Vitor Hugo se despede e vai deixar saudade por diferentes motivos

Comentários()
Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação
Zagueiro sai em alta e deixa impressão de que pode ser considerado um ídolo do clube

A venda de Vitor Hugo para Fiorentina já estava confirmada oficialmente há quase um mês, mas a despedida oficial do zagueiro só aconteceu nesta segunda-feira (12). O time está se adaptando a jogar sem ele, mas não é fácil: Vitor foi um dos pilares do elenco nos últimos dois anos e  virou candidato a ídolo do Verdão. Opine abaixo se ele conseguiu esse posto.

O nome de Vitor Hugo já está escrito na história do Palmeiras. Afinal ele foi titular do time em duas grandes conquistas, a Copa do Brasil de 2015 e o Campeonato Brasileiro de 2016. Mas não dá para reduzir a passagem dele apenas a isso. Existem outros motivos que podem fazer os palmeirenses sentirem saudades de Vitor Hugo.

Em primeiro lugar, é preciso valorizar a qualidade técnica de Vitor Hugo na defesa. É um zagueiro rápido, forte, com boa saída de jogo e ótimo desempenho nas jogadas aéreas.

Esse bom aproveitamento pelo alto leva ao segundo motivo de saudades: Vitor Hugo também fará falta pelos gols que ele marcava quando ia ao ataque. Com 13 gols feitos, ele é o 10º zagueiro mais artilheiro da história do Palmeiras. E entre esses lances existe até um gol de bicicleta marcado contra o São Bernardo, em 2015. As comemorações com cambalhotas também ficaram marcadas.

vitor hugo cambalhota palmeiras
Quiseram proibir as cambalhotas em 2015, mas elas ficaram para sempre (Foto: Divulgação/Palmeiras)

Além das qualidades em campo, Vitor Hugo também se destacou pelas personalidade fora dele. É um jogador simples, que fortaleceu o grupo ao longo desses dois anos e meio, e virou um dos líderes no vestiário pelo bom humor e dedicação.

Essa personalidade também ficava refletida em entrevistas de Vitor Hugo. Cada vez que ele ia para sala de imprensa, era uma pérola diferente. Ele costumava brincar com os companheiros de equipe: "Tchê Tchê tem que mudar de nome porque parece música do Gustavo Lima", disse quando o volante chegou ao Palmeiras.

E na entrevista de despedida não foi diferente. Mais uma vez Vitor Hugo divertiu os jornalistas, principalmente quando comentou sobre ter que aprender italiano a partir de agora. "Me falaram que meu filho vai falar italiano antes que a gente. Não dúvido, porque ele é esperto. Eu não sou", afirmou e gargalhou.

Vitor Hugo Palmeiras coletiva 21092015
Vitor Hugo sempre deu show nas entrevistas (Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)

Inclusive Vitor Hugo foi até Florença para assinar contrato e já começou a acumular histórias engraçadas: "chegaram dando 'tchau', mas era 'oi'. A gente estava em outro departamento, e a mulher chegou falando 'salve' e eu falei 'ôxi'. Só que isso também significa 'oi'". E parece que os jornalistas também vão se divertir com ele por lá: "eu tava estudando, estou 'parlando'. Aí os repórteres começaram a pressionar e eu falei uns negócios que nem existem".

Aproveitando o lado brincalhão de Vitor Hugo, o Palmeiras fez um vídeo para surpreender o zagueiro na despedida. Ele ficou emocionado e prometeu voltar ao clube futuramente. Veja:

Agora falando sério: com tantas qualidades dentro e fora de campo, além dos títulos, é normal que Vitor Hugo vire candidato a ídolo do Palmeiras. Claro que a decisão sobre isso tem que vir da torcida. Mas ele fez o bastante para deixar a pergunta no ar:

 

Fechar