Milan 2 x 1 Roma: Rossoneros marcam no fim e vencem romanos em jogo com dois gols anulados por VAR
Bonaventura De Rossi Milan Roma Serie A
Getty
Em jogo com dois gols anulados por árbitro de vídeo, Milan vence a Roma no San Siro. Higuaín teve tento invalidado e deu assistência para Cutrone

Com um gol nos acréscimos, o Milan venceu a Roma, por 2 a 1, na tarde desta sexta-feira (31), pela terceira rodada da Serie A Italiana. Kessié fez o primeiro gol do compromisso disputado no San Siro, em Milão. Federico Fazio igualou o marcador no segundo tempo do confronto. Patrick Cutrone deixou a sua marca no último minuto do duelo. O VAR anulou dois gols no confronto desta tarde, um de cada equipe.

Com o resultado, o time de Gennaro Gattuso ocupa a 11ª colocação do Campeonato Italiano com três pontos. Os milanistas têm um jogo a menos que os demais concorrentes, porque o duelo contra o Genoa, na estreia, foi adiado. Os rossoneros voltam a campo em 16 de setembro, diante do Cagliari. A Roma, em contrapartida, cai para a sétima posição, com quatro. O time da capital volta a jogar no mesmo dia. O rival será o Chievo.

O JOGO

O Milan dominou as ações na primeira etapa do confronto. Com mais posse de bola - 63% -, o mandante criou sete chances de balançar as redes no jogo ocorrido no San Siro. Çalhanoğlu foi quem mais deu trabalho à equipe visitante. O camisa 10 jogou pelo lado esquerdo do ataque e exigiu muito de Rick Karsdorp. Porém, não foi de seus pés que saiu o gol do Milan. Franck Kessié recebeu de Ricardo Rodríguez e abriu o placar. O gol foi uma pequena amostra do que o time da casa demonstrou dentro das quatro linhas.

A Roma se lançou para o ataque na volta do intervalo e passou a criar mais chances de marcar. O time visitante contou com a entrada de El Shaarawy, ex-Milan, para chegar ao setor ofensivo. O atacante criou pelo menos duas boas jogadas contra o gol de Donnarumma, mas não conseguiu estufar a rede. Federico Fazio fez o serviço para o colega de equipe. Pouco tempo mais tarde, Higuaín marcou um golaço, driblando Olsen, mas o lance foi invalidado pelo VAR. O atacante estava em posição irregular. Seria o primeiro do argentino desde a chegada ao San Siro. Na sequência, N'Zonzi fez para a Roma, mas também teve o seu gol invalidado. O meio-campista tocou a bola de mão antes de estufar a rede. Nos minutos finais, uma jogada de Gonzalo Higuaín resultou em gol de Cutrone.

Comentários ()