Fred, Malcom, Buffon: as 15 piores contratações da última temporada europeia

Comentários()
Getty Images
Diversas contratações pela Europa falharam em justificar a grande quantia de dinheiro paga em suas aquisições

Em uma era de grande inflação e atenção midiática no futebol, está se tornando cada vez mais difícil para os jogadores em não sofrer grande pressão quando chegam a um novo clube - ainda mais quando os valores das negociações estão cada vez mais altos.

A temporada 2018/19 não foi uma exceção: vários atletas que chegaram, muitas vezes como grandes reforços, não conseguiram devolver no campo o investimento  diversas contratações pela Europa falharam em justificar a grande quantia de dinheiro paga em suas aquisições.

Confira a seguir as 15 piores contratações da temporada que está chegando ao fim!

  1. #15 Yaya Toure (do Man City ao Olympiacos - sem custos)

    Duzentos e vinte e dois minutos foi tudo o que Yaya Toure conseguiu no seu regresso à Grécia com o Olympiacos antes do seu contrato ser rescindido. 

    O jogador de 36 anos pode não querer se aposentar ainda, mas suas performances sob o comando de Pedro Martins claramente deixaram muito a desejar. Tanto a torcida quanto o próprio Toure provavelmente vão querer fingir que esta segunda campanha nunca aconteceu.

  2. Getty Images

    #14 Gianluigi Buffon (da Juventus ao PSG - sem custos)

    A lenda italiana pode ter custado nada ao PSG para contratá-lo, mas seu erro na Champions League contra o Manchester United foi além do custo.

    Contratado para ajudar o PSG a superar suas últimas campanhas no torneio europeu, Buffon cometeu um erro inexplicável na segunda partida contra os Red Devils na Champions, com o placar travado em 1 a 1, derrubando a bola das mãos e dando um gol de presente para Romelu Lukaku.

    ACOMPANHE O PSG NA LIGUE 1 PELO DAZN: ASSINE E GANHE 1 MÊS GRÁTIIS

    O Manchester United se consagrou vencedor naquela noite, e Buffon se lamentou por um erro que fez a equipe tropeçar na briga pela taça orelhuda em mais uma campanha.

    Embora o ex-goleiro da Juventus tenha sido sólido nas partidas da Ligue 1, o intuito de seu contrato era entrar na equipe para conquistar a Europa. Uma enorme vergonha para o PSG e para o próprio Buffon, que está desesperado para terminar a sua carreira com um título da Champions League.

  3. #13 Dominic Solanke (do Liverpool ao Bournemouth - 21 milhões de euros/cerca de R$ 94,5)

    O atacante de 21 anos pode ser visto como um investimento a longo prazo dos Cherries, mas a primeira temporada de Dominic Solanke com o Bournemouth não convenceu os torcedores de que a transferência valeu a pena.

    Nas suas 10 participações no campeonato, Solanke não conseguiu marcar gols e concedeu apenas uma assistência. Por mais que o técnico Eddie Howe não esteja preocupado, o ex-atacante do Liverpool esperava grandes oportunidades e sucesso após deixar Anfield.

  4. Getty Images

    #12 Yerry Mina (do Barcelona ao Everton - 30 milhões de euros/ cerca de R$ 135 milhões)

    Depois de estrelar na Copa do Mundo pela Colômbia, Yerry Mina tem lutado para brilhar com a camisa do Everton nesta temporada.

    Algumas lesões acabaram atrapalhado seu desempenho, fazendo-o participar de apenas 12 partidas do campeonato com os Toffees.

    Mesmo demonstrando muita qualidade quando está em campo, suas ausências nesta campanha garantiram que o defensor ainda não viveu seu momento de glória na equipe.

  5. Getty

    #11 Mariano Diaz (do Lyon ao Real Madrid - 21,5 milhões/ cerca de R$ 96,7 milhões)

    Embora as estatísticas pareçam melhores para a primeira temporada de Mariano Diaz no Real Madrid, a realidade é que ele não conseguiu justificar seu preço. Com quatro gols e nenhuma assistência em 22 jogos, o atacante ficou aquém nas expectativas. Lesões e instabilidade não o ajudaram, mas os torcedores do Real não são de aceitar desculpas, e esperam que ele se supere na próxima temporada ou comece a procurar outro clube.

  6. Goal.com

    #10 Mattia Caldara (da Juventus ao AC Milan - 35 milhões de euros/ cerca de R$ 157,5 milhões)

    As lesões prejudicaram mutio a primeira temporada de Mattia Caldara no Milan, já que o jogador de 25 anos foi contratado para preencher o grande vazio deixado por Leonardo Bonucci.

    Pelo Milan na Serie A, o zagueiro fez apenas três aparições em todas as competições. Pior ainda, uma recente lesão do ligamento cruzado significa que é improvável que ele volte até dezembro - fazendo com que seus primeiros 18 meses com o clube sejam uma grande e cara decepção.

  7. Getty

    #9 Javier Pastore (do PSG à AS Roma - 24 milhões de euros/ cerca de R$ 108 milhões)

    Uma recorrente lesão na panturrilha atrapalhou significativamente a primeira temporada de Javier Pastore com a Roma, que esperava muito mais do meio-campista.

    Pastore jogou apenas 708 minutos em todas as competições. Mesmo marcando quatro gols durante esse período, sua ausência acabou atrapalhando a equipe, que atualmente ocupa a sexta posição na Serie A.

