Notícias Placares ao vivo
Internazionale

Chegada de Godín à Inter pode forçar saída de Miranda, reserva na Itália

09:59 BRT 01/07/2019
Diego Godin Inter
Zagueiro uruguaio trocou o Wanda Metropolitano pelo San Siro nesta janela de transferências. Acordo pode tirar Miranda do clube espanhol

A Inter de Milão, enfim, fez a primeira contratação para a temporada 2019/2020: as notícias do acordo ficaram conhecidas há muito tempo. Agora, o anúnciou oficial chegou dos Nerazzurri. Diego Godín é o novo reforço do clube. A chegada do uruguaio pode fazer Miranda deixar o San Siro.

Quer ver jogos da Inter de Milão no Campeonato Italiano ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e teste grátis o serviço por um mês!

"A Internazionale de Milão anuncia que concluiu um contrato esportivo com o jogador Diego Godín até 30 de junho de 2022", escreveu o clube.

O uruguaio chega a Milão de forma gratuita. O contrato do zagueiro com o Atlético de Madrid se encerrou nesse domingo (30). E ele deixou o Wanda Metropolitano depois de nove temporadas em que se estabeleceu como um líder da equipe, sendo capaz de liderá-la à final de duas edições de UEFA Champions League.

Neste período em que esteve com as cores do clube espanhol, Godín foi campeão da Copa do Rei, do Campeonato Espanhol, da Supercopa da Espanha, da Europa League (duas vezes) e Supercopa da Europa (três vezes). Ele ainda venceu a Copa América 2011 por sua seleção.


(Foto: Getty Images)

A chegada de Diego Godín, de 33 anos, pode culminar na saída de Miranda, que se tornou reserva da equipe na última temporada. O brasileiro perdeu espaço com as chegadas de Skriniar e Stefan De Vrij, que seguem como a primeira opção do técnico Luciano Spaletti.

Em março passado, durante viagem da seleção brasileira a Portugal, o zagueiro não quis colocar o momento como fator determinante para uma possível saída do San Siro. No entanto, reconhece que a fase não é boa.

“Eu confesso o momento diferente da minha carreira, sempre fui titular indiscutível e esse ano estou jogando um pouco menos. Estou me acostumando com essa situação e aproveitando esse tempo que tenho a mais para me dedicar aos treinamentos e me preparar. Joguei alguns jogos importantes na temporada e mostrei o nível que gostaria de mostrar”, declarou.

Com contrato até julho de 2020, Miranda diz que fica no San Siro até o fim do acordo: “Admiro muito o futebol de Portugal, vejo como um bom mercado sim, mas hoje meu pensamento é defender a Inter de Milão, terminar bem essa temporada. Tenho mais um ano de contrato ainda”.