Oferecido por

Principais lances

90' + 5'
M. Benítez
Cartão Amarelo
90' + 3'
Marcos Guilherme
Cartão Amarelo
80'
Danilo Boza
Cartão Amarelo
35'
J. Calleri
Gol de pênalti
1 - 1
5'
C. Sánchez
Vinicius Zanocelo
0 - 1

Estatísticas

Posse de bola
60% 39%
6
2
Chutes fora do gol
Chutes a gol 3 3
Total de passes 431 300
Mais
  • Mapa de calor
  • Mapa de toques
Tabela ao vivo
Pos Time J V E D GP GC +/- PTS Forma
1 Atlético-MG ATL Atlético-MG 36 25 6 5 60 27 +33 81 V V E V V
2 Flamengo FLA Flamengo 36 21 8 7 69 33 +36 71 E V E V V
3 Palmeiras PAL Palmeiras 36 19 5 12 57 43 +14 62 V E D D D
4 Corinthians COR Corinthians 36 15 11 10 39 34 +5 56 V D V D V
5 Fortaleza FOR Fortaleza 36 16 7 13 42 43 -1 55 V D V D D
6 Red Bull Bragantino RBB Red Bull Bragantino 36 13 14 9 51 42 +9 53 D E D V D
7 Fluminense FLU Fluminense 36 14 9 13 35 36 -1 51 D V V D V
8 América-MG AMG América-MG 36 12 13 11 39 37 +2 49 V E D E V
9 Ceará CEA Ceará 36 11 16 9 39 37 +2 49 D V E V V
10 Internacional INT Internacional 36 12 12 12 43 39 +4 48 E D D D V
11 Atlético-GO AGO Atlético-GO 36 11 14 11 29 35 -6 47 V V E E E
12 Santos SAN Santos 36 11 13 12 33 39 -6 46 E V D V E
13 Athletico PR CAP Athletico PR 36 13 6 17 40 44 -4 45 V D E D D
14 São Paulo SAO São Paulo 36 10 15 11 28 36 -8 45 D V E V D
15 Juventude JUV Juventude 36 10 13 13 34 41 -7 43 D V E D V
16 Cuiabá-MT CUI Cuiabá-MT 36 9 16 11 32 36 -4 43 D D E V D
17 Bahia BAH Bahia 36 10 10 16 39 49 -10 40 D D V E D
18 Grêmio GRE Grêmio 36 11 6 19 39 47 -8 39 V D E V V
19 Sport SCR Sport 36 8 10 18 22 36 -14 34 E D V D D
20 Chapecoense CHA Chapecoense 36 1 12 23 27 63 -36 15 D D D D D

Legenda

Classificados para Libertadores
Classificados Para Pré-Libertadores
CONMEBOL Sudamericana
Rebaixados

Comentários

Neste clima frenético, estamos encerrando mais uma super cobertura do Brasileirão 2021, onde tivemos a oportunidade de transmitir em detalhes, todas as emoções do empate entre São Paulo e Santos pela 24ª rodada. Agradecemos imensamente pela companhia de vocês e até a próxima.
TABELA E PROJEÇÃO! Com este resultado o São Paulo chega aos 29 pontos e cai para o 14º lugar, já o Santos alcança os 25 pontos e se mantem na 16ª colocação. Na próxima rodada, o Tricolor Paulista enfrenta o Cuiabá fora de casa, enquanto o Peixe joga diante do Grêmio na Vila Belmiro.
