Figueirense perde para o Bragantino, mas torcida dá show em meio à incerteza no clube

Comentários()
Matheus Dias/Figueirense FC
Depois do anúncio do abandono na Série B, clube conseguiu entrar em campo e viu uma declaração de amor e apoio

O Figueirense perdeu por 3 a 0 para o Bragantino, nesta terça-feira (24), e segue na lanterna da Série B do Campeonato Brasileiro, sem vencer há 15 rodadas. Mas se algum desavisado estivesse dentro do Orlando Scarpelli ou acompanhando o duelo, válido pela 24ª rodada, pela TV, não conseguiria entender por que o bom número de torcedores presentes ao estádio cantava alto e com orgulho.

Acompanhe o melhor do futebol ao vivo ou quando quiser: assine o DAZN e ganhe um mês grátis para experimentar

Seria mais fácil dizer a este desavisado que é difícil entender o amor. E o que aconteceu nesta terça-feira dentro do Orlando Scarpelli, em meio à derrota para o líder da Série B, foi uma verdadeira prova de amor em meio ao pior momento da história do Figueira.

Ameaça de abandono no campeonato e mudança de direção

A crise vivida pelo Figueirense é creditada à gestão da empresa Elephant. Os atrasos salariais com elenco e outros profissionais do clube fez com que a relação com o fundo de investimento ficasse inviável, inclusive com os jogadores se recusando a treinar e até mesmo se recusarem a entrar em campo, o que decretou derrotas por W.O.

No último fim de semana, o presidente da Elephant, Claudio Honigman, comunicou à CBF que o clube iria abandonar a disputa da Série B, sendo que na sexta-feira o Figueirense havia retomado o comando do futebol e, de forma unilateral, rescindiu o contrato com a Elephant. A situação, contudo, ainda não está resolvida, uma vez que no registro da CBF a Elephant ainda é mandatária do Figueirense.

Mais artigos abaixo

Show da torcida

Independente dos resultados em campo e da situação do clube, a torcida do Figueirense demonstrou a felicidade simples de ver o time em campo, mantendo o brio e esperança acesa de dias melhores.

O Figueirense segue com 23 pontos, dois a menos em relação ao Vitória, primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Fechar