River Plate 2 x 2 Al Ain: Martínez perde chance, e argentinos são derrotados nos pênaltis para o Al Ain
GIUSEPPE CACACE/AFP/Getty Images
Campeão da Copa CONMEBOL Libertadores há pouco mais de uma semana, o River Plate caiu para o Al Ain na semifinal do Mundial de Clubes da Fifa 2018

O River Plate está eliminado do Mundial de Clubes na semifinal. Os Millonarios empataram em 2-2 no tmepo normal com o Al Ain e mantiveram o placar na prorrogação em duelo disputado no Hazza Bin Zayed Stadium. Porém, foram derrotados nos pênaltis por 5-4. Enzo Pérez perdeu a cobrança decisiva. Durante o jogo, foi Pity Martínez quem desperdiçou uma oportunidade.

O Al Ain aguarda o vencedor do confronto entre Real Madrid e Kashima Antlers nesta quarta-feira (19) para saber quem enfrentará na decisão do torneio no sábado (22), às 14h30 (de Brasília).

O JOGO

O River Plate tomou um susto logo no início da partida. No primeiro escanteio do jogo, o centroavante Marcus Berg desviou de cabeça e balançou a rede de Franco Armani. O atual campeão da Libertadores teve que acelerar a partida após o gol sofrido. Com boas tramas pelo lado direito do ataque, os comandados de Marcelo Gallardo chegaram ao empate e, na sequência, à virada. Pity Martínez levou perigo em chutes de longa distância saindo pelo flanco direito. Mas foi Santos Borré quem deixou a sua marca. Na sequência, o atacante foi acionado por Martínez para fazer o segundo.

River Al Ain Semifinal Mundial de Clubes 18122018
(Foto: Francois Nel/Getty Images)

Com a vantagem no placar, o River Plate recuou e passou a atuar nos contra-ataques. No entanto, um vacilo de Maidana pelo lado direito da defesa culminou em novo empate no marcador. Caio driblou o zagueiro e igualou o duelo. O River se lançou novamente para o ataque, mas falhou na pontaria. Pity Martínez perdeu pênalti em uma cobrança batida com muita força. Com as linhas adiantadas, o River cedeu muito espaço ao Al Ain, mas o anfitrião não conseguiu chegar ao gol adversário.

O jogo sofreu queda de rendimento durante a prorrogação. Tanto River Plate quanto Al Ain tiveram dificuldades na criação de jogadas e não conseguiram mudar o marcador.

Nas cobranças de pênaltis, o Al Ain venceu o clube argentino por 5-4. Caio, Shiotani, Al-Ahbabi, Amer Abdulrahman e Yaslam marcaram para o anfitrião. Scocco, Quintero, Lucas Pratto e Santos Borré fizeram para o River. Enzo Pérez perdeu o pênati decisivo.

Comentários ()