CLÁSSICO DAS FALTAS! Após um primeiro tempo truncado, com duas equipes muito faltosas, com pouca efetividade e intensidade, a segunda etapa mostrou uma partida mais fluida, com dois times dispostos a jogar, construir situações ofensivas e sair com a vitória. O aspecto negativo foi o excessivo número de faltas e cartões que seguiram no tempo regulamentar. Ao todo foram 4 cartões amarelos para o Santos e 1 para o São Paulo. Nos primeiros 15 minutos, o Tricolor Paulista conseguiu ter a superioridade, controlar o jogo e chegar no ataque, entretanto, esbarrou no bom sistema defensivo do Time da Vila. Na medida em que os minutos passavam, o duelo ficou mais franco, com mais espaços para explorar, isso deu possibilidade da equipe da Baixada responder em jogadas de contragolpe, mas o Peixe não soube aproveitar. Nos instantes finais do confronto os comandados de Hernán Crespo ensaiaram uma reação para consolidar a virada, no entanto, todos os esforços foram em vão, deixando o encontro empatado. Analisando os números, se pode ver que o São Paulo teve mais posse de bola, trocou mais passes, fez mais cruzamentos, mas com apenas 21,4% de precisão nas finalizações, sucumbiu à defesa adversária. O Santos fez o seu jogo, se manteve fechado, se arriscou pouco e em determinado momento jogou apenas para empatar, conseguindo assim, sair com um bom resultado, levando em conta as circunstâncias da partida. Resultado justo pelo que as duas equipes produziram ao longo dos 90 minutos.
M. Benítez
Cartão Amarelo
90' + 5' Cartão amarelo Martín Nicolás Benítez
90' + 5' FIM DE JOGO! São Paulo 1 x 1 Santos
Marcos Guilherme
Cartão Amarelo
90' + 3' TOQUE DE MÃO! Martín Benitez tenta o lançamento de bicicleta, mas Marcos Guilherme corta com a mão e é punido com o cartão amarelo. Jogadores do São Paulo pedem a expulsão do jogador santista.
90' + 1' Sobe a placa de 4 minutos adicionais.
89' E AÍ SEU JUIZ? Welington é lançado pela esquerda, entra na área do Santos, disputa a bola com Marcos Guilherme e cai. Jogadores do São Paulo pedem pênalti mas o árbitro manda o jogo seguir.
Liziero
Rodrigo Nestor
85' Última troca no São Paulo: sai Rodrigo Nestor para a entrada de Igor Liziero.
M. Benítez
J. Calleri
85' Mexe novamente o Tricolor: sai Calleri para a entrada de Martín Benítez.
83' LANCE FEIO! Calleri se choca com adversário dentro da área do São Paulo e árbitro marca a falta em favor do Tricolor.
Danilo Boza
Cartão Amarelo
80' É FALTA! Danilo Boza dá um carrinho violento em Luciano e recebe o cartão amarelo no seu primeiro lance da partida. 
Danilo Boza
Camacho
79' Troca no Santos: sai Camacho para a entrada de Danilo Boza.
Gabriel Pirani
C. Sánchez
79' Mais uma troca no Peixe: sai Carlos Sánchez para a entrada de Pirani.
G. Neves
Luan
78' Mexe o São Paulo: sai Luan para a entrada de Gabriel Neves.
Marinho
Cartão Amarelo
77' POR RECLAMAÇÃO! Marinho dá uma bronca no árbitro e leva o cartão amarelo.
Diego Tardelli
Léo Baptistão
75' Mexe o Santos: sai Léo Baptistão para a entrada de Diego Tardelli.
75' IMPEDIDO! Carlos Sánchez é lançado pela direita, ao lado da área do São Paulo, mas está em posição irregular.
Welington
Cartão Amarelo
74' É FALTA! Welington dá um carrinho por trás em Marinho e é punido com o cartão amarelo.
73' UUUUUH! Welington é lançado pela esquerda, cruza no primeiro pau para Calleri, que tenta duas vezes e obriga João Paulo a fazer uma grande defesa.
72' PRA FORA! Rigoni cobra falta, encontra Igor Gomes pela direita, lateral do São Paulo tenta o cruzamento, mas manda a bola pela linha de fundo.
66' IMPEDIDO! Gabriel Sara é lançado pelo meio, mas está em posição irregular e o árbitro confirma o impedimento.
