Oferecido por

Principais lances

89'
Keiller
Cartão Amarelo
83'
Eduardo Sasha
Calebe
2 - 2
70'
Mike
Gol de pênalti
2 - 1
28'
Geuvânio
Busanello
1 - 1
19'
D. Borrero
Gol
0 - 1

Estatísticas

Posse de bola
34% 66%
3
4
Chutes fora do gol
Chutes a gol 4 5
Total de passes 282 551
Mais
  • Mapa de calor
  • Mapa de toques

Legenda

Classificados para Libertadores
Classificados Para Pré-Libertadores
CONMEBOL Sudamericana
Rebaixados

Comentários

Com o empate no jogo de hoje, a Chapecoense soma 12 pontos na lanterna e ainda sofre com a vitória do Sport na rodada, ficando ainda mais distante da décima sexta colocação. O Atlético Mineiro, por sua vez, é a primeira equipe a chegar aos 50 pontos e passa a secar Palmeiras e Flamengo para manter a ampla distância dos adversários. A Chape volta a campo no próximo domingo, em duelo contra o Internacional, em Porto Alegre, às 11:00. No sábado, às 16:30, o Galo recebe o Ceará no Mineirão.
Em um encontro digno de Davi e Golias, o equilíbrio prevaleceu, e o resultado não foi bom para nenhum lado. Lutando pelo título após 50 anos, o Galo perde chance de ouro de se isolar ainda mais na liderança, e a Chape vê cada vez mais distante a saída do poço. O jogo foi o que se esperava, fechadinha na desa, a Chape segurou o ímpeto atleticano durante boa parte do jogo e ainda chegou a liderar o placar ao aproveitar pênalti cometido por Nathan Silva e convertido por Mike, que marcou em sua segunda partida seguida. O Atlético só acordou nos minutos finais e, na base do abafa, Calebe encontrou a cabeça de Sasha, que testou com força para dar números finais ao duelo. Se, por um lado, o segundo gol da Chape saiu no momento em que Cuca promoveu mudanças, foram os jogadores acionados que garantiram o ponto solitário e a manutenção da série invicta gos aspirantes ao caneco.
90' + 8' Fim de jogo na Arena Condá!
90' + 8' PERDEU! Na última chance do jogo, Hulk fica cara a cara com Keller, Jordan chega para atrapalhar, e o camisa 7 perde sua melhor oportunidade de marcar.
90' + 6' Mike bate sem ângulo, e Éverson faz a defesa sem dificuldades.
90' + 5' Apesar da vontade, o Galo tem dificuldade em chegar ao ataque com qualidade e fica muito perto de perder pontos preciosos na luta pelo título.
90' + 2' O GOL QUE PELÉ NÃO FEZ, Anselmo Ramon também não conseguiu fazer! Ao aproveitar bobeada de Allan, o atacante tenta do meio da rua, mas a bola passa sobre o gol de Éverson.
90' + 2' O árbitro assinala sete minutos de acréscimo na segunda etapa.
90' + 1' O Atlético aperta na base do abafa e consegue um escanteio pela esquerda.
Keiller
Cartão Amarelo
89' Keller leva o cartão amarelo por reclamação.
88' INCRÍVEL! Hulk chega na área com espaço ao ganhar na corrida, e consegue um passe excelente para a chega de Hyoran, que bate para o gol e obriga Keller a fazer mais uma linda defesa.
87' Hyoran toca a bola para o árbitro, e a partida é paralisada como manda o protocolo.
85' Hulk fica no mano a mano com Jordan, mas o zagueirão leva a melhor mais uma vez e deixa o artilheiro na saudade.
85' O Galo empata o placar e ganha ânimo extra para tentar a vitória nos minutos finais.
Eduardo Sasha
Gol
83' GOOOOOOL! DO GALO! Calebe cruza na medida na entrada da pequena área, e Sasha testa para o fundo do gol. Chapecoense 2 x 2 ATLÉTICO MINEIRO
Calebe
Assistência
83' Assistência Calebe Gonçalves Ferreira da Silva
Calebe
Dodô
82' Calebe entra no lugar de Dodô para tentar alguma coisa nos minutos finais.
Nathan
D. Borrero
82' Autor do gol atleticano, Borrero sai, e entra Nathan.
Alan Santos
Denner
