Renato em fúria: Grêmio pode ter time de transição no Brasileiro em protesto a VAR do Gre-Nal

Treinador tricolor se revolta com arbitragem em duelo que impulsionou Colorado para o título

O Internacional venceu o Grêmio no clássico deste domingo válido pela Série A do Brasileirão, e além de quebrar a incômoda sequência de 11 partidas sem vencer o rival, ainda minou as chances de título do Tricolor.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Ao final da partida, o técnico Renato Gaúcho disparou contra a arbitragem.

“O que aconteceu no final do jogo é uma coisa normal. O que não pode ser normal é a não marcação de pênalti no Ferreira e marcarem a mão do Kannemann. Se eles queriam avacalhar o Campeonato Brasileiro, conseguiram. Quatro ou cinco times poderiam brigar pelo título, mas pela palhaçada que ocorreu hoje, o campeonato acabou”, desabafou o treinador tricolor.

Renato Gaúcho ainda ameaçou usar uma equipe de base do Grêmio nas últimas rodadas da competição, como uma espécie de protesto contra a arbitragem. “Se o presidente autorizar, é o transição que vai terminar o Brasileiro”, completou.

Mais artigos abaixo

Ferreirinha e Nonato Internacional Grêmio Brasileirão 24012021

Com a derrota de hoje, o Grêmio chega a seu quarto jogo consecutivo sem vitória no Brasileirão. Com os mesmos 51 pontos do Palmeiras (11 de diferença para o líder, Inter), o time dá adeus à disputa pela competição.

Agora os esforços do time gaúcho se voltam para a final da Copa do Brasil, onde encara o Palmeiras na grande final, no dia 11 de fevereiro. A partida de volta acontece em 17/02, e define quem levanta o troféu e leva o grande prêmio de 54 milhões de reais.

Fechar