65' COM ESTILO! Calleri dá um belo passe de chaleira, mas Welington não consegue fazer o domínio.
Lucas Braga
Wagner
64' Primeira troca no Peixe: sai Wagner Leonardo para a entrada de Lucas Braga.
63' UUUUUUH! Welington cruza da esquerda, bola passa por toda a extensão da área do Santos, Igor Gomes, do outro lado, chuta de primeira, mas a bola se perde pela linha de fundo.
61' BATE BOCA! Luciano troca gentilezas com Camacho e o árbitro pede calma aos dois jogadores.
60' UUUUUUH! Luan é lançado pela esquerda, faz o cruzamento no segundo pau e a defesa santista consegue o corte.
58' ISOLA! Bola na área do São Paulo, Felipe Jonatan pega de primeira, mas manda a bola longe do gol de Tiago Volpi que apenas observa.
57' FALTA DE ATAQUE! Léo Baptistão é lançado pelo meio, empurra Welington, tenta o ataque, mas o árbitro já confirma a falta.
Gabriel Sara
Marquinhos
55' Primeira troca no São Paulo: sai Marquinhos para a entrada de Gabriel Sara.
53' FINALIZAÇÕES! Neste segundo tempo o Santos já possui 2 finalizações, enquanto o Tricolor apenas 1.
51' MINHA NOSSA! Marinho cobra falta e manda a bola quase fora do estádio. Que lance horrível.
50' FALTA FEIA! Welington dá um carrinho violento em Marinho e o árbitro confirma a falta. Vem bola na área do Tricolor.
48' QUASE! Welington cruza da esquerda, Calleri tenta o cabeceio, mas Vinicius Balieiro consegue cortar.
46' COMEÇA O SEGUNDO TEMPO!
MUITAS FALTAS E POUCA INSPIRAÇÃO! Primeiro tempo de muitas faltas, jogadas ríspidas e duas equipes um pouco travadas. São Paulo e Santos vieram pro jogo com estratégias diferentes, o Tricolor do Morumbi tentou se lançar ao ataque desde os primeiros minutos, e conseguiu em boa parte do tempo; já o Peixe jogou na boa, postado atrás, saindo nos contra-ataques e assim conseguiu abrir o placar. Logo após sofrer o revés, o Time do Morumbi ficou desnorteado e levou alguns minutos para retornar ao jogo. O choque inicial parece que ligou os jogadores comandados por Hernán Crespo, que reagiram e conseguiram deixar tudo igual com Calleri cobrando pênalti. A partir dos 35 minutos iniciais, o jogo cai um pouco de ritmo, isso porque os jogadores ficaram um pouco cansados. Este clima perdurou por aproximadamente 6 minutos, quando o time da capital paulista se projeta novamente à frente e quase vira com o argentino Rigoni, dando números finais a esta primeira etapa. Analisando as estatísticas, o jogo nos mostra total equilíbrio entre as duas equipes, mesmo que os números apresentem algumas discrepâncias, isso se deve às diferentes estratégias implementadas pelos dois técnicos. Em se tratando de posse de bola, o Tricolor foi mais efetivo com 57,9% contra 42,1% do Peixe. Outro ponto a ser destacado, e este determina o equilíbrio entre os dois times, a precisão dos passes mostra o São Paulo com 80,2% e o Santos com 72,2%, justificando a igualdade no placar. Que venha o segundo tempo com menos faltas e mais gols.
45' + 6' FIM DO PRIMEIRO TEMPO! São Paulo 1 x 1 Santos
45' + 4' BLOQUEADO! Bate rebate na área do Santos, a bola sobre para Luciano que tenta a finalização, mas a defesa do Peixe bloqueia e impede a virada Tricolor.
45' + 4' NO GRAMADO! Calleri leva um carrinho violento no meio de campo e fica caído, argentino recebe atendimento médico.