80' Denner também é sacado, e entra Alan Santos.
Anselmo Ramon
Bruno Silva
80' Bruno Silva sai para a entrada de Anselmo Ramon.
80' Hulk bate falta direto com a perna esquerda, mas a bola explode no meio do caminho.
78' Hulk disputa no corpo a corpo em jogada de linha de fundo e consegue descolar um lateral.
76' QUE DEFESA! Dodô bate para o gol de primeira em escanteio cobrado na área, e Keller faz uma defesa brilhante para evitar o empate.
Lima
Moisés Ribeiro
74' Moisés Ribeiro said na Chape, e entra Lima.
74' Hyoran briga pela bola na área e acaba cometendo a falta de ataque.
72' Borrero cruza da linha de fundo, Nathan Silva tenta completar, mas o chute sai sem força, fácil para o goleiro Keller.
71' As mudanças de Cuca não surtem efeito imediato, e a Chape aproveita para tomar o controle da partida.
Mike
Gol de pênalti
70' GOOOOOOL! É DA CHAPE! Mike cobra a penalidade com categoria no canto oposto a Éverson e vira o placar para cima do líder. CHAPECOENSE 2 x 1 Atlético Mineiro
Nathan Silva
Cartão Amarelo
68' Nathan é punido com o cartão amarelo por conta do pênalti cometido.
68' É PÊNALTI! Rodriguinho bate para o gol, Nathan toca com o braço na bola, e a penalidade é marcada pelo árbitro.
67' A Chape ganha terreno em campo e começa a trocar passes do meio para a frente.
Eduardo Sasha
Igor Rabello
65' Cuca manda o Galo para cima: o zagueiro Igor Rabello sai para a entrada de Eduardo Sasha.
Hyoran
Keno
65' No Galo, Keno sai para a entrada de Hyoran.
Ronei
Renê Júnior
63' Renê Júnior sai na Chape, e Ronei entra em seu lugar.
63' PEGOU MAL! Hulk aciona Nacho na intermediária, o argentino finaliza com muita tranquilidade, mas não pega bem na bola e manda sobre o travessão.
61' Nacho se livra da marcação na intermediária, é travado na hora de finalizar, e Keller encaixa sem dificuldades.
60' Guga cruza rápido na pequena área, Borrero chegava livre, mas Ignácio aparece bem para tirar em escanteio.
58' Moisés Ribeiro cai no chão sentindo dores e é atendido pela equipe médica.
57' Hulk leva aos trancos e barrancos, Nacho bate mascado, e Keller cai para fazer a defesa com facilidade.
56' Dodô levanta forte mais para Nacho, e Keller fica com o tiro de meta.
55' A Chapecoense é melhor na segunda etapa e vai dando trabalho ao líder do campeonato.
53' POR CIMA! Mais uma vez em cobrança de escanteio, Jordan cabeceia sozinho e perde boa chance de virar o placar.
53' Busanello cobra falta na área, e Nathan Silva tira em nova cobrança de escanteio.
52' Denner busca a jogada de linha de fundo e é derrubado com falta por Guga.
51' Jordan completa levantamento na área de cabeça, mas não consegue direcionar a finalização e manda para fora.
51' Escanteio cobrado na área, e Dodô tira pela linha de fundo de cabeça.
50' Hulk recebe com espaço na esquerda, prefere tentar a jogada individual e acaba desarmado na bola por Ignácio.
49' Keller se livra de bola recuada por Jordan e cede o lateral para o Galo em seu campo ofensivo.
48' O segundo tempo começa como foi durante todo o primeiro, com muita intensidade na marcação.
46' Começa o segundo tempo!
Tchê Tchê
Jair
No Galo, Tchê Tchê entra no lugar de Jair.
Rodriguinho
Geuvânio
No intervalo, Geuvânio sai na Chape, e entra Rodriguinho
Se existe algo equilibrado entre o líder e o lanterna do campeonato, é o primeiro tempo da partida entre ambos na Arena Condá. Em duelo bastante mastigado por conta da marcação forte da Chapecoense e do campo encharcado, principalmente no lado de ataque do Galo, Borrero abriu o placar para os atleticanos em rebote na área e, em lance confirmado com a ajuda do VAR, Geuvânio deixou tudo igual para os donos da casa. Ciente da necessidade de vencer para não dar chance Palmeiras e Flamengo se aproximarem na tabela, o Atlético deve partir para cima na segunda etapa, o que pode dar espaços para o lanterninha buscar a virada e voltar a sonhar com a Série A em 2022.
