River Plate 3 x 1 Boca Juniors: Millonarios viram na prorrogação e conquistam o tetra da Libertadores
Getty Images
Time comandado por Marcelo Gallardo venceu o maior Superclássico da história no Santiago Bernabéu

O River venceu o Boca, por 3 a 1, de virada, na tarde deste domingo, e se consagrou o grande campeão da Copa Libertadores da América 2018. O confronto foi disputado no estádio Santiago Bernabéu, no Real Madrid, na Espanha, devido aos problemas da torcida argentina, em Buenos Aires, que apedrejou o ônibus do Boca Juniors.

Para conseguir chegar ao quarto título da competição, o River encontrou bastante dificuldade. No primeiro tempo, Benedetto abriu o placar em grande jogada. Na etapa final, Pratto empatou e o jogo foi para a prorrogação. Na segunda etapa do tempo extra, Quintero marcou um belo gol que deu o título.

River Plate Boca Juniors 12092018
(Foto: Getty Images)

O jogo

O Boca teve um primeiro tempo melhor. As duas equipes atuavam no 4-2-3-1, mas o River não conseguia trocar passes e ter qualidade. O Boca tinha triangulações e conseguia ser criativo. O River tinha problemas com a bola no chão. O primeiro gol da partida aconteceu aos 44 do primeiro tempo: Benedetto recebeu um passe na frente, driblou dois adversários e tocou na saída do goleiro.

Segundo tempo

O River voltou com mais qualidade para a etapa complementar. Os primeiros minutos mostraram que a equipe seria diferente na etapa complementar, com mais passes e chegadas, dando mais movimentação na frente. Com isso, aos 22, em troca de passes, Pratto recebeu na área e chutou para empatar.

Prorrogação

Mais artigos abaixo

Logo no primeiro minuto da prorrogação, um lance que poderia mudar o rumo da partida. Barrios chegou com força excessiva e levou o segundo cartão amarelo. Com um jogador a menos em campo, o Boca passou a se segurar em campo.

No segundo tempo da prorrogação, após muita pressão do River, Quintero recebeu a bola na entrada da área, chutou forte e conseguiu desempatar e dar o titulo para o River Plate.

No último minuto da prorrogação, o Boca teve um escanteio a seu favor e mandou até o goleiro para tentar empatar. A zaga conseguiu tirar e Martínez pegou a redonda. Ele levou até a área e chutou, sem goleiro, para fazer o terceiro tento do River.

Comentários ()