45' + 1' Sobe a placa de 4 minutos adicionais.
43' PRA FORAAAAAA! Rigoni faz uma grande jogada, chama Luciano para a combinação, recebe o passe de volta e chuta rasteiro. A bola passa muito perto do gol de João Paulo que apenas observa.
40' Welington é lançado pelo lado esquerdo do ataque do São Paulo, tenta o cruzamento mas é bloqueado pela marcação. Mais um escanteio para o Tricolor.
J. Calleri
Gol de pênalti
35' GOOOOOOL! Calleri cobra penalidade com categoria no canto direito, goleiro João Paulo vai para o outro lado e nada pode fazer. Tudo igual no clássico. SÃO PAULO 1 X 1 Santos
34' Jogadores das duas equipes entram em confusão dentro da área do Santos, árbitro pede calma.
Vinicius Balieiro
Cartão Amarelo
33' POR PÊNALTI! Vinicius Balieiro é punido com o cartão amarelo após cometer a penalidade.
33' OLHA O VAR AÍ! Após verificar no vídeo, árbitro entende que Vinicius Balieiro toca com o braço na bola e marca penalidade máxima em favor do São Paulo.
31' UUUUUUH! Bola fica viva na área do Santos, Marinho rebate de cabeça, Rodrigo Nestor pega o rebote e chuta. A bola desvia no caminho e sai em escanteio. Árbitro é chamado pelo VAR.
29' UUUUUH! Wagner recua para João Paulo na fogueira, Rigoni tenta tomar a bola, mas o goleiro do Santos é mais ágil e segura firme.
26' MUITO FRACO! Rigoni rouba a bola no ataque pelo lado direito, passa por Felipe Jonatan de viagem, vai até a linha de fundo e cruza rasteiro. Calleri finaliza muito fraco e João Paulo segura com tranquilidade.
24' FALTAS COMETIDAS! Até aqui, o São Paulo já cometeu 4 faltas e o Santos 1. Número alto para 1/4 de partida.
24' Santos troca passes com tranquilidade e São Paulo fica desnorteado na marcação.
20' É FALTA! Calleri dá um encontrão em Felipe Jonatan, que fica no gramado. Árbitro pede calma para os jogadores.
19' Tudo bem com o atacante Tricolor e o jogo recomeça no Morumbi.
17' LANCE FEIO! Rigoni divide a bola com adversário, leva a pior e fica no gramado. Jogo está parado novamente.
15' Tudo bem com o craque santista e o jogo recomeça.
14' NO GRAMADO! Marinho tenta puxar o contragolpe para o Santos, leva um carrinho de Calleri e fica caído. Jogo está parado mais uma vez.
13' UUUUUUH! Welington é lançado pela esquerda, vai na linha de fundo e cruza. Rigoni tenta de cabeça, mas a defesa é mais precisa e manda para escanteio.
10' Rigoni é lançado pelo meio, domina de peito, mas perde o controle da bola, que fica para a defesa do Peixe.
10' Tudo bem com o meia do Tricolor Paulista e o jogo recomeça.
8' NO GRAMADO! Marquinhos se choca com o uruguaio Carlos Sánchez, leva a pior e cai no gramado. Jogo é paralisado.
C. Sánchez
Gol
5' GOLAÇOOOOOO!! Léo Baptistão é acionado pelo lado esquerdo de ataque do Santos, encosta para Vinicius Zanocelo que rola para o uruguaio Carlos Sánchez. O meia bate colocado com categoria e abre o placar no Morumbi. São Paulo 0 x 1 SANTOS
Vinicius Zanocelo
Assistência
5' Assistência Vinicius Nelson de Souza Zanocelo
3' Rigoni é lançado pela direita, corta para a perna esquerda, levanta a bola pra dentro da área, a defesa do Peixe rebate, Welington rebate, mas é bloqueado na hora H.