    Aos 29 anos, é improvável que o valor de Pastore aumente com sua recente série de contusões, tornando-o um caro esquenta-banco para a Roma.

  8. Getty

    #8 Gonzalo Higuain (da Juventus a AC Milan e Chelsea - empréstimo)

    Depois de uma péssima atuação no último jogo da Premier League da temporada contra o Leicester City, os torcedores do Chelsea foram vistos cantando o nome de Tammy Abraham, já que Gonzalo Higuain não conseguiu convencer os Blues de que vale a pena ficar por lá.

    ASSISTA À SERIE A ITALIANA COM EXCLUSIVIDADE - ASSINE O DAZN E TENHA 1 MÊS GRÁTIS

    Emprestado duas vezes nesta temporada pela Juventus (a um custo total de 18 milhões de euros), o atacante marcou 13 gols em 40 partidas pelo Milan e pelo Chelsea. Um retorno ruim, considerando o excesso de chances que não conseguiu aproveitar, tornando o seu futuro na Inglaterra incerto.

  9. #7 André Zambo Anguissa (do Marseille ao Fulham - 24 milhões/ cerca de R$ 108 milhões)

    Os torcedores do Marselha estavam se beliscando quando o Fulham bateu seu próprio recorde de transferências ao assinar com o meio-campista André Zambo Anguissa.

    O jogador de 23 anos de idade tem aparecido fora do ritmo durante a maior parte da temporada e não conseguiu fornecer a estabilidade necessária no meio de campo.

    Anguissa não marcou e nem concedeu assistências em todas as competições, fazendo o clube se perguntar o que fazer com ele na próxima campanha.

  10. Getty

    #6 Malcom (do Bordeaux ao Barcelona - 41 milhões/ cerca de R$ 184,5 milhões)

    Tendo marcado seu primeiro gol na La Liga em abril, é seguro dizer que o Malcom tem sido um arrependimento para o Barcelona.

    Enfrentando grande concorrência por uma vaga de titular, o brasileiro de 22 anos fez 21 aparições em todas as competições para os catalães, marcando quatro gols e acrescentando duas assistências.

    Embora não seja o pior retorno em uma temporada de estreia, Malcom não conseguiu convencer os torcedores de que pertence ao Camp Nou e que valeu a pena o investimento.

  11. Getty Images

    #5 Aleksandr Golovin (do CSKA Moscou ao Monaco - 30 milhões/ cerca de R$ 135 milhões)

    Outro jogador que impressionou na Copa do Mundo, mas que tem brigado por vaga em nível de clube após uma contratação de grande valor.

    A saída do atacante russo para a Ligue 1 não foi boa o suficiente, marcando dois gols e duas assistências em 28 partidas.

    Mesmo tendo apenas 22 anos, os torcedores do Monaco não estarão dispostos a mostrar muita paciência com ele após uma temporada desastrosa para o clube.

  12. Getty

    #4 Thibaut Courtois (do Chelsea ao Real Madrid - 35 milhões/ cerca de R$ 157,5 milhões)

    Logo após receber a Luva de Ouro na Copa do Mundo, Courtois selou uma jogada de sonho transferindo-se para o Real Madrid, mas por diversas vezes sua campanha no Bernabéu tem sido mais parecida com um pesadelo.

    Não ajudado por uma defesa fraca, o goleiro de 27 anos acabou sendo o culpado por alguns erros no gol, e manteve apenas oito partidas limpas na La Liga nesta temporada.

  13. #3 Leandro Paredes (do Zenit ao PSG - 40 milhões/ cerca de R$ 180 milhões)

    Segundo relatos da Rússia, Leandro Paredes já está ansioso para voltar ao Zenit depois de pouco mais de quatro meses em Paris.

    O meio-campista não gostou muito de suas 14 partidas no Campeonato Francês com o PSG, além de perder três dos 11 jogos que disputou na liga.

    Os torcedores certamente não ficaram impressionados com o que viram, e parece que o próprio Paredes está lamentando a valiosa quantia de sua contratação.

  14. Getty Images

    #2 Thomas Lemar (do Monaco ao Atletico de Madrid - 70 milhões/ cerca de R$ 315 milhões)

    "Eu sei que eles esperam muito mais de mim, e isso virá".

    Tal frase foi dita pelo dono do recorde de contratação do Atlético de Madri, Thomas Lemar, que está determinado a entregar um trabalho melhor após um começo ruim na Espanha.

    Em 30 partidas da La Liga até o momento, ele marcou apenas duas vezes e acrescentou três assistências.

    Lemar também não conseguiu encontrar o gol em sete aparições na Champions League. Aos 23 anos, ele certamente pode atuar no Atlético no futuro, mas sua primeira temporada com o clube tem sido decepcionante - especialmente considerando sua enorme taxa de transferência.

  15. Getty

    #1 Fred (do Shakhtar Donetsk ao Man United - 61 milhões/ cerca de R$ 274,5 milhões)

    Roy Keane acusou Fred de trapacear durante o recente derby de Manchester, e os torcedores do Red Devils sentem que foram enganados pelo alto preço que o clube pagou pelo meia.

    Com a exceção do bom desempenho na partida contra o PSG, o brasileiro tem se mostrado fora do ritmo em Old Trafford e lutou para consolidar seu lugar no time de Jose Mourinho e Ole Gunnar Solskjaer.

    Após cinco anos na Ucrânia, o jogador de 26 anos certamente não está sentindo a mesma idolatria na Inglaterra, além de ter sido decepcionante em boa parte da temporada pelo Manchester United.