Notícias Placares ao vivo
Brasil

Com golaço, Everton reforça seu lugar na fila da seleção brasileira

00:08 BRT 15/06/2019
Everton Filipe Luis Brasil Bolívia Copa América 14062019
O Cebolinha voltou a demonstrar boa mira nas finalizações, mas desta vez o gol veio. Acredite: a ponta-esquerda da seleção não tem mais lugar cativo

Everton, o Cebolinha, fez o golaço que finalizou a vitória por 3 a 0 do Brasil sobre a Bolívia, na estreia da Copa América 2019. O jogador do Grêmio entrou no segundo tempo, no lugar de David Neres, e demonstrou de forma decisiva que a vaga na ponta-esquerda não é garantida para ninguém.

Uma ironia, porque o lugar era justamente onde Neymar atuava até sofrer a lesão no tornozelo, no amistoso contra o Catar, que sacramentou o seu corte. Naquele duelo, a primeira opção de Tite para o setor foi justamente o gremista, que ainda não havia decidido com gol apesar de ter levado perigo aos adversários.

Contra Honduras, no último teste antes da estreia desta sexta-feira (14) perante os bolivianos, Tite escalou David Neres e o jovem do Ajax respondeu com bom futebol e gol nos 7 a 0. Ganhou a posição e foi um dos poucos com desempenho de maior destaque contra a Bolívia: buscou constantemente o drible pela extremidade esquerda e não se escondeu.

Mas Cebolinha deixou claro que a disputa será forte: a partida já estava ficando sonolenta com a vitória parcial por 2 a 0 [dois tentos de Coutinho] quando o gremista centralizou a bola na intermediária e acertou um lindo chute no ângulo do goleiro Carlos Lampe.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e teste grátis o serviço por um mês!

Um gol que já vinha sendo anunciado: dentre os jogadores utilizados por Tite neste novo ciclo, Everton é um dos que apresenta melhor aproveitamento nas finalizações mesmo sem jamais ter sido titular: dos quatro arremates arriscados anteriormente, três tomaram a direção do gol e outro explodiu na trave. Nesta sexta-feira, em sua única finalização fez um golaço. Um lance que tira a ansiedade do gremista ao mesmo tempo em que lhe faz ganhar muitos pontos com o treinador.

Um chute... um golaço!!! (Foto: Buda Mendes/Getty Images)

“Estava me cobrando muito por este gol. Ansiedade chegava a atrapalhar um pouco", disse aos microfones do SporTV após o 3 a 0. “Fiquei muito feliz mesmo, por ter podido ajudar a seleção”, seguiu, sem querer falar ainda sobre uma briga de posição.

“A gente vai com calma né. A gente sabe que nosso grupo é muito qualificado, mas quem tem a ganhar é só a seleção”.

E esta última frase marca o outro momento certeiro de Everton, o segundo da noite. David Neres foi bem, mas o Cebolinha – de incrível aproveitamento na hora de finalizar – demonstrou que a ponta-esquerda não tem lugar cativo. Sob o comando de Tite, cada um soma um gol e uma assistência.

"Por vezes a opção é por um, por vezes por outro. Mas como ele [Everton] entrou bem!", observou Tite sobre o gremista.