1' APITA O ÁRBITRO! São Paulo e Santos mexem na bola e começa o jogo no Morumbi. Vem com a gente curtir o melhor do futebol brasileiro.
Os jogadores das duas equipes já estão em campo para o início do confronto.
Já o Santos vai pro jogo na formação 4-4-2 e a seguinte escalação: João Paulo - Vinicius Zanocelo, Velázquez, Wagner, Felipe Jonatan - Camacho, Carlos Sánchez, Vinicius Balieiro, Marcos Guilherme - Léo Baptistão e Marinho.
O São Paulo está escalado no sistema 3-5-2 com os seguintes jogadores: Tiago Volpi - Igor Gomes, Miranda, Léo - Welington, Luan, Rodrigo Nestor, Marquinhos, Calleri - Luciano e Rigoni.
Após uma temporada mágica em 2020, com a participação na grande final da Copa Libertadores, perdendo a decisão para o Palmeiras no Maracanã, o Santos vive um inferno astral e teme que pela primeira vez na sua longa história, tenha que amargar a Segunda Divisão do Campeonato Brasileiro. Para sair desta realidade, o Peixe precisa, antes de mais nada, começar a vencer as partidas, somar pontos e, com isso, respirar fundo, mesmo que não haja nenhuma grande projeção. O técnico Fábio Carille que chegou recentemente ao time da Vila Belmiro, tem duas missões importantes como comandante do atual elenco principal, reencontrar o caminho das vitórias e recuperar a auto-estima do grupo de jogadores e isso não é uma tarefa nada fácil, ainda mais quando se soma apenas 29% do número de pontos totais, jogando na condição de visitante. O treinador sofre com as baixas no time e não conta com Kaiky e Sandry, ambos lesionados. Com um esquema de jogo buscando o equilíbrio de primeiro defender bem e após isso atacar com inteligência, o Peixão tem o destaque do atacante Marinho, sua principal estrela, além do uruguaio Carlos Sánchez, grande organizador de jogadas que irá alimentar o setor ofensivo.
Vencer as partidas, se afastar da zona do rebaixamento, se reencontrar com a paz após o título paulista que não vinha desde 2005, este é o lema atual do São Paulo, que aos poucos vai se estabilizando dentro de uma já tumultuada temporada. O técnico Hernán Crespo vive um momento de pressão dentro do Tricolor Paulista, isso se deve à campanha na Libertadores e também na arrancada do Brasileirão, chegando a ficar por mais de 4 rodadas no Z4. Para o clássico de daqui a pouco, o argentino precisa da vitória e também uma boa atuação para amenizar a pressão que ronda o Morumbi. Com o retorno de Gabriel Sara que não jogou diante da Chapecoense, o time da capital paulista não terá os defensores Arboleda que serve a Seleção do Equador e Orejuela, que está em transição técnica para voltar a ser aproveitado. Atualmente, a equipe de Crespo tem apenas uma derrota nas últimas dez partidas, atuando dentro de casa, porém, o time paulista sofre com o baixo número de gols, ficando sem anotar um tento sequer em três das últimas cinco partidas. Em toda a competição, o São Paulo deixou de marcar gol como mandante em 45% dos duelos, um dado que preocupa a comissão técnica. Para daqui a pouco, o grande destaque do time da casa é o atacante Rigoni, que teve participação direta em oito gols nesta edição do Brasileiro.
BORA BORA BORA! O Brasileirão mais emocionante dos últimos tempos está chegando no seu momento definitivo, com as equipes decidindo o que vão fazer dentro da competição. Hoje vamos retratar um dos maiores clássicos da história do futebol mundial, que já teve Raí e Pelé como protagonistas, é isso mesmo, estamos falando do Sansão que hoje coloca frente a frente duas equipes precisando pontuar para sair da parte de baixo da tabela. Quem leva a melhor no duelo de logo mais, Tricolor ou Peixe? Fique aqui com a gente e descubra.