45' + 3' Fim de primeiro tempo na Arena Condá!
45' + 1' O árbitro adiciona três minutos ao tempo regulamentar.
45' Bruno Silva tenta a jogada de linha de fundo, mas se atrapalha e sai com bola e tudo.
Renê Júnior
Cartão Amarelo
44' Renê Júnior leva o cartão amarelo retroativo por conta de falta por trás em Nacho.
43' Hulk é desarmado facilmente pela segunda vez seguida.
43' Hulk tenta cavar a falta próxima à área, mas o árbitro manda seguir.
41' Keno tenta a arrancada e é travado por Jordan.
40' Hulk tabela com Nacho, tenta deixar com Keno dentro da área, mas a bola para na poça. O campo encharcado atrapalha a armação de jogadas do Galo mais uma vez.
38' Geuvânio desaba no chão,, possivelmente por conta do choque de cabeça com Dodô e é retirado de maca do campo.
36' É a vez de Dodô ser pego em posição de impedimento.
34' Dylan Borrero chuta de primeira da quina da área e isola na arquibancada.
33' Os donos da casa crescem na partida e passam a povoar o campo de ataque com mais segurança.
31' Comprovando a melhor relativa nas últimas rodadas, a Chape empata a partida e joga a pressão para cima do Galo.
Geuvânio
Gol
28' GOOOOOOL! DA CHAPE! No melhor momento da Chape na partida, Geuvânio completa cruzamento de carrinho, e Éverson faz a defesa dentro do gol, que foi confirmado após revisão do VAR. CHAPECOENSE 1 x 1 Atlético Mineiro
Busanello
Assistência
28' Assistência Gabriel Dal Toé Busanello
28' VAR NELES! Boa jogada da Chape pela esquerda, e Éverson salva em cima da linha. Os jogadores da Chape afirmam que a bola entrou e, no contra-ataque, Nacho estufa as redes, mas estavaa em posição de impedimento.
26' Em contra-ataque da Chape pela esquerda, Allan estica a perna e tira a bola em escanteio.
23' Dodô e Geuvânio se chocam de cabeça, o lateral leva a pior e é atendido pela comissão médica em campo.
23' Keno recebe boa bola de Nacho, tenta passar por dois marcadores e acaba sendo desarmado.
22' O Atlético Mineiro sai na frente do placar e dá mais um passo en direção ao título.
21' Após revisão do VAR, o gol é validado pela arbitragem.
D. Borrero
Gol
19' GOOOOOOL! DO GALO! Em cobrança de escanteio da esquerda, Busanello afasta mal, e Borrero tem espaço para dominar e bater no canto. Chapecoense 0 x 1 ATLÉTICO MINEIRO
17' Hulk parte sozinho pela direita, mas cai na poça e não consegue construir uma jogada de perigo.
16' Nacho cruza em meia altura para Keno, e a zaga chega antes para fazer o corte.
14' O gramado encharcado da Arena Condá dificulta o estilo de jogo atleticano, a base da troca de passes e da velocidade pelas pontas.
14' Geuvânio aplica um chapéu em Allan, e Keno chega bem para fazer o desarme.
13' Nacho recebe em posição de impedimento, e o assistente marca a infração.
12' O Galo tenta controlar a posse de bola no início do jogo para pressionar em busca do primeiro gol.
10' Guga cruza forte demais com a perna esquerda, e a bola passa por todo mundo antes de sair pela linha de fundo.
9' Renê Júnior arrisca do meio da rua e manda longe do gol.
8' Jogo nuito corrido até aqui com muita intensidade na marcação. Cão de guarda do Galo, Jair já cometeu três faltas na partida.
6' Hulk solta o pé em cobrança de falta, a bola quica na área, e Keller encaixa no meio do gol.
6' Jair parte com a bola dominada e é parado com falta. Vem pancada do Hulk por aí!
4' Denner voltava de impedimento em lançamento pela esquerda, e a infração é marcada.
3' Dodô perde o domínio da bola, sai com ela pela lateral e ouve as vaias da torcida adversária.
2' Geuvânio cobra falta alto na área, Éverson sai do gol e encaixa em segurança.
1' Allan tenta o lançamento para Keno, mas o camisa 11 não alcança.
1' Começa o jogo na Arena Condá!
O Atlético Mineiro joga no 4-2-3-1 e entra em campo com: Éverson (22) - Guga (2), Nathan (40), Igor Rabello (16), Dodô (6) - Allan (29), Jair (8) - Borrero (30), Nacho Fernández (26), Keno (11) e Hulk (7).
A Chapecoense vem para o jogo no 4-4-2 e está escalada da seguinte maneira: Keiller (1) - Matheus Ribeiro (2), Ignácio (21), Anderson Jordan (55), Busanello (6) - Moisés Ribeiro (5), Renê Júnior (23), Denner Melz (88), Geuvânio (50) - Mike (17) e Bruno SIlva (7).
Recheado de desfalques por conta de lesões e convocações para as Eliminatórias da Copa do Mundo 2022, o Galo terá de mostrar a força de seu elenco para garantir mais uma vitória fora de casa. Na zaga, Arana dá lugar ao pendurado Dodô; Igor Rabello herda a vaga de Alonso; e Guga joga no lugar de Mariano, vetado pelo departamento médico. No meio-campo, Borrero venceu a corrida com Tchê Tchê e vai para o jogo. Herói da vitória sobre o Inter, Keno ganha nova oportunidade e é mais um a despontar no onze inicial
Contente com o que viu no empate com o São Paulo, o técnico Pintado, que retorna de suspensão, manterá as alterações que foram bem sucedidas no fim de semana. Geuvânio, Renê Júnior e Moisés Ribeiro compõem o meio de campo com Denner Melz, enquanto Mike e Bruno Silva jogam mais avançados. O setor defensivo também conta com novidades: Ignácio e Anderson Jordan comporão a dupla de zaga.
Em ritmo de festa, o Galo já está há 15 jogos sem conhecer a derrota e é o melhor visitante do campeonato, com 24 pontos de 36 disputados. No último sábado, no Mineirão, o Atlético bateu o Inter por 1 a 0 e pôs fim a uma longa sequência invicta da equipe gaúcha.
Sem vencer há 10 partidas dentro de casa, a Chape terá missão dura pela frente se quiser acabar com a escrita negativa. A forma recente também não anima: após a primeira e única vitória no campeonato, contra o Bragantino fora de casa, a equipe catarinense acumula apenas um ponto nas últimas três partidas.
Vai começar o duelo dos opostos no Brasileirão 2021! Em situações diametralmente opostas no campeonato, Chapecoense e Atlético Mineiro se enfrentam com seus próprios objetivos a vista. Sem levantar o caneco há exatos 50 anos, o Galo investiu pesado nessa temporada e só depende de si para se sagrar campeão nacional. Na liderança do campeonato com 49 pontos, os Campeões do Gelo estão a 10 pontos de distância do Palmeiras, que está na segunda colocação.  O Flamengo vem logo atrás com 38 pontos, mas tem dois jogos a menos e é a equipe que mais ameaça o domínio atleticano. No extremo oposto da tabela de classificação, a Chapecoense faz uma das piores campanhas da história do torneio e amarga a lanterna do campeonato com apenas 11 pontos, 13 atrás do primeiro fora do Z4, o Santos, que ainda tem um jogo a menos. Com um pé na Série B, a Chape precisa de uma reviravolta digna de cinema se quiser sonhar com a permanência.
Sejam bem-vindos e bem-vindas à transmissão em tempo real de Chapecoense e Atlético Mineiro. O confronto é válido pela  vigésima quarta rodada do Campeonato Brasileiro 2021. A bola rola na Arena Condá, às 19:00, e o responsável pelo apito será o goiano, Andre Luiz de Freitas Castro.