Notícias Placares ao vivo

Alemanha x Suécia - relato da partida em 23/06/2018

FJ
2 - 1
ALE
SUÉ
M. Reus (48)
T. Kroos (90+5)
O. Toivonen (32)
Olimpiyskiy Stadion Fisht
Alemanha 2 x 1 Suécia: Atuais campeões conseguem virada histórica nos acréscimos e mudam panorama do Grupo F
17:14 BRT 23/06/2018
Toni Kroos Germany 23062018
Após estarem próximos da eliminação, alemães chegaram ao gol da vitória com Toni Kross

Isso é Copa do Mundo! Quem parou para acompanhar a partida entre Alemanha e Suécia, neste sábado (23), realizada no Estádio Olímpico de Fisht viu um jogaço com emoção até o último minuto. No fim, melhor para os torcedores da atual campeã do mundo, que, com um gol de Kross aos 49 minutos do segundo tempo, venceu por 2 a 1, e se recuperou da derrota para o México na estreia. 

Com o resultado, a Alemanha chega aos mesmos três pontos da Suécia, empatados no saldo de gols e no número de gols marcados. O México, com seis, precisa apenas de um empate com a seleção escandinava para garantir a classificação. Já a Coreia, praticamente eliminada, precisa derrotar a tetracampeã do mundo. Os confrontos acontecerão simultaneamente na quarta-feira (27), às 11h (de Brasília)

O JOGO

Dentro de campo, as duas seleções fizeram uma grande partida. Como já era de se esperar, a Alemanha, precisando da vitória depois da derrota para o México na estreia, começou pressionando muito. A Suécia, por sua vez, se postou no campo de defesa apostando nos contra-ataques.

Logo aos dois minutos, Werner arriscou chute cruzado e Olsen espalmou. No rebote, Reus por pouco não abriu o placar para a Alemanha. Sete minutos depois, o jogador do Borussia Dortmund voltou a dar trabalho para a defesa do time nórdico, que, na primeira vez que subiu ao ataque, reclamou e muito de um pênalti de Boateng em Berg, que teria sido deslocado antes de finalizar com perigo para boa defesa de Neuer.

Depois de muita pressão nos primeiros 20 minutos, os atuais campeões do mundo abaixaram o ritmo e ainda perderam o volante Rudy, que fraturou o nariz após um chute involuntário de Toivonen.

Gündogan entrou no seu lugar aos 30 minutos e, logo em seguida, a Suécia conseguiu sair na frente com Toivonen. Um dos craques da Alemanha, o meia Toni Kroos errou passe no meio-campo, o jogador sueco aproveitou, partiu em velocidade e tocou com categoria encobrindo Neuer.


(Foto: Getty Images)

Depois do gol, as duas equipes mantiveram a mesma postura, mas a Suécia esteve mais perto de ampliar do que a Alemanha de empatar. Os atuais campeões do mundo viram Olsen salvar em chute de longe de Kroos, enquanto Neuer pegou cabeçada de Berg já nos acréscimos.

Precisando de gols, o técnico Joachim Löw tornou a equipe ainda mais ofensiva na volta para o segundo tempo ao colocar Mario Gómez no lugar de Draxler. E logo aos dois minutos a Alemanha conseguiu o empate.  Werner escapou pela esquerda e cruzou rasteiro. A bola passou pelo atacante que havia acabado de entrar e sobrou para Reus, que chegou antes do defensor para estufar as redes.


(Foto: Getty Images)

A pressão alemã seguiu depois do gol e a Suécia, por sua vez, se colocou toda na defesa para segurar o empate. Aos cinco, Thomas Müller, de cabeça, quase virou. Aos 10, Olsen apareceu mais uma vez no jogo ao defender chute de Hector. Já aos 15, Kimmich cruzou rasteiro para área, e Reus errou a finalização de letra. Aos 26, o goleiro da seleção escandinava voltou a aparecer ao salvar gol contra de Lindelof..

A Suécia só conseguiu levar perigo ao gol de Neuer aos 30 minutos em chute de Forsberg de longa distância, mas a Alemanha era quem seguia levando mais perigo. Aos 35, Werner recebeu a bola na área e bateu de primeira sobre o gol. Os atuais campeões do mundo, porém, viram tudo ficar mais complicado no minuto seguinte ao ver Boateng ser expulso após receber o segundo amarelo por falta dura em Berg. Na cobrança da infração, Neuer ainda salvou a equipe. 

Mesmo com um defensor expulso, Löw foi para o tudo ou nada colocando mais um jogador ofensivo, o meia Brandt no lugar de Hector. Aos 42, Kroos cruzou na área, Mario Gomez desviou de cabeça e Olsen fez uma grande defesa. Já nos acréscimos, Brandt chutou  da entrada da área, e a bola explodiu na trave. Quando todos achavam que a partida terminaria empatada, quando Kroos fez o gol salvador em cobrança de falta em dois toques, que foi parar no ângulo de Olsen. Festa alemã e decepção sueca dentro de campo.