesé encara os catalães nesse domingo, e afirmou:

"Gostaria de marcar contra o Barcelona e dar La Liga ao Real, não vou mentir."

Rival de Zinedine Zidane na corrida pelo título espanhol, Luis Enrique já afirmou que sua equipe "vai lutar até o fim" para faturar La Liga mais uma vez, e garantir uma despedida com louvor ao comandante dos últimos três anos.

Mas, no fim das contas, está tudo nas mãos do Real Madrid. Depois de tantas derrotas apertadas nos últimos anos, deixar a taça escapar mais uma vez seria imperdoável, dadas as circunstâncias.